CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

CASTRO ALVES e eu

(Me chamaram de poeta e eu
resolvi acreditar. Daí, tomei
a liberdade de fazer esta
poesia junto com Castro Alves)
...

Gente, eu preciso vender  livros
e fazer meu pé de meia,
e poder me sustentar.

Bendito quem semeia
livros à mão cheia
e manda o povo pensar.

Leitura traz muita calma;
é o universo na palma
da mão de quem quer sonhar.

E o livro caindo n’alma
é germe que faz a palma,
é chuva que faz o mar.

Em homenagem:
Castro Alves, 1870
J. Thamiel, ainda...

Submited by

sexta-feira, novembro 24, 2017 - 16:23

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 dias 26 minutos
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 2523

Comentários

imagem de J. Thamiel

resposta

Toda honra ao príncipe dos poetas.
Eu não tenho asas para voar tão alto como ele.

Albatroz! Albatroz! águia do oceano,
Tu que dormes das nuvens entre as gazas,
Sacode as penas, Leviathan do espaço,
Albatroz! Albatroz! dá-me estas asas.

imagem de lucio

Eu e Castro Alves

Muito boa esta tua poesia. Tu e Castro Alves formariam uma bela dupla de poetas.

imagem de lucio

Eu e Castro Alves

Muito boa esta tua poesia. Tu e Castro Alves formariam uma bela dupla de poetas.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral M É R I T O 0 63 12/07/2018 - 10:54 Português
Poesia/Geral CASTRO ALVES, O POETA INFANTE 0 115 11/30/2018 - 10:49 Português
Poesia/Meditação REFLETINDO COM A GALINHA 0 171 11/29/2018 - 15:02 Português
Poesia/Geral P R I S Ã O 3 140 11/25/2018 - 19:22 Português
Poesia/Meditação A T R I L H A 0 95 11/23/2018 - 17:24 Português
Poesia/Geral DESPEDIDA 2 144 11/20/2018 - 13:33 Português
Poesia/Geral MADORNA 0 193 11/06/2018 - 12:22 Português
Poesia/Geral FORMIGAS 2 219 10/29/2018 - 19:58 Português
Poesia/Gótico O RITUAL NEGRO 0 229 10/18/2018 - 16:01 Português
Poesia/Geral Ê X T A S E 0 199 10/18/2018 - 13:59 Português
Poesia/Meditação QUASE CONTRITO 0 394 10/15/2018 - 13:19 Português
Poesia/Geral Y EL TIEMPO PASÓ 0 254 09/26/2018 - 16:19 Português
Poesia/Geral EL TIEMPO 0 366 09/26/2018 - 16:13 Espanhol
Poesia/Geral NÃ0 ME SIGA 0 271 09/25/2018 - 19:06 Português
Poesia/Geral ETERNIDADE PRA QUÊ? 0 306 09/17/2018 - 12:50 Português
Poesia/Geral Y EL TIEMPO PASÓ 0 292 09/12/2018 - 12:26 Espanhol
Poesia/Geral ONTEM FOI SEXTA-FEIRA 0 228 09/08/2018 - 13:02 Português
Poesia/Meditação I N T RO S P E C T O 0 195 09/07/2018 - 18:15 Português
Poesia/Pensamentos O CAMINHO DO SOL 0 223 08/30/2018 - 17:40 Português
Poesia/Geral E O TEMPO PASSOU... 0 344 08/24/2018 - 12:27 Português
Poesia/Geral FUTURO DO PRETÉRITO 1 300 08/11/2018 - 13:48 Português
Poesia/Geral A s a u d a d e 0 332 07/30/2018 - 16:14 Português
Poesia/Dedicado DEUS, Ó DEUS! AGORA ME RESPONDES 0 760 07/24/2018 - 12:41 Português
Poesia/Geral S A U D A D E... 0 573 07/12/2018 - 12:12 Português
Poesia/Geral SE EU FOSSE POETA.. 0 370 06/28/2018 - 17:23 Português