CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SONETO À TUA LUZ

Diante de ti se faz floresta o deserto
Com toda a fartura que lhe é mister
E mesmo tudo que há de bom que ela me der
Torna-se nada quando não estás por perto

Se a água do mar amarga assim não fosse
Como os meus dias cobertos de nostalgia
Tal qual o sal minha sede não saciaria
Poder que tem somente o teu beijo doce

A tua luz faz viva a morta paisagem
Calam-se todos os cantos dos passarinhos
Me junto a eles para ouvir a tua voz

O encanto que causa em mim a tua imagem
Põe na morte uma coroa de espinhos
Para que ela sangre de ciúme de nós.

Sérgio da Silva Teixeira
Bagé/RS.

Submited by

quinta-feira, fevereiro 16, 2017 - 00:18

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 semanas 15 horas
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 311

Comentários

imagem de J. Thamiel

Comentando

Cara, você tem aparecido pouco por aqui,
e não deveria ser assim, visto que nós
aprendemos uns com os outros e o seu
talento não pode ficar escondido.

J. Thamiel

imagem de Sérgio Teixeira

RESPOSTA

Muito agradecido prezado J. Thamiel, pelo teu bondoso comentário.
Estive por um bom tempo fora porque estava sem internet, reflexo da situação atual do país.
Forte abraço.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral CANTO, SILÊNCIO E LIBERDADE 3 323 06/03/2019 - 12:39 Português
Poesia/Soneto SONETO AO EXPEDICIONÁRIO "SEU ZÉCA" 0 201 05/05/2019 - 14:35 Português
Poesia/Geral OS SONS DO TEMPO 0 195 04/27/2019 - 16:12 Português
Poesia/Tristeza AS FLORES FIÉIS 0 124 04/12/2019 - 19:07 Português
Poesia/Geral A ILUSÃO DE SER POETA 2 232 04/04/2019 - 19:50 Português
Poesia/Geral MUITO ALÉM DO MÊS DE ABRIL 0 104 04/02/2019 - 00:10 Português
Poesia/Geral QUANDO O SILÊNCIO AUMENTA 0 124 03/27/2019 - 12:11 Português
Poesia/Geral O DIABO INOCENTE 2 188 03/12/2019 - 16:11 Português
Poesia/Tristeza SOFRIMENTO 2 216 02/15/2019 - 17:53 Português
Poesia/Geral REFAZENDO O MUNDO 2 1.925 01/26/2019 - 18:13 Português
Poesia/Geral A VIDA E O NADA 0 253 01/22/2019 - 08:20 Português
Poesia/Geral O NOVO NÚMERO 2 201 01/01/2019 - 13:43 Português
Poesia/Geral DE QUEM VIAJA NO TEMPO 1 263 12/17/2018 - 11:45 Português
Poesia/Geral A MÁGOA DO TEMPO 1 218 12/10/2018 - 14:41 Português
Poesia/Fantasia UM ÓTIMO DIA 1 234 11/27/2018 - 21:13 Português
Poesia/Geral VIDA, VELA E VENTO 2 360 11/25/2018 - 17:03 Português
Poesia/Tristeza DIA DE FINADOS 2 418 11/25/2018 - 16:57 Português
Poesia/Geral CIÚME DOS TEMPORAIS 3 341 10/11/2018 - 15:34 Português
Poesia/Geral AGUACEIRO NO INVERNO 2 443 09/04/2018 - 18:20 Português
Musica/Pop CONTRASTES DE INVERNO 0 802 08/28/2018 - 21:55 Português
Poesia/Dedicado LUA DE SANGUE 4 473 07/29/2018 - 15:24 Português
Poesia/Geral NOVAS E VELHAS NOVIDADES 0 274 07/26/2018 - 22:03 Português
Poesia/Dedicado REINADOS SEM CRIMES 0 567 07/10/2018 - 17:49 Português
Poesia/Geral RESTOS DO DIA 6 530 06/16/2018 - 14:50 Português
Poesia/Soneto SONETO DO FRANGO MORTO 2 439 06/02/2018 - 00:14 Português