CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Não se pode matar as palavras

Tentou matar as palavras
Queria mesmo sepultá-las no mais profundo que pudesse
Rasgar as folhas e soltá-las pelo vento
Afogá-las em suas lágrimas
Riscar do mapa toda e qualquer lembrança
Simplesmente que elas não mais existissem...

Triste solidão deste ser humano
Será que não sabe que as palavras são imortais?
Não se pode matar as palavras
Elas existem antes mesmo de existirem
Na imaginação de quem escreve
E elas permanecem para sempre
Em folhas amarelas
Rasgadas pelo tempo
Rabiscadas
E lá estão as palavras
Que tentaram assassinar pela fúria da desilusão...

Não se pode matar as palavras
Que agora formam esta mensagem poética
Que atravessa o tempo
Descortina a imensidão
E vai parar direto no seu coração.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quarta-feira, novembro 24, 2021 - 19:18

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 horas 53 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 8360

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Poesia, melodia e fantasia 3 31 08/09/2022 - 23:48 Português
Poesia/Desilusão Vacilo 3 35 08/09/2022 - 19:55 Português
Poesia/Amor Onde está meu coração 3 66 08/08/2022 - 13:22 Português
Poesia/Meditação A Solidão e o Cativeiro 3 65 08/05/2022 - 19:59 Português
Poesia/Intervenção Realidade inquietante 3 63 08/04/2022 - 20:55 Português
Poesia/Desilusão Que essa ilusão morra enquanto ainda é esperança 3 84 08/03/2022 - 20:40 Português
Poesia/Amor Deixei a tarde para você 3 48 08/02/2022 - 19:04 Português
Poesia/Meditação Calmaria para o coração 3 125 08/01/2022 - 12:56 Português
Poesia/Desilusão A morte é só pedra do esquecimento 3 139 07/30/2022 - 12:48 Português
Poesia/Amor Te amei sem que eu o soubesse 3 176 07/29/2022 - 13:56 Português
Poesia/Desilusão Tento voar 3 59 07/28/2022 - 15:15 Português
Poesia/Intervenção Escravos Institucionalizados 3 101 07/27/2022 - 13:34 Português
Poesia/Amor E se eu não conseguir ler 3 129 07/25/2022 - 19:17 Português
Fotos/Artes Dia Nacional do Escritor 0 42 07/25/2022 - 12:48 Português
Poesia/Amor Quando aprendi a te amar 3 112 07/23/2022 - 13:58 Português
Poesia/Intervenção Em uma rua qualquer de algum lugar 3 94 07/22/2022 - 13:19 Português
Poesia/Intervenção Para onde caminha a humanidade? 3 272 07/21/2022 - 12:49 Português
Poesia/Meditação O melhor presente 3 86 07/20/2022 - 14:31 Português
Poesia/Intervenção A miséria que vira rotina 3 145 07/19/2022 - 22:09 Português
Poesia/Intervenção A metamorfose do futuro 3 310 07/19/2022 - 13:57 Português
Poesia/Amor No peito um coração que sorria 3 107 07/18/2022 - 22:33 Português
Poesia/Pensamentos Não tenho tempo a esperar 3 142 07/18/2022 - 12:46 Português
Videos/Poesia Tirado do fundo do poço - Vídeo 0 32 07/17/2022 - 15:41 Português
Videos/Poesia Onde estão todas as crianças perdidas? 0 48 07/16/2022 - 15:40 Português
Poesia/Intervenção Onde estão todas as crianças perdidas? 3 144 07/15/2022 - 18:56 Português