CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

IMPASSIBILIDADE

Para você, ele nem demorou. Foi uma fuga ocasional.
O tempo como sempre passou:
amanheceu e escureceu, mas isso é o normal.
O tempo que era de vocês, vocês não perceberam, voou.

O que você podia apreender com um néscio, um rude?
Que ele dominasse o tempo e te ensinasse
o extraordinario e as extravagâncias da própria juventude?
Será que nada havia que a animasse?

Bastava ter atitude, vencer a apatia.
Vocês ficaram na praça ouvindo o realejo.
As pessoas passeavam e nelas a vida sorria.
Mas, para vocês isto não servia de ensejo.

Não tinham o que fazer, nada.
Nada era bom, nada era mau.
Então, ele estava desatento e saiu por aí.
Encontrou-se com o mundo, descalço.
Mesmo assim ele seguiu.
Viu um precipício e desceu ao fundo.
Pisou em falso.
Caiu.

J. Thamiel
23.10.2021
12h 31min

Submited by

domingo, outubro 24, 2021 - 13:45

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 semanas 3 dias
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 3612

Comentários

imagem de Odairjsilva

O tempo como sempre...passa

Uma viagem...é o que sempre faço ao ler os versos aqui expostos de forma tão sublime. Faz-me pensar, refletir e, consequentemente, escrever. Forte abraços meu nobre amigo.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação VIDA VELA 0 799 12/10/2021 - 14:55 Português
Poesia/Fantasia PARALELAMENTE OPOSTOS 2 444 11/16/2021 - 18:59 Português
Poesia/Desilusão O POETA TRISTE 3 864 11/13/2021 - 12:51 Português
Poesia/Intervenção IMPASSIBILIDADE 1 664 11/13/2021 - 12:49 Português
Poesia/Pensamentos A ESTRADA COMEÇA AQUI 2 702 09/20/2021 - 21:02 Português
Poesia/Geral DELÍRIO DO ÍNDIO PYATÃ 3 623 06/28/2021 - 15:40 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALINNA 0 808 05/05/2021 - 16:46 Português
Poesia/Geral O POETA FERIDO 3 887 04/22/2021 - 20:43 Português
Poesia/Desilusão AGORA É SAUDADE 0 877 04/21/2021 - 15:14 Português
Poesia/Fantasia H A R M O N I A 4 770 04/07/2021 - 15:39 Português
Poesia/Geral A CHUVA MOLHA AS ALMAS DISTRAÍDAS 0 623 04/03/2021 - 16:13 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALLINA 0 1.187 03/11/2021 - 18:39 Espanhol
Poesia/Geral R E F L E X Ã O DE U M A G A L I N H A 0 704 03/11/2021 - 17:38 Português
Poesia/Desilusão D E S T I N O 0 836 03/10/2021 - 13:24 Português
Poesia/Fantasia R E V E R Ê C I A 0 916 02/28/2021 - 19:01 Português
Poesia/Amor PERDIDOS NO TEMPO 0 935 02/25/2021 - 22:55 Português
Poesia/Poetrix GUARULHOS HOJE 0 1.128 02/23/2021 - 20:03 Português
Poesia/Amor O MAIS BELO POEMA FEITO PARA VOCÊ 0 725 02/18/2021 - 20:19 Português
Poesia/Amor TUA BELEZA 0 695 02/15/2021 - 13:49 Português
Poesia/Amor O ETERNAMENTE 0 831 02/15/2021 - 12:39 Português
Poesia/Amor UMA ILUSÃO LETAL 1 869 02/13/2021 - 20:20 Português
Poesia/Geral JOSÉ DE TAL 1 477 02/10/2021 - 22:42 Português
Poesia/Geral CORAL DE MARMANJOS 1 697 02/10/2021 - 22:27 Português
Poesia/Geral E, AS VACAS ? 1 731 02/10/2021 - 22:20 Português
Poesia/Geral PORQUE ME TORNEI POETA 4 796 02/10/2021 - 12:36 Português