CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

PINTAR O CÉU COM A TINTA DO MEU OLHAR-TE

Quero voar como a chuva pelo ar.
Pintar o céu com a tinta do meu olhar-te.
Ver-te como a cidade vê o tanto da montanha.

Arder em ti como o fogo se agita no sol.
Vestir-me de vento e passear-me pela tua pele.

Acender a noite com o luar
das minhas mãos pelo mar do teu corpo.
Ser o núcleo da terra por onde teus pés caminham.

Calar nossas vozes num beijo perfeito.
Fazer dos instantes eternidades afrodisíacas.

Amar-te despreocupadamente.
Descontroladamente pelos terraços do universo.
Demolir o tempo com culpa da nossa culpa de amar.

Respirar o sonho.

Desnudar as flores
com metamorfoses de palavras.
Ditas lábios nos lábios em silêncio por amor.

Arvorar ilhas de estrelas
como fogueiras perfumadas de pináculos
onde nos edificamos a dois num só fragor louco.

Sentir que a vida se completa em nós... Sem nós.

 

 

Submited by

quarta-feira, novembro 2, 2011 - 17:15

Poesia :

Your rating: None (10 votes)

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 30 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34827

Comentários

imagem de Odete Ferreira

Para Henrique

"Sentir que a vida se completa em nós... Sem nós"

Belíssimo!

Bjo

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 3 1.112 11/15/2016 - 02:50 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 0 692 02/18/2015 - 21:43 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 913 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 1.030 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 775 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 727 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 730 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 989 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 974 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 879 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 611 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 693 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 777 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 737 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 851 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 779 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 664 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 901 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 588 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 726 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 1.271 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 682 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 806 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 810 01/16/2015 - 20:47 Português
Poesia/Aforismo BEM VISTO 0 851 01/15/2015 - 15:36 Português