CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SONETO AO EXPEDICIONÁRIO "SEU ZÉCA"

Um bravo na defesa do país
Viajou pelos campos lá de fora
Foi o seu destino que assim quis
Determinando o dia, data e hora

Conheceu o inferno aqui na terra
Um lugar onde quem mata não peca
Derrotou a própria morte na guerra
E voltou vitorioso o “Seu Zéca”

Hoje mesmo ausente desse cenário
Seu brilho e dos seus heróis companheiros
Nem mesmo o passar do tempo desfaz

Por fim, “Seu Zéca”, o expedicionário
Seguindo os passos de outros guerreiros
Foi descansar pelos campos da paz.

"José Antônio Ferreira Meirelles o saudoso "SEU ZÉCA", fez parte da FEB - Força Expedicionário Brasileira. Com ele eu tive o privilégio de fazer amizade e conviver por alguns anos de sua vida, na Vila Industrial-Bagé/RS, e o homenageio a cada dia 05 de maio, Dia do Expedicionário aqui no Brasil.

Submited by

domingo, maio 5, 2019 - 14:35

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 semana 2 dias
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 401

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral DÉCIMAS DO MAL QUE FEZ A PAZ MUNDIAL 2 210 03/27/2020 - 01:51 Português
Poesia/Geral ANALISTA DE MIM MESMO 0 90 03/17/2020 - 14:38 Português
Poesia/Soneto SONETO DO MORTO VIVO 1 257 02/29/2020 - 03:04 Português
Poesia/Soneto SONETO DA EXPERIÊNCIA 0 268 02/17/2020 - 17:52 Português
Poesia/Soneto SONETO DO ACASO 0 108 02/07/2020 - 11:45 Português
Poesia/Geral INÚTIL SABER (DÉCIMAS) 0 252 01/22/2020 - 22:41 Português
Fotos/Pessoais LIVRO RECENTE 0 123 01/05/2020 - 14:06 Português
Fotos/Pessoais LIVRO RECENTE 0 138 01/05/2020 - 13:59 Português
Poesia/Geral AGONIA DO ANO 0 123 12/30/2019 - 00:45 Português
Poesia/Geral DEVANEIO 2 488 12/22/2019 - 12:08 Português
Poesia/Geral ADEUS À PRIMAVERA 0 304 12/22/2019 - 11:36 Português
Poesia/Geral O IDÓLATRA 0 134 11/10/2019 - 17:29 Português
Poesia/Geral RIMAS COM SINAIS 0 234 10/16/2019 - 01:35 Português
Poesia/Soneto SONETO DO SER INVISÍVEL 2 421 10/02/2019 - 23:54 Português
Poesia/Geral SUPERSTIÇÃO (SEXTA-FEIRA TREZE) 1 373 09/13/2019 - 17:22 Português
Poesia/Geral SENTIMENTOS E CORES 1 405 08/19/2019 - 13:00 Português
Poesia/Geral MEU TEMPO, MEU REINO 2 400 08/18/2019 - 19:38 Português
Poesia/Geral SOLSTÍCIO DE INVERNO 2 573 06/23/2019 - 12:42 Português
Poesia/Geral CANTO, SILÊNCIO E LIBERDADE 3 623 06/03/2019 - 12:39 Português
Poesia/Soneto SONETO AO EXPEDICIONÁRIO "SEU ZÉCA" 0 432 05/05/2019 - 14:35 Português
Poesia/Geral OS SONS DO TEMPO 0 442 04/27/2019 - 16:12 Português
Poesia/Tristeza AS FLORES FIÉIS 0 411 04/12/2019 - 19:07 Português
Poesia/Geral A ILUSÃO DE SER POETA 2 510 04/04/2019 - 19:50 Português
Poesia/Geral MUITO ALÉM DO MÊS DE ABRIL 0 435 04/02/2019 - 00:10 Português
Poesia/Geral QUANDO O SILÊNCIO AUMENTA 0 345 03/27/2019 - 12:11 Português