CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Alma leve

Alma leve

Alma leve.
Por que será?
A manhã promete...

As manhãs...
Ah! As manhãs de um Verão
temperado,
parecem alimento são,
a um ser
atormentado.

A brisa, acariciante,
de um corpo bronzeado,
é bálsamo natural
de um ser, agora,
apaziguado.

Depois...
As músicas tocam,
já não em aparelhos roufenhos,
inundam daquela paz,
o corpo, em arrepios,
que respira, suavemente,
expulsando o espírito
indesejado...

Toma-a a esperança,
Queda-se na figura angelical,
da boneca criança,
que está mesmo ao lado!

OF 19-08-2010 12:40

(Série esplanadas, não incluído no livro)

Submited by

terça-feira, agosto 30, 2011 - 02:19

Poesia :

No votes yet

Odete Ferreira

imagem de Odete Ferreira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 21 semanas 6 dias
Membro desde: 01/11/2011
Conteúdos:
Pontos: 1927

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odete Ferreira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Entardecer com sabor a despedida 1 747 03/15/2018 - 13:59 Português
Poesia/Tristeza Música 1 852 03/15/2018 - 13:58 Português
Poesia/Desilusão Apenas mais um dia 1 1.414 03/15/2018 - 13:57 Português
Poesia/Meditação Se a vida fosse sempre assim 1 978 03/15/2018 - 13:56 Português
Ministério da Poesia/Fantasia Seres incompletos 3 1.053 03/15/2018 - 13:56 Português
Prosas/Outros No sopé da montanha 1 442 03/08/2018 - 19:01 Português
Poesia/Meditação Tempo(s) 1 1.001 03/08/2018 - 18:43 Português
Poesia/Fantasia Surrealidades 1 833 03/08/2018 - 18:42 Português
Poesia/Tristeza Emocão 5 1.225 03/08/2018 - 16:48 Português
Poesia/Dedicado Mulher-Dor 3 299 03/08/2018 - 16:14 Português
Poesia/Intervenção E a festa veste-se em cada madrugada 3 797 02/27/2018 - 11:43 Português
Poesia/Meditação À míngua 0 741 12/30/2015 - 22:36 Português
Poesia/Intervenção Não invoquem o meu nome em vão 0 1.155 11/25/2015 - 02:18 Português
Poesia/Fantasia Surreal XXVIII 2 647 09/05/2015 - 19:00 Português
Prosas/Outros Da alma 0 416 09/01/2015 - 19:58 Português
Poesia/Intervenção Da destemperança 0 848 08/26/2015 - 01:35 Português
Poesia/Meditação E no entre-Tanto faço caminho 0 590 07/02/2015 - 23:55 Português
Poesia/Meditação E continuamos pequeninos! 0 855 06/02/2015 - 20:15 Português
Poesia/Intervenção Nem te renego nem me nego 0 706 04/25/2015 - 02:08 Português
Poesia/Dedicado Laudatória 0 539 03/24/2015 - 19:03 Português
Poesia/Dedicado És...Mulher 0 952 03/08/2015 - 18:53 Português
Poesia/Amor Vida(s) 0 805 02/14/2015 - 18:07 Português
Poesia/Amor Moras nos meus sonhos 0 1.041 02/13/2015 - 16:30 Português
Poesia/Dedicado Olhares 0 1.327 01/22/2015 - 01:58 Português
Prosas/Outros Do exato momento da VIragem 0 765 12/30/2014 - 14:27 Português