CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Até que me oiçam...sonho

E Corro
E grito
E sofro
E aperta-se-me o peito
Este grito
Que ninguém ouve
Nem eu
Nem os céus
Percorrem este sonho
A cair de madrugada

E faz-se bréu
Faz quente nos meus pés de chumbo
E quero voar
Para que me ouças gritar
E nada
Nada nem ninguém me ouve

E a morte surgiu de repente
Como abutre
Picando a minha alma

É de noite e faz escuro na minha pele
É de cera ainda mole
Quase a derreter de novo
Junto ao cálice da verdade imaginada
Por mim
Só por mim
Porque ninguém me ouve

E quero gritar
E grito
Já o som da minha voz
Em desespero
Num degredo espacial
Intemporal
Não me ouço também eu

E bato à tua porta
E dormes
Porque é de noite
E sonhas porque eu sonho
E gritas em outros mundos
Porque este por agora
É só meu
Só meu
Até que me oiçam

Submited by

quarta-feira, junho 30, 2010 - 22:53

Poesia :

No votes yet

ÔNIX

imagem de ÔNIX
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 19 semanas
Membro desde: 03/26/2008
Conteúdos:
Pontos: 4027

Comentários

imagem de Lopez

Re: Até que me oiçam...sonho

De uma tristeza densa e de uma beleza contundente. Parabéns! Beijo enorme

imagem de ÔNIX

Re: Até que me oiçam...sonho para Inês e Vânia

Voces duas são algu´me muito especial neste mundo das letras

Obrigada às duas

bjs

imagem de Librisscriptaest

Re: Até que me oiçam...sonho

"Faz quente nos meus pés de chumbo
E quero voar
Para que me ouças gritar
E nada
Nada nem ninguém me ouve

E a morte surgiu de repente
Como abutre"

Um desespero q grita aos nossos ouvidos, q nos desespera em corredores labirinticos da dor q nos faz correr, tentar agarrar aquilo q nos escapa...
Muito bom!
Beijinho grande em ti, Onix
Inês

imagem de ÔNIX

Re: Até que me oiçam...sonho para todos

A todos que nunca esqueço, um grande abraço
Lamento a minha ausência por ora...

Obrigada por terem vindo

imagem de Clarisse

Re: Até que me oiçam...sonho

Um poema intenso. Lê-se alucinadamente, os "E" no inicio dos versos transmitem um ritmo excelente, que a meu ver se destaca neste belo poema. Gostei muito!
Beijo,
Clarisse

imagem de danyfilipa

Re: Até que me oiçam...sonho

"
E Corro
E grito
E sofro
E aperta-se-me o peito
Este grito
Que ninguém ouve
Nem eu
Nem os céus
Percorrem este sonho
A cair de madrugada"
corre e ninguem a ve
grita mas ninguem ouve
sofre mas ninguem sente..

"E gritas em outros mundos
Porque este por agora
É só meu
Só meu
Até que me oiçam
"

e quando ouvem por vezes já é tarde demais...

triste
desesperante
mas sempre intenso le-la :-)
saudades de a ler mais vezes :-)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of ÔNIX

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Acordar da Manhã 2 1.573 03/22/2018 - 22:16 Português
Poesia/Amor Céu 2 1.625 03/14/2018 - 22:25 Português
Poesia/Meditação Vida lá fora 5 1.251 03/14/2018 - 22:24 Português
Poesia/Dedicado Saudações 2 1.938 03/01/2018 - 11:13 Português
Fotos/Corpos Rendas 1 2.958 03/27/2016 - 03:20 Português
Poesia/Meditação Selváticas Emoções 0 1.166 01/17/2012 - 23:36 Português
Poesia/Meditação Talvez 2 1.362 01/17/2012 - 21:35 Português
Poesia/Meditação Jardins Aquáticos 1 1.263 01/04/2012 - 23:07 Português
Poesia/Meditação Eram rosas os meus olhos 1 1.938 12/27/2011 - 23:48 Português
Poesia/Meditação Verdes lembranças 0 1.774 12/15/2011 - 15:50 Português
Poesia/Meditação Se eu fosse só eu 0 1.538 12/09/2011 - 11:19 Português
Poesia/Meditação Bruma Intemporal 1 1.612 12/07/2011 - 02:03 Português
Poesia/Meditação Eras 1 1.690 12/06/2011 - 21:49 Português
Poesia/Meditação Vão-se os Modos, Esvai-se o Tempo 0 1.085 12/01/2011 - 21:29 Português
Poesia/Meditação Pensamento invulgar 1 1.876 11/30/2011 - 00:21 Português
Poesia/Meditação Dor 0 4.121 11/24/2011 - 13:45 Português
Poesia/Meditação Extraviados 6 2.885 11/23/2011 - 12:12 Português
Poesia/Meditação Bom Dia 1 2.467 09/29/2011 - 22:16 Português
Poesia/Tristeza Um nada somente 1 1.587 09/14/2011 - 12:23 Português
Prosas/Outros Sol da Manhã 0 1.547 09/12/2011 - 10:24 Português
Poesia/Amor Nu 0 1.861 09/07/2011 - 11:07 Português
Poesia/Amor Tu 2 1.385 08/30/2011 - 01:57 Português
Poesia/Meditação Só Alma 1 1.341 08/26/2011 - 10:23 Português
Poesia/Meditação O Avesso de Mim 2 1.394 08/23/2011 - 22:26 Português
Poesia/Meditação Grãos D'Ouro 3 1.689 08/23/2011 - 22:22 Português