CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Eu sei que foi você - capítulo 4

Uma manhã, Virgínia foi ressabiada à escola, os braços agarrando os livros e cadernos como se sentisse a necessidade de se apoiar em algo. As outras meninas olhavam para ela dando risadinhas e os meninos se aproximavam dela dizendo:
-Puxa, Virgínia, eu não acredito que você é tudo isso, hein.
-Sai de perto de mim, seu nojento!
-Ué, mas você...
-Cai fora! Não dei liberdada para falarem comigo assim!
-Como não, Virgínia? Pensa que a gente não viu o seu Facebook?
-É tudo mentira!
-Ah, pois eu quero...
A menina correu, agoniada. Foi sentar perto de duas amigas, que se afastaram.
-Ei, esperem!
-Não dá, Virgínia!
-Mas a gente sempre foi amiga.
Cassandra olhou de muito longe e entrou na sala onde estudava. Michele conversava com umas colegas:
-Quem diria que a Virgínia, hein.
-Essas meninas quietinhas são as piores.
Desta vez, Cassandra se dirigiu até elas e disse:
-Tudo mentira. Tenho certeza que a Virgínia foi vítima de alguém que entrou na conta dela e inventou tudo!
-Ah é, esquisita?
-É sim. E eu espero que logo se descubra quem foi.
-Por que você a está defendendo? Ela não é sua amiga!Michele se enraiveceu.
-Porque o que vocês estão fazendo com ela é errado! Inventaram uma mentira contra ela e vocês, sem nem saberem se é verdade, ficam ofendendo a coitada!
-Vá ficar no seu canto, sua esquisita!retrucou uma moça.
Narciso entrou na sala e notou que Cassandra olhava para ele. Resolveu brincar:
-Como vai, gatinha? Gostou de minha jaqueta nova?
-...
-O que foi? Está sem fala? Ah, adoro esse seu jeito tímido. Você está um encanto!
-Vem, Narciso, para de zoar com ela.chamou Marcelo.
Indo sentar ao lado de Marcelo, Narciso se gabou:
-Vê que ela está caidinha por mim, Marcelo?
-A Cassandra? Ela nem olha para você.
-Estava olhando agora.
Discretamente, Marcelo espiou Cassandra. A moça olhava para onde Narciso e ele estavam sentados e Marcelo entendeu que ela sabia que eles haviam falado dela e que ele a estava espiando. Desconfortável, parou de espiá-la e reclamou:
-Ah, Narciso, você fala muita besteira!
-Ela gosta de se fazer de difícil.
-Você é muito besta, Narciso!
Quando tocou o intervalo, Cassandra foi à biblioteca, onde procurou o canto mais afastado para ler. Sentou no chão de pernas cruzadas, um livro aberto no colo. 
Ali, naquele ambiente silencioso, seu semblante ficou mais suave e ela respirou fundo, como se aliviada.

Submited by

sábado, maio 31, 2014 - 20:52

Prosas :

No votes yet

Atenéia

imagem de Atenéia
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 25 semanas
Membro desde: 03/21/2011
Conteúdos:
Pontos: 2453

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Atenéia

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Don't call me anymore 1 1.412 03/14/2018 - 13:22 inglês
Poesia/Geral Now, we are together 1 1.692 03/13/2018 - 21:29 inglês
Poesia/Fantasia Give me wings 1 1.293 03/13/2018 - 21:29 inglês
Poesia/Amor How can I show you 1 1.640 03/13/2018 - 16:48 inglês
Poesia/Tristeza You'll never be forgotten 2 1.500 03/10/2018 - 13:37 inglês
Poesia/Geral Não haverá mais segredos 1 736 02/09/2018 - 10:39 Português
Poesia/Tristeza We're never ready to say goodbye 0 1.283 03/12/2017 - 11:42 inglês
Poesia/Amor Sentimentos 0 809 01/19/2017 - 23:46 Português
Poesia/Geral Irmão 0 861 01/07/2017 - 21:42 Português
Poesia/Desilusão I'll never see you again 0 1.547 01/03/2017 - 15:02 inglês
Poesia/Desilusão O seu melhor 0 1.463 01/03/2017 - 14:58 Português
Poesia/Desilusão O último adeus 0 921 12/28/2016 - 16:36 Português
Poesia/Meditação Aonde pensamos 0 881 12/28/2016 - 16:32 Português
Poesia/Gótico A velha do saco de ossos 0 1.271 11/23/2016 - 16:45 Português
Poesia/Gótico Presenças espectrais 0 1.019 11/23/2016 - 16:36 Português
Poesia/Desilusão Don't come back to me 0 1.218 11/17/2016 - 16:11 inglês
Poesia/Geral Teu grito 0 1.228 11/17/2016 - 16:08 Português
Poesia/Gótico Peso morto 0 1.394 11/16/2016 - 23:36 Português
Poesia/Desilusão Learn to live alone 0 1.671 11/12/2016 - 11:23 inglês
Poesia/Meditação Torta 0 1.013 11/10/2016 - 16:23 Português
Poesia/Gótico O coração dilacerado 0 1.362 11/07/2016 - 15:48 Português
Poesia/Fantasia O presente 0 1.137 11/07/2016 - 15:45 Português
Poesia/Amor Ready to love 0 1.736 10/27/2016 - 21:42 inglês
Poesia/Amor Laços 0 1.477 10/27/2016 - 21:38 Português
Poesia/Fantasia Esta loucura 0 2.118 10/26/2016 - 16:18 Português