CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Amostras

Fui para a cozinha, fazer a minha boia
Para manter a cepa no ar
A Alma festejando como joia
E o espírito a aproveitar;

A Madeira subiu no mar
Com um jardim a pedir o galardão...
Ao Silva, teve que atacar
Mais aos loucos, `coroados louros`, do seu portão...

O Caváco, do `Império`, reinava certo lugar;
Por ser o número um, por surdo se fez passar...
O Jardim agradeceu; que apoiava a decisão...
Que, eles, `eram um bando de loucos` deputados da oposição
“ – Aqui, transformo o lixo que sai do vosso ouro,
Numa veia Lusítana,coroada, sem um ramo de louro”...

O Funchal acorda em festa, no inicio da semana
Que o trabalho é uma besta,
Para o número um se faz a cama...
No meio da tarde aterrou, nos sorrisos do Jardim;
O numero, não se anunciou, só o Silva, esse sim;
“ Sem referências ao acontecimento,
Nem sessão solene, na assembleia do momento”

O Jardim provoca a ocasião
Merecendo a crítica e a acusação...
Aproveita a chave e a porta
E, - São os faxistas que pôem a Madeira torta
“Vai o Jardim, `na vergonha`, ao trombone:
Quer que eles se sumam naquilo que os consome”.

Submited by

quinta-feira, abril 15, 2010 - 18:58

Ministério da Poesia :

No votes yet

antonioduarte

imagem de antonioduarte
Offline
Título: Moderador Poesia
Última vez online: há 4 semanas 4 dias
Membro desde: 01/09/2010
Conteúdos:
Pontos: 2570

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of antonioduarte

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto “Cheguei Tardio” 4 1.044 03/15/2018 - 11:17 Português
Poesia/Poetrix “Quadra a ti” Acto 7º 1 713 06/13/2014 - 23:54 Português
Poesia/Soneto “Delicado” 3 938 12/04/2013 - 22:15 Português
Prosas/Lembranças “Tornado Pedra” 0 1.168 11/07/2013 - 02:30 Português
Poesia/Soneto “Terra” 0 1.716 11/07/2013 - 02:02 Português
Poesia/Soneto “Milagre de Flores” 0 680 04/03/2013 - 03:00 Português
Poesia/Haikai Quadra a ti” Acto 5º 0 1.569 03/22/2013 - 05:17 Português
Poesia/Soneto “Ecos Distantes” 0 1.127 02/22/2013 - 01:16 Português
Poesia/Soneto “Tantos… Tantos” 0 813 01/10/2013 - 04:34 Português
Poesia/Haikai “Quadra a ti” - ( Ato 6º ) 0 694 10/24/2012 - 15:11 Português
Poesia/Haikai "Quadra a ti: ( Géneros Distraídos) 0 1.324 10/24/2012 - 14:56 Português
Poesia/Amor “Numa lembrança de ti” 2 846 10/23/2012 - 16:35 Português
Prosas/Pensamentos "Sobra de Mim" 0 1.220 10/22/2012 - 23:21 Português
Poesia/Soneto “De Mim, Fundo No Olhar” 0 994 10/18/2012 - 23:47 Português
Poesia/Soneto “Porte Belo” 0 646 10/07/2012 - 13:09 Português
Poesia/Soneto “Míopes” 0 661 10/04/2012 - 21:55 Português
Poesia/Soneto “Perto do Céu” 4 1.323 10/03/2012 - 23:52 Português
Poesia/Arquivo de textos “Quando estás longe de mim” 2 1.015 10/03/2012 - 23:35 Português
Poesia/Soneto Ao despertar 0 1.864 10/03/2012 - 23:22 Português
Poesia/Soneto “Na Praia” 0 892 09/30/2012 - 11:53 Português
Poesia/Soneto "Caminho de Parecer" 1 1.540 09/27/2012 - 16:37 Português
Poesia/Meditação “Do céu ao mar” 1 1.085 09/16/2012 - 18:06 Português
Poesia/Arquivo de textos Versão destrocida: "Numa Lembrança de ti" 0 1.575 09/12/2012 - 11:58 Português
Poesia/Arquivo de textos “Estrela Proibida” 0 867 09/09/2012 - 22:04 Português
Poesia/Pensamentos “Teu rosto foi o primeiro” 0 1.288 08/04/2012 - 02:02 Português