CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O Mundo Além das Palavras

Dentro deste mundo há um outro mundo impermeável às palavras.
Nele, nem a vida teme a morte, nem a primavera dá lugar ao outono.

Histórias e lendas surgem dos tetos e paredes, até mesmo as rochas e árvores exalam poesia.
Aqui, a coruja transforma-se em pavão; o lobo, em belo pastor.

Para mudar a paisagem, basta mudar o que sentes;
E se queres passear por esses lugares, basta expressar o desejo.

Fixa o olhar no deserto de espinhos.
- Já é agora um jardim florido!
Vês aquele bloco de pedra no chão?
- Já se move e dele surge a mina de rubis!

Lava tuas mãos e teu rosto nas águas deste lugar, que aqui te preparam um fausto banquete.
Aqui, todo ser gera um anjo; e quando me vêem subindo aos céus, os cadáveres retornam à vida.

Decerto viste as árvores crescendo da terra, mas quem há de ter visto o nascimento do Paraíso?
Viste também as águas dos mares e rios, mas quem há de ter visto nascer de uma única gota d'água uma centúria de guerreiros?

Quem haveria de imaginar essa morada, esse céu, esse jardim do paraíso?
Tu, que lês este poema, traduze-o. Diz a todos o que aprendeste sobre este lugar.

Voz :Letícia Sabatella - Imagens : Cedar Lee - Música: Marcus Viana

Submited by

quinta-feira, janeiro 7, 2010 - 00:56

Videos :

No votes yet

marcelcervantes

imagem de marcelcervantes
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 12 semanas
Membro desde: 11/26/2009
Conteúdos:
Pontos: 357

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of marcelcervantes

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Fantasia Brincadeira de Criança 20 282 12/15/2009 - 23:24 Português
Poesia/Comédia A humilde melodia de amor e de dor de um apaixonado trovador 19 412 01/07/2010 - 14:00 Português
Prosas/Pensamentos A atenção - alguns fragmentos 0 262 11/18/2010 - 23:55 Português
Ministério da Poesia/Geral Vós sois os messias desta Nova Era 0 326 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Alegria Amo, logo existo! 0 442 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Amizade Vontade de União 0 308 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Amor Toma este coração para Ti 0 395 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Meditação O Fogo Divino 0 373 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Meditação Renúncia 0 474 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Aforismo Realização 0 502 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Alegria A Borboleta Azul 0 562 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Amor Saudades de ti 0 300 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Amor A doce melodia do teu coração 0 238 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Amor Deus mora no seu sorriso 0 348 11/19/2010 - 19:05 Português
Ministério da Poesia/Paixão Minha jóia vermelha 0 246 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Aforismo A Flor Azul 0 333 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Aforismo A Criança do Coração Dourado 0 389 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Amor Juro amar tudo até ao final 0 332 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Amizade Como um golfinho entre o mar e o céu 0 276 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Tristeza Eu aceito! 0 410 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Geral O Nosso Grande Desejo 0 281 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Amor Minha Esposa - Divina Terra 0 434 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Amor Amar-te-ei 0 390 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Aforismo Coragem! 0 387 11/19/2010 - 19:06 Português
Ministério da Poesia/Alegria O Doce Despertar da Aurora 0 693 11/19/2010 - 19:06 Português