CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

CONTAGEM REGRESSIVA

Há uma impiedosa contagem regressiva
Subtraindo os dias da minha existência
E eu apenas uma vítima passiva
Que silenciosamente pede por clemência

Nada pode impedir que ela chegue a zero
Tampouco saber em que dia ou que hora
Às vezes quero sempre, às vezes nunca quero
Ou tanto faz um ou o outro como agora

Mas não me importam os bons ou os maus fluídos
Pois eu estou ainda aqui, corpo presente
Enquanto o tempo e a morte, escondidos
Andam a vaguear por aí covardemente.

Sérgio da Silva Teixeira
BAGÉ/RS/BRASIL.

Submited by

segunda-feira, julho 8, 2024 - 23:08

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 dias 5 horas
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 855

Comentários

imagem de J. Thamiel

Caro poeta

- Gostei muito!
Somente um pequeno detalhe:
o correto é 'a zero'.

imagem de Sérgio Teixeira

Bem-vindo meu amigo escritor

Bem-vindo meu amigo escritor poeta J.Thamiel!
Grato pela presença e mensagem para correção.
Fui traído pelo corretor que não acusou o meu erro.
Um forte abraço.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral APAGÕES 2 415 07/20/2024 - 23:03 Português
Poesia/Geral RIMAS QUÂNTICAS 0 114 07/10/2024 - 18:25 Português
Poesia/Geral CONTAGEM REGRESSIVA 2 366 07/10/2024 - 18:03 Português
Poesia/Geral PERIGO NO PENSAMENTO (DÉCIMAS) 1 365 06/27/2024 - 16:00 Português
Poesia/Soneto QUANDO O SONO ME ABANDONA 2 449 06/25/2024 - 16:30 Português
Poesia/Soneto SONNETO DE LA ESPERANZA 1 1.067 06/24/2024 - 20:28 Espanhol
Poesia/Geral O VERSO E O REVERSO 0 129 06/10/2024 - 21:45 Português
Poesia/Geral EU E O CHÃO DO PÁTIO 0 314 05/23/2024 - 23:35 Português
Poesia/Geral INCREDULIDADE 0 525 04/19/2024 - 18:10 Português
Poesia/Soneto SONETO DE DIA E NOITE 0 370 04/17/2024 - 00:39 Português
Poesia/Meditação O ÓCIO E A GANGORRA 0 242 03/07/2024 - 00:14 Português
Poesia/Tristeza POESIA CATASTRÓFICA 0 263 03/03/2024 - 21:20 Português
Poesia/Soneto SONETO DO MEDO 0 231 03/02/2024 - 00:39 Português
Poesia/Geral PRINCÍPIOS (IA) 0 334 02/20/2024 - 17:48 Português
Poesia/Geral TEMPO DA GRAÇA - (O CAOS NO COMANDO) 0 578 01/12/2024 - 02:10 Português
Poesia/Geral O DIA SEGUINTE 0 285 12/24/2023 - 20:25 Português
Poesia/Soneto SONETO À ESPERANÇA 2 1.544 12/19/2023 - 18:54 Português
Poesia/Geral DE QUEM VIAJA NO TEMPO 2 1.813 12/15/2023 - 16:34 Português
Poesia/Geral A MESMA COISA DIFERENTE 0 252 12/03/2023 - 17:09 Português
Poesia/Geral RASTROS DE VERSOS 0 297 11/25/2023 - 18:11 Português
Poesia/Geral DISTRAINDO O TEMPO 0 410 11/10/2023 - 14:14 Português
Poesia/Geral MINHAS MADRUGADAS 0 426 10/28/2023 - 15:11 Português
Poesia/Geral DESPEDIDA 0 295 09/04/2023 - 15:35 Português
Poesia/Geral SETEMBRO PRESENTE 0 452 09/01/2023 - 14:57 Português
Poesia/Dedicado ORAÇÃO DE AMÉM A MIM 0 437 08/24/2023 - 22:16 Português