CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Minha alma confidenciou-me um dia

Minha alma confidenciou-me um dia

Mas, que bom seria arar a terra com as mãos
E possui-la em noite de maresia
Percorrer seu corpo labiado
E revira-lo com o arado do tempo todo
Cheirar seus contornos odoríficos
…Seria o prazer último do amanhecer

E quando isso acontecer para lá do alvorecer
O chão que piso fará vénias às musas
E os rios alagarão os campos sob a égide da compaixão

E somente com o poder de uma lembrança
Rogarei aos céus

Agora a força da constância é minha
E a sabedoria sem restos de duvida também

E neste pedaço de mundo
Minha alma aquietou-se e saboreou
A noite que por aqui passou!

Submited by

sexta-feira, março 16, 2012 - 14:41

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

IsabelPinto

imagem de IsabelPinto
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 22 semanas
Membro desde: 05/02/2008
Conteúdos:
Pontos: 1368

Comentários

imagem de natalianuno

Belíssima inspiração, gostei

Belíssima inspiração, gostei de ler.

bj.

imagem de IsabelPinto

Obrigada Natália pela

Obrigada Natália pela leitura!

Beijinhos
I

imagem de SuzeteBrainer

Querida amiga, Somente uma

Querida amiga,

Somente uma alma rara,de uma beleza sublime como a tua,poderia decodificar as palavras e transcrevê-las para o espaço poético,com teu enorme talento e inspiração que nos seduz,emociona e paraliza:

"E neste pedaço de mundo

 Minha alma aquietou-se e saboreou

 A noite que por aqui passou!"

Fiquei encantadawink

Beijinhosmiley

imagem de IsabelPinto

Obrigada querida amiga Suzete

Obrigada querida amiga Suzete pelo maravilhoso comentário a tua poesia também me encanta...a alma:)

Beijinhos
I

imagem de Jorge Humberto

Minha querida, Isabel,

Minha querida, Isabel,
 

que beleza e que puro lirismo, em cada verso teu: arar a terra com tuas próprias mãos (que entrega sublime!), e eis então possui-la em noites de maresia, percorrendo seu corpo labiado, revirando-o com o arado do tempo todo, cheirando-lhe aí seus contornos odoríficos, que é a semente, desfolhando-se, num prazer último de um novo amanhecer, na primeira de todas as manhãs. E mais dizes: e quando isso acontecer para lá do alvorecer, entregar-te, rogando aos céus, de todos os futuros, a força de tua constância, a sabedoria sem restos de dúvida também. Que é isso,  senão, todos os pedaços, de outros tantos pedaços, desse mundo que se transcendeu, na alma aquietando-se, na noite que por aqui passou? Lindo demais! E que prazer, ter um poder de lembrança, que em ti permaneceu e permanecerá, vingou e vingará, como àquela flor, que na terra lá puseste. Virei sempre ler-te: poetisa, amiga, de mão cheia. Escreve... escreve, o muito que ainda te falta dizer!
 

Beijinhos mil
Jorge Humberto

imagem de IsabelPinto

Querido amigo Jorge o teu

Querido amigo Jorge o teu comentário é simplesmente...encantatório! Vertes e revertes palavras sublimes que enaltecem meus escritos:) Majestosa a forma como constróis a tua análise, que confesso é única e reconfortante! Sim Jorge ainda há muito por dizer, por saber, por ver, ainda há muito a sentir!

Obrigada beijinhos na alma:)
I

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of IsabelPinto

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Escrevo-me 1 739 02/27/2018 - 10:07 Português
Poesia/Fantasia Vem comigo 0 1.704 07/18/2012 - 08:33 inglês
Poesia/Geral Estradas para dentro de mim 4 832 07/16/2012 - 12:46 Português
Poesia/Geral Dispo-me de ti 8 1.014 05/30/2012 - 09:34 Português
Poesia/Amor Possa eu 6 735 05/20/2012 - 21:48 Português
Poesia/Meditação Mergulho 2 830 05/20/2012 - 21:41 Português
Poesia/Meditação Escrevo no céu 4 667 05/10/2012 - 07:58 Português
Poesia/Geral Sinistra metamorfose 2 887 04/27/2012 - 15:44 Português
Poesia/Amor Trino amanhecer 2 797 04/27/2012 - 15:40 Português
Poesia/Meditação Tempo 8 818 04/24/2012 - 22:47 Português
Poesia/Alegria Minha alma confidenciou-me um dia 6 650 04/24/2012 - 13:38 Português
Poesia/Amor Dizem... 6 921 04/24/2012 - 13:22 Português
Poesia/Amor O som das palavras 0 760 01/21/2012 - 13:34 Português
Poesia/Erótico Simplesmente sublime 1 899 12/26/2011 - 10:55 Português
Poesia/Fantasia Linha do horizonte 4 962 12/19/2011 - 14:23 Português
Poesia/Amor Efervescências de mim 1 806 06/07/2011 - 21:28 Português
Poesia/Meditação Linha do horizonte 1 1.275 06/01/2011 - 18:17 Português
Poesia/Fantasia Curvo-me perante ti 4 1.518 05/18/2011 - 15:49 Português
Poesia/Amor Pedra em flor 2 1.141 05/17/2011 - 13:28 Português
Poesia/Alegria Quando o mar espuma pela boca 0 1.073 05/15/2011 - 23:20 Português
Fotos/Pessoas 2020 0 1.902 11/23/2010 - 23:45 Português
Fotos/ - 640 0 1.549 11/23/2010 - 23:36 Português
Fotos/ - 554 0 1.778 11/23/2010 - 23:34 Português
Poesia/Dedicado Nosso povo 0 1.334 11/17/2010 - 22:40 Português
Poesia/Dedicado Poema de despedida 5 1.058 05/17/2010 - 01:38 Português