CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

BLACKOUT

 

Todos querem a luz.Todos querem é brilhar..
Se vai dar eu não sei?Para onde vou?
Onde o instinto me conduz.
O desespero alimenta a coragem.

E pode se abraçar, o que não se quer dependendo da situção, o que não queria agora é o que você quer!
O amor que sentimos é do tamanho do ódio que temos embutido.A velha da cabana,tentou ler os meus pensamentos e entrou em parafuso,seja bem-vinda ao meu mundo.

Meu particular vai além de meros sonhos,muito além de realizações são coisas que eu não posso ti contar.
A verdadeira história se disfarça para ser digerida, o lado negro da democracia...Mesclados são os otimistas.
Sentinelas protegem o Estado, para a classe média somente alguns andares e nunca a cobertura.
A dor da queda me leva a varias tentativas,levo as feridas da vida o azar se afasta...
Não penso como seria...Mas sim como tudo foi!
Enquanto alguns deixam a felicidade para depois,procurando aquilo que não pode achar.
Você pode imaginar ou tentar?
Antes da luz se apagar.

Submited by

quinta-feira, fevereiro 10, 2011 - 22:51

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Zezinho

imagem de Zezinho
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 37 semanas
Membro desde: 04/08/2009
Conteúdos:
Pontos: 1300

Comentários

imagem de MarneDulinski

Comentário/Blackout

Valeu Zézinho, gostei muito de seu texto!

Um abração,

MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Zezinho

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Música YES BRASIL - O Poeta de Áries 0 5.997 03/17/2016 - 23:30 Português
Poesia/Intervenção Controverso. 0 1.443 02/21/2015 - 13:56 Português
Poesia/Geral Reticências. 0 1.192 02/02/2015 - 16:46 Português
Poesia/Geral Demográfico. 1 1.966 12/06/2012 - 00:22 Português
Videos/Cinema Entidades.- Genêro Comédia, 1º Capitulo 0 2.693 06/28/2012 - 00:34 Português
Poesia/Amor Ana Paula. 1 1.204 05/20/2012 - 00:48 Português
Poesia/Intervenção Projeção e ambição. 1 1.705 04/13/2011 - 23:25 Português
Poesia/Amor Pra ti fazer feliz!!! 1 1.505 04/13/2011 - 22:49 Português
Poesia/Intervenção Aniquilação. 2 1.979 04/04/2011 - 23:00 Português
Poesia/Meditação Areias do tempo. 2 2.957 04/03/2011 - 19:03 Português
Poesia/Meditação BLEFE. 1 1.810 03/13/2011 - 23:29 Português
Poesia/Intervenção Não desista de você! 1 2.220 03/13/2011 - 23:21 Português
Poesia/Amor Sem nome... 1 1.833 03/11/2011 - 01:07 Português
Poesia/Meditação BLACKOUT 1 2.124 02/10/2011 - 23:42 Português
Poesia/Gótico CHAVE MESTRA 0 1.854 01/25/2011 - 22:35 Português
Poesia/Intervenção Tome nota! 1 1.725 01/24/2011 - 04:20 Português
Poesia/Meditação Tempo. 0 1.671 01/23/2011 - 14:22 Português
Poesia/Pensamentos " 0 1.958 01/18/2011 - 22:11 Português
Poesia/Meditação Você pode fingir. 0 1.345 01/18/2011 - 20:58 Português
Críticas/Outros O Rio sobre a lama. 0 1.600 01/18/2011 - 20:35 Português
Críticas/Outros orkut 2 1.646 01/18/2011 - 18:19 Português
Poesia/Pensamentos Retro. 1 1.336 01/17/2011 - 00:08 Português
Poesia/Intervenção Carta a oposição. 0 1.520 01/16/2011 - 20:21 Português
Poesia/Canção Vozes 0 1.840 01/16/2011 - 16:19 Português
Poesia/Intervenção ... 0 1.562 01/16/2011 - 15:54 Português