CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Felicidade

Tal como uma pluma levada pelo vento
A felicidade de alguém se desfaz
No amanhecer de um novo dia
Nem mesmo as boas lembranças da noite
Onde reinou as carícias de um louco amor
Pode descrever tão singela melodia.

Felicidade que termina
Como a alegria do carnaval
Na quarta-feira de cinzas
As lembranças de risos desconhecidos
Alegria tão passageira
Como as nuvens nas tardes de verão.

Tudo não passa de um sonho irreal
De uma louca vontade na vida
Que apaga da memória os sonhos
Um desejo tão incontido
No secreto de uma alma sonhadora
Na busca de uma tal felicidade.

Tristeza não tem fim
E nem hora marcada para chegar
Enquanto a felicidade sim
Ela se vai como a escuridão da manhã
Ao sair do sol imponente
No coração que fica a sonhar.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quinta-feira, setembro 16, 2021 - 13:41

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 dias 8 horas
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 6350

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Intervenção O que o medo diz para você 0 36 10/22/2021 - 16:45 Português
Poesia/Meditação Não eram bruxas, eram apenas mulheres 0 82 10/21/2021 - 22:28 Português
Poesia/Paixão Verdades secretas 0 42 10/21/2021 - 21:38 Português
Poesia/Meditação Conversão 0 48 10/21/2021 - 16:04 Português
Poesia/Pensamentos Doces flores que sorriem no caminho 0 104 10/20/2021 - 16:18 Português
Poesia/Pensamentos Há um lobo dentro de mim 0 117 10/19/2021 - 20:26 Português
Poesia/Tristeza Afinal eu não sou tão culpada assim 0 100 10/18/2021 - 19:32 Português
Poesia/Amor Na minh'alma só existe você 0 72 10/18/2021 - 19:29 Português
Poesia/Desilusão Tive sonhos de louco 0 65 10/16/2021 - 14:16 Português
Poesia/Meditação Espelho, espelho meu 0 61 10/15/2021 - 18:43 Português
Poesia/Tristeza Tenta esconder de todo jeito 0 138 10/14/2021 - 19:33 Português
Poesia/Amor Há um caminho a seguir 0 133 10/13/2021 - 19:16 Português
Poesia/Paixão Nunca foi nenhum segredo 0 84 10/12/2021 - 12:45 Português
Poesia/Amor No profundo coração 0 72 10/11/2021 - 13:20 Português
Poesia/Desilusão Nada pode ser mais terrível 0 271 10/09/2021 - 13:29 Português
Poesia/Intervenção Filactérios 0 135 10/06/2021 - 23:19 Português
Poesia/Alegria Cáceres, 243 anos de História 0 114 10/06/2021 - 13:51 Português
Poesia/Tristeza Eu sei que isso pode ser triste 0 134 10/05/2021 - 20:39 Português
Poesia/Dedicado Cáceres, eternamente 0 158 10/04/2021 - 21:13 Português
Poesia/Dedicado Cáceres, Cáceres, Cáceres 0 117 10/03/2021 - 18:33 Português
Poesia/Dedicado Cáceres dos meus amores 0 160 10/01/2021 - 19:27 Português
Poesia/Amor Você olha pela janela 0 106 09/30/2021 - 14:31 Português
Poesia/Fantasia Ando em ruas de paralelepípedos 0 143 09/29/2021 - 20:28 Português
Poesia/Tristeza Caminhos diferentes 0 119 09/28/2021 - 19:34 Português
Poesia/Intervenção O preconceito na Sociedade Brasileira 0 250 09/27/2021 - 19:34 Português