CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

AO ABANDONO - De Profundis


Quando em coito e
Tremura,
Veia ofendida,
Mãos no garrote,
Braço estendido,
Olho a seringa,
Cessando a convulsão.

Meu corpo é
Um perfeito vazio –
E eu sou aquele
Que deixei de fazer
Sentido,
Na dor e no prazer
Que me comporta,
No sigilo da hora
Abandonada. 

Jorge Humberto
04/04/08

Submited by

sexta-feira, março 15, 2013 - 11:36

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Jorge Humberto

imagem de Jorge Humberto
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 38 semanas 6 dias
Membro desde: 01/15/2012
Conteúdos:
Pontos: 1766

Comentários

imagem de Henricabilio

a vida é um enorme nada na

a vida
é um enorme nada
na furtiva
hora desesperada.

Pascoa Feliz!

__Abilio

imagem de Jorge Humberto

Abilio, meu amigo

É no desespero que encontramos o caminho de luz (não falo no sentido religioso) pois Conhendo-lhe a face saberemos quão importante é o outro lado os outros caminhos.

Grato amigo meu.
Abraço forte

Jorge Humberto

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Jorge Humberto

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral AH, UMA LÁGRIMA! 1 290 12/31/2018 - 01:01 Português
Poesia/Geral A minha presunção 0 212 09/01/2018 - 19:08 Português
Poesia/Amor SIMPLESMENTE TU 11 1.085 08/05/2015 - 01:33 Português
Poesia/Amor PARA TI NANCI LAURINO 2 973 04/26/2015 - 21:28 Português
Poesia/Tristeza PARA TI MEU QUERIDO PAULINHO! 1 755 04/26/2015 - 21:25 Português
Prosas/Pensamentos A CRIANÇA QUE HÁ EM NÓS 12 1.221 04/26/2015 - 20:50 Português
Poesia/Soneto FELIZ NATAL, MEU AMIGO, MEU IRMÃO! 1 772 06/19/2014 - 23:21 Português
Poesia/Geral FESTAS FELIZES, A TODOS OS AMIGOS DA WAF! 6 869 03/18/2014 - 15:15 Português
Poesia/Amor AMAR A QUEM UM SORRISO BASTASSE 6 1.007 12/04/2013 - 16:17 Português
Poesia/Soneto QUANDO DEIXEI A DROGA 4 828 12/04/2013 - 15:56 Português
Poesia/Aforismo Cada um, à sua maneira, escreve e é escritor. 0 1.221 07/27/2013 - 16:58 Português
Poesia/Soneto TUA LINDA MÃO 0 767 07/27/2013 - 16:54 Português
Poesia/Dedicado AMOR DE PAI! (No cumprir de seu 1º Aniversário, sem nós! 1 1.135 07/20/2013 - 19:20 Português
Poesia/Geral A CRIATURA 0 553 06/17/2013 - 13:20 Português
Poesia/Amor DOIRA O SOL E OS CORAÇÕES! 0 435 06/10/2013 - 15:02 Português
Poesia/Meditação Aranhas tecem espelhos.... 2 787 03/30/2013 - 12:11 Português
Poesia/Dedicado AO ABANDONO - De Profundis 2 918 03/28/2013 - 21:20 Português
Poesia/Pensamentos À ESTUPIDEZ 2 934 03/26/2013 - 20:52 Português
Poesia/Meditação A CRIATURA 2 739 03/20/2013 - 11:47 Português
Poesia/Gótico PROCURO O MEU JUSTO SUICÍDIO 2 1.044 03/13/2013 - 16:04 Português
Poesia/Tristeza NOTA DE FALECIMENTO DE MEU PAI! 14 1.748 03/10/2013 - 18:09 Português
Poesia/Intervenção DE SANGUE SUOR E LÁGRIMAS 6 1.112 06/20/2012 - 12:03 Português
Poesia/Fantasia PIREXIA 2 1.189 06/16/2012 - 11:09 Português
Poesia/Tristeza FLAGELAÇÃO 4 961 05/31/2012 - 10:26 Português
Poesia/Pensamentos CRU 2 915 05/28/2012 - 10:48 Português