CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O silêncio oculto dos deuses

Quando ergui minha voz no silêncio
Nem mesmo ouvi o som estridente dos tambores
Que tocavam ao longe
Gritos de crianças sendo queimadas
Nas mãos metálicas dos deuses.
A fumaça das fogueiras alcançavam o céu
Ofuscando a minha visão
Do que eu nem sei o que era.
Sonhos desfeitos pelas agonias incessantes
De sombras ocultas no inverno.
A alma dilacerada pelas torturas psicológicas
Nas manhãs frias de invernos cruéis.
Nem queria eu sair do meu mundo
E inquietar-me com tamanha calamidade.
Mas, não há como ficar em silêncio
Ouvindo esses gritos tão horríveis
Das almas que saem dos corpos queimados.
O que há de errado com o mundo?
Por que a violência se torna tão banal no dia a dia?
Onde estão os olhos de compaixão?
Lamentos e lamentos ouve-se
Na escuridão da madrugada
E parece não fazer mais sentido algum.
Olhos estão fechados para as atrocidades
E ouvidos tapados para não ouvir os gritos.
Até quando o homem será o lobo do homem?
A caça em dias nublados
A causa dos horrores causados a seus irmãos?

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, fevereiro 11, 2020 - 00:06

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 18 horas 51 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 4437

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Amor é estar ao seu lado 0 8 08/07/2020 - 18:34 Português
Poesia/Desilusão Os devaneios de um caminhante solitário 0 16 08/06/2020 - 19:22 Português
Poesia/Amor Junto ao meu coração 0 16 08/04/2020 - 14:34 Português
Poesia/Intervenção O Brasil merece a verdade 0 32 07/29/2020 - 19:24 Português
Poesia/Desilusão O rumo que aponta a rosa dos ventos 0 36 07/28/2020 - 12:56 Português
Poesia/Meditação A mulher que fugiu de Sodoma 0 21 07/21/2020 - 18:50 Português
Poesia/Amor Que esse amor aconteça 0 29 07/20/2020 - 18:30 Português
Poesia/Desilusão Ilusão 0 87 07/13/2020 - 15:29 Português
Poesia/Intervenção Levantar-me-ei 0 89 07/10/2020 - 20:37 Português
Poesia/Desilusão No fim 0 68 07/09/2020 - 16:11 Português
Poesia/Amor Eu só queria falar de amor 0 84 07/07/2020 - 19:20 Português
Poesia/Amor As três faces do amor 0 76 07/03/2020 - 19:05 Português
Poesia/Amor Imaginação 0 88 07/02/2020 - 18:09 Português
Poesia/Amor Sonhos ao luar 0 98 07/01/2020 - 14:27 Português
Poesia/Meditação A primeira vez que me mataram 0 114 06/19/2020 - 17:53 Português
Poesia/Tristeza Saudades 0 101 06/19/2020 - 17:51 Português
Poesia/Pensamentos Devaneios de um poeta 0 85 06/19/2020 - 17:44 Português
Poesia/Pensamentos O atroz encanto de ser idiota 0 155 06/17/2020 - 17:07 Português
Poesia/Amor Amar é 0 93 06/17/2020 - 17:05 Português
Poesia/Tristeza A cidade que te esconde 0 105 06/17/2020 - 17:04 Português
Poesia/Amor Deixa o sol nos levar amor 0 286 06/09/2020 - 22:36 Português
Poesia/Amor Por amor 0 86 06/09/2020 - 22:35 Português
Poesia/Meditação O Curioso Caso de Paulo Coelho 0 111 06/09/2020 - 22:34 Português
Poesia/Meditação O Misterioso Homem na Praça Barão 0 150 06/01/2020 - 20:21 Português
Poesia/Amor Som da alegria 0 176 06/01/2020 - 20:19 Português