CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Brincas comigo porque não me conhece!

Brincas comigo e com o meu coração
Se eu sou só amor, vida e emoção
Destrói em mim as minhas ofertas de carinho
Eu molho com as minhas lágrimas este solitário caminho

Não sei se paro ou sigo nesta estrada
Vivo nesta impossível ânsia de amar e ser amada
Seus olhos que não me olham, onde estariam a olhar?
Outros olhos e outros caminhos que eu não posso trilhar?

Brincas comigo e me deixa na solidão
Se eu vivo querendo me aprofundar no seu coração
Destrói em mim o desejo, a vontade
Joga-me de frente á uma grande verdade

Arrasta-me para o fundo de uma vontade contida
Não percebes que deste jeito me tiras a vida?
Queima-me por dentro o que eu não posso te dar
Um fogo ardente, um desejo imenso de um dia te amar

Brincas comigo porque não conhece o que eu posso te ofertar
É tão intenso o que está guardado em mim e quer se extravasar
Que tem hora que eu não estou mais aqui,
descarrego tudo e chego a me ausentar
Como dói este sentimento que me queima por dentro
e isto acontece a todo momento

Por que brincas comigo deste jeito?
Parece querer destruir o amor
que eu guardo no meu peito!
Brincas comigo mas um dia eu vou lhe mostrar,
que o meu amor é imenso,
e que vai valer a pena me amar!

Janete Sales

 

 

Imagem Google

Submited by

quarta-feira, novembro 23, 2011 - 00:42

Poesia :

Your rating: None (2 votes)

Dany May

imagem de Dany May
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 anos 44 semanas
Membro desde: 11/01/2011
Conteúdos:
Pontos: 1271

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Dany May

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos É DIFÍCIL SER INTEIRO! 3 1.900 02/27/2018 - 10:36 Português
Poesia/Amor Quero fazer amor 2 2.958 06/29/2014 - 13:18 Português
Poesia/Acrósticos Filhos do vento 2 1.574 06/22/2014 - 18:03 Português
Poesia/Alegria Para que serve a vida? 2 1.779 06/22/2014 - 18:00 Português
Poesia/Dedicado A liberdade de ser um cigano 0 2.474 03/17/2014 - 01:12 Português
Poesia/Meditação Oh minha Santa Sara, o meu olhar está fixo no teu altar 0 4.487 03/17/2014 - 01:03 Português
Poesia/Acrósticos Santa Sara Kali - Acróstico 0 3.940 03/17/2014 - 00:51 Português
Poesia/Desilusão Sonhadora 0 1.910 02/23/2014 - 12:30 Português
Poesia/Amor Sonho ser uma ventania e não sou 0 1.184 02/23/2014 - 12:16 Português
Poesia/Dedicado Eu fito as estrelas de perto! 0 2.259 10/07/2013 - 13:54 Português
Poesia/Dedicado Minha Mãe Meu Anjo 0 4.002 08/12/2013 - 10:23 Português
Poesia/Meditação ASAS DA IMAGINAÇÃO 2 1.326 08/12/2013 - 09:48 Português
Poesia/Dedicado O Povo Cigano merece o nosso respeito! By Janete Sales Dany 0 2.061 04/07/2013 - 18:20 Português
Poesia/Pensamentos A maioria das derrotas somos nós quem fabricamos... 0 1.233 03/16/2013 - 11:29 Português
Poesia/Fantasia Poesia, a Fusão do Princípio e do Fim! 2 1.603 02/20/2013 - 22:48 Português
Poesia/Amor Você é o melhor cobertor quando estou nua. 2 1.675 02/20/2013 - 22:45 Português
Poesia/Tristeza Poesia do adeus para sempre! 0 2.694 12/04/2012 - 14:17 Português
Poesia/Acrósticos O amor cura tudo! 0 2.705 12/04/2012 - 14:02 Português
Poesia/Acrósticos Respeito pelo irmão! 0 1.941 12/04/2012 - 13:36 Português
Poesia/Meditação Não morra no deserto! 2 1.820 12/04/2012 - 12:29 Português
Poesia/Acrósticos Minha vida sem amor! 4 1.690 12/04/2012 - 12:18 Português
Poesia/Amor Quem sabe você está lá? 2 1.424 11/30/2012 - 23:00 Português
Poesia/Tristeza Um conflito sem solução! - Gazal 0 1.668 11/20/2012 - 11:43 Português
Poesia/Meditação O homem triste sorriu! 0 3.463 11/08/2012 - 15:10 Português
Videos/Poesia O homem triste sorriu e um sorriso ao se abrir...By Janete Sales - Dany 0 2.882 11/08/2012 - 14:58 Português