CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Quero então abraçar-te de Alma aberta

A cada manhã quando olho pela janela,
Muito mais que um novo dia, eu vejo
É o renascimento do mais intimo desejo
De te ver florir cada vez mais bela.

Em cada aurora em que te abraço e beijo
Sinto teu brilho florescer numa estrela
Mas se calo este sentir só por pejo
Me apago como à luz duma vela,

Quand`oxigénio em seu redor esgota.
Mas se com o tempo a dor desbota…
Com ele é também que o amor desperta…

Se o horizonte mostra infindáveis caminhos
Em que não precisamos caminhar sozinhos
Quero então abraçar-te de Alma aberta!

19/05/2012
http://antero-oliveira.blogspot.com

Submited by

sábado, maio 19, 2012 - 13:30

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Antero

imagem de Antero
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 27 semanas 4 horas
Membro desde: 08/02/2010
Conteúdos:
Pontos: 247

Comentários

imagem de KeilaPatricia

Belo soneto... Adorei bjs na

Belo soneto...

Adorei

bjs na alma...

imagem de Antero

Caríssima Keila

Grato pelo seu comentário fico feliz por saber que gostou...
:-) bjs

imagem de AnaLira

Belíssimo soneto! Uma forma

Belíssimo soneto!
Uma forma clássica que
não impede o extravasar dos
sentimentos.

imagem de Antero

Grato estimada Ana pelo seu

Grato estimada Ana pelo seu comentário...
Um abraço :-)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Antero

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Poesia Rendo-me 0 830 09/23/2012 - 20:03 Português
Poesia/Geral Rendo-me 2 437 09/09/2012 - 14:42 Português
Poesia/Soneto Quero então abraçar-te de Alma aberta 4 359 05/20/2012 - 19:59 Português
Poesia/Amor Quando meus olhos... 1 323 04/24/2012 - 21:56 Português
Poesia/Amor Luz do teu olhar 2 472 02/16/2012 - 13:10 Português
Poesia/Geral Morri 0 357 12/26/2011 - 18:26 Português
Poesia/Geral A minha alma a renascer 0 589 12/01/2011 - 18:56 Português
Fotos/Outros A Entrega 1 711 11/16/2011 - 22:29 Português
Poesia/Geral Ânsia de viver 0 703 10/28/2011 - 22:00 Português
Poesia/Geral Na ténue linha da realidade 0 584 10/09/2011 - 18:30 Português
Poesia/Soneto Suspiro 4 612 10/08/2011 - 18:40 Português
Poesia/Soneto Devolvam ao rio a sua pureza 0 581 08/03/2011 - 21:11 Português
Poesia/Amor Onde aprendi a Amar 2 598 07/08/2011 - 18:11 Português
Poesia/Soneto Jardins secretos 3 509 06/28/2011 - 20:16 Português
Poesia/Amor Silêncios 2 653 05/17/2011 - 12:17 Português
Poesia/Amor Memórias 4 535 05/12/2011 - 12:19 Português
Poesia/Soneto Para ti querida… sempre viverei! 2 743 04/30/2011 - 12:49 Português
Poesia/Soneto É Primavera 4 602 04/16/2011 - 14:12 Português
Poesia/Soneto Além do silêncio, um alegre viver 1 588 04/09/2011 - 22:26 Português
Poesia/Geral Passadas sim, mas não em vão 2 666 03/25/2011 - 19:47 Português
Poesia/Soneto Num Poema 2 731 03/20/2011 - 12:42 Português
Poesia/Amor Renascer 4 664 03/07/2011 - 21:31 Português
Poesia/Geral Morro de saudades 4 653 02/26/2011 - 13:51 Português
Poesia/Soneto Vem! 2 759 02/14/2011 - 13:11 Português
Poesia/Amor Amo-te 0 778 02/01/2011 - 23:01 Português