O JULGAMENTO

No silêncio o verso me corteja
Busco a poesia no mesmo ambiente
Na busca de um tema diferente
Sem arrogância e tampouco sobeja
Até o meu fim assim quero que seja
Eu ser fiel à minha consciência
Ter sempre tolerância e paciência
E um pensamento que ninguém maneja

Com minha liberdade aqui presente
Procuro ao menos ser equilibrado
Quando vejo inocentar culpado
E condenar alguém que é inocente
Eu reconheço que já fui contente
Ao ver o pobre ser reconhecido
Porém quem erra deve ser punido
Mas vejo “igual” tratado diferente

Lamento ver meu país dividido
Por dois lados que com unhas e dentes
Ao mesmo tempo iguais e diferentes
Defendendo político bandido
Quando às vezes eu me sinto perdido
Para o ponto de partida regresso
Pergunto pela “ORDEM E PROGRESSO”
Escrito na bandeira sem partido

Sérgio da Silva Teixeira
Bagé/RS.

Submited by

Sábado, Enero 27, 2018 - 00:41

Poesia :

Sin votos aún

Sérgio Teixeira

Imagen de Sérgio Teixeira
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 3 días 8 horas
Integró: 01/24/2011
Posts:
Points: 430

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Sérgio Teixeira

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/General DESPEDIDA 0 30 07/04/2020 - 21:40 Portuguese
Poesia/General POR UNS E OUTROS MOTIVOS (RACISMO) 3 307 06/16/2020 - 21:07 Portuguese
Poesia/General SOMOS TODOS IGUAIS (?) 2 287 05/25/2020 - 21:23 Portuguese
Poesia/General O CANTAR DO MEU SILÊNCIO 2 204 05/06/2020 - 16:26 Portuguese
Poesia/Soneto SONETO ÀS FLORES DA SEXTA-FEIRA SANTA 0 212 04/10/2020 - 16:10 Portuguese
Poesia/General DÉCIMAS DO MAL QUE FEZ A PAZ MUNDIAL 2 311 03/27/2020 - 01:51 Portuguese
Poesia/General ANALISTA DE MIM MESMO 0 174 03/17/2020 - 14:38 Portuguese
Poesia/Soneto SONETO DO MORTO VIVO 1 333 02/29/2020 - 03:04 Portuguese
Poesia/Soneto SONETO DA EXPERIÊNCIA 0 334 02/17/2020 - 17:52 Portuguese
Poesia/Soneto SONETO DO ACASO 0 216 02/07/2020 - 11:45 Portuguese
Poesia/General INÚTIL SABER (DÉCIMAS) 0 332 01/22/2020 - 22:41 Portuguese
Fotos/Personal LIVRO RECENTE 0 289 01/05/2020 - 14:06 Portuguese
Fotos/Personal LIVRO RECENTE 0 439 01/05/2020 - 13:59 Portuguese
Poesia/General AGONIA DO ANO 0 230 12/30/2019 - 00:45 Portuguese
Poesia/General DEVANEIO 2 563 12/22/2019 - 12:08 Portuguese
Poesia/General ADEUS À PRIMAVERA 0 478 12/22/2019 - 11:36 Portuguese
Poesia/General O IDÓLATRA 0 221 11/10/2019 - 17:29 Portuguese
Poesia/General RIMAS COM SINAIS 0 322 10/16/2019 - 01:35 Portuguese
Poesia/Soneto SONETO DO SER INVISÍVEL 2 534 10/02/2019 - 23:54 Portuguese
Poesia/General SUPERSTIÇÃO (SEXTA-FEIRA TREZE) 1 453 09/13/2019 - 17:22 Portuguese
Poesia/General SENTIMENTOS E CORES 1 507 08/19/2019 - 13:00 Portuguese
Poesia/General MEU TEMPO, MEU REINO 2 508 08/18/2019 - 19:38 Portuguese
Poesia/General SOLSTÍCIO DE INVERNO 2 687 06/23/2019 - 12:42 Portuguese
Poesia/General CANTO, SILÊNCIO E LIBERDADE 3 746 06/03/2019 - 12:39 Portuguese
Poesia/Soneto SONETO AO EXPEDICIONÁRIO "SEU ZÉCA" 0 521 05/05/2019 - 14:35 Portuguese