CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Pátria brasileira

Eu tenho uma pátria
Um lugar que posso chamar de lar
Uma nação que amo muito
Onde tenho liberdade para sonhar.

Pátria Brasileira
Terra de contrastes e grandes diferenças
De oportunidades mil
Terra de muita fé, religiões e crenças.

Oh! Meu Brasil querido!
Nação de um povo tão lutador
Sua história é de ricas grandezas
Conquistadas com muitas lutas e muito suor.

Oh! Pátria amada, Brasil
De carnaval, futebol e esperança
O teu solo é sagrado
Para os idosos, os jovens e as crianças.

Te amo. Oh! Meu Brasil
Pelas belezas que se vê em ti
Pelo povo hospitaleiro
Pela esperança que encontramos aqui.

Pátria amada, Brasil
De desigualdades e descaso político
Não podemos deixar de lutar
Para que todos brasileiros tenham senso crítico.

Meu Brasil, brasileiro
Minha esperança está em um futuro melhor
Que nossa independência verdadeira
Esteja nas conquistas de uma nação maior.

Oh! Meu Brasil amado
Tu és o orgulho de toda uma geração
Que em nosso peito bata mais forte
O amor e a esperança dessa grande nação!

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, setembro 7, 2021 - 12:01

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 horas 11 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 7703

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos De mãos dadas com a Morte 3 56 05/18/2022 - 18:53 Português
Poesia/Pensamentos Do pensamento 3 76 05/17/2022 - 18:36 Português
Poesia/Desilusão O teu olhar 3 46 05/16/2022 - 23:29 Português
Poesia/Intervenção Destruam essa arte 3 46 05/16/2022 - 18:38 Português
Poesia/Desilusão Silenciosa sombra de solidão 3 47 05/16/2022 - 12:38 Português
Poesia/Amor Saber entender, crescer e viver 3 73 05/13/2022 - 19:25 Português
Poesia/Meditação Cantem as canções que não escrevi 3 58 05/12/2022 - 22:56 Português
Poesia/Tristeza Alma em suplício 3 49 05/11/2022 - 23:12 Português
Poesia/Meditação Feliz com sua presença 3 77 05/11/2022 - 18:42 Português
Poesia/Desilusão Insensatez 3 68 05/10/2022 - 18:37 Português
Poesia/Pensamentos Eu navegarei 3 62 05/09/2022 - 23:13 Português
Poesia/Pensamentos Fantasmas de um tempo passado 3 104 05/09/2022 - 13:28 Português
Poesia/Dedicado Mãe, o maior amor que pode existir 3 77 05/08/2022 - 20:33 Português
Poesia/Dedicado Mãe - Eu canto a ti o amor! 3 71 05/06/2022 - 23:57 Português
Poesia/Meditação Dias melhores virão 3 128 05/06/2022 - 19:01 Português
Poesia/Meditação A impossibilidade física da morte na mente de alguém que está vivo 3 76 05/05/2022 - 19:11 Português
Poesia/Meditação O peso do mundo 3 66 05/04/2022 - 23:02 Português
Poesia/Meditação E se não estiver tudo bem? 3 80 05/04/2022 - 18:45 Português
Poesia/Amor Inimaginável 3 83 05/03/2022 - 18:34 Português
Poesia/Tristeza Querida solidão 3 83 05/02/2022 - 18:29 Português
Poesia/Intervenção Não lastimo o próximo perigo 3 124 05/02/2022 - 12:41 Português
Poesia/Pensamentos Palavras apenas não servem 3 68 04/30/2022 - 21:59 Português
Poesia/Fantasia Enquanto dormia 3 89 04/29/2022 - 23:56 Português
Poesia/Meditação Resta um poeta morto! 3 103 04/28/2022 - 20:45 Português
Poesia/Meditação Corra com os cavalos 3 68 04/28/2022 - 18:23 Português