Controle

Queria muito entender
Como funciona o sistema
Não é possível saber
Se é o mercado
Que controla o estado
Ou se é o estado
Que controla o mercado.

Só é possível perceber
Uma forma de dominação
Que faz da alienação
Uma forma de viver.

Há um mundo tão cruel
Mas, não parece ser real
Cercado pelo mal
Amargo como fel.

Esse controle tão severo
De uma sociedade perversa
Causa-nos uma náusea
No coração
Desolado pela razão inversa
De uma triste ilusão.

Libertar-nos-emos?
Só se pensarmos
Nos nossos próprios enganos
Saber que somos humanos
Dependentes de Deus
Que pode libertar os seus.

Abra os olhos para a vida
Deixe raiar o sol da justiça
No seu coração sofredor
Aceite aquele grande amor
Oferecido na cruz
Pelo Filho de Deus!

Poema: Odair José, o Poeta Cacerense

http://odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

Martes, Enero 12, 2016 - 20:02

Poesia :

Sin votos aún

Odairjsilva

Imagen de Odairjsilva
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 6 horas 23 mins
Integró: 04/07/2009
Posts:
Points: 4572

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Odairjsilva

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Desilusión Quem sabe? 0 3 09/30/2020 - 19:27 Portuguese
Poesia/Desilusión A face do mal 0 12 09/28/2020 - 21:44 Portuguese
Poesia/Meditación Nas garras da ambição 0 10 09/25/2020 - 19:16 Portuguese
Poesia/Meditación Viver 0 12 09/24/2020 - 19:50 Portuguese
Poesia/Desilusión De mim só terá a saudade 0 9 09/23/2020 - 18:57 Portuguese
Poesia/Amor As coisas que tenho na alma 0 13 09/22/2020 - 19:19 Portuguese
Poesia/Meditación À sombra da ausência de Deus 0 15 09/21/2020 - 20:00 Portuguese
Poesia/Pasión Seus olhos se encontraram na luz suave 0 16 09/17/2020 - 21:34 Portuguese
Poesia/Desilusión Coração rasgado 0 19 09/16/2020 - 18:47 Portuguese
Poesia/Desilusión E eu não estarei mais no mesmo lugar 0 22 09/11/2020 - 21:35 Portuguese
Poesia/Tristeza Perseguindo as sombras 0 41 09/10/2020 - 19:07 Portuguese
Poesia/Pensamientos As artimanhas da noite 0 55 09/08/2020 - 18:44 Portuguese
Poesia/Pasión Não quero beber do teu desejo 0 62 09/07/2020 - 14:50 Portuguese
Poesia/Pasión O amor que transpira no meu ser 0 48 09/02/2020 - 19:26 Portuguese
Poesia/Dedicada Corinthians, Tu és o Maior 0 40 09/01/2020 - 21:27 Portuguese
Poesia/Amor Na tarde silenciosa de verão 0 37 08/31/2020 - 20:20 Portuguese
Poesia/Meditación Tempestade no céu 0 60 08/28/2020 - 14:42 Portuguese
Poesia/Desilusión Aprende a não ter saudade 0 45 08/27/2020 - 16:18 Portuguese
Poesia/Dedicada Nietzsche 0 45 08/26/2020 - 18:43 Portuguese
Poesia/Amor Dor e saudade 0 54 08/25/2020 - 15:13 Portuguese
Poesia/Pasión Pensar que custei tanto a te sentir 0 37 08/24/2020 - 19:31 Portuguese
Poesia/Meditación O que penso eu do mundo 0 50 08/21/2020 - 19:51 Portuguese
Poesia/Desilusión Inquisição 0 54 08/20/2020 - 19:13 Portuguese
Poesia/Amor Ainda bem 0 37 08/19/2020 - 14:42 Portuguese
Poesia/Tristeza As rosas não falam 0 62 08/18/2020 - 14:43 Portuguese