CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Branca Selene

- Doce Selene, das brancas fantasias,
agora que és chegada nos céus de Abril,
conte-me dos amores renascidos
e dos antigos romances relidos.
Diga-me, deusa do luar,
onde estão as paixões
e onde ficaram os líricos ensejos
de tantos corpos e desejos?

- Pouco restaram, poeta das Gerais,
pois é tempo da vida vazia
e da cama sem poesia.

Mas não te desesperes, poeta das Minas,
pois talvez ressurjam outros cânticos,
novos e ardentes arroubos semânticos
entre os versos e os lençóis
dos novos românticos.

- Quem dera, deusa Lua dos amantes,
não tardassem esses instantes,
pois eis que sinto
a solidão dos navegantes.

- Quem dera, Poeta da praia.
Quem dera...
 


Lettré, l´art et la Culture. Rio de Janeiro, outono de 2015.

Submited by

quinta-feira, abril 2, 2015 - 19:43

Poesia :

No votes yet

fabiovillela

imagem de fabiovillela
Offline
Título: Moderador Poesia
Última vez online: há 5 anos 15 semanas
Membro desde: 05/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 6158

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of fabiovillela

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza A Canção de Alepo 0 3.096 10/01/2016 - 21:17 Português
Poesia/Meditação Nada 0 2.692 07/07/2016 - 15:34 Português
Poesia/Amor As Manhãs 0 2.355 07/02/2016 - 13:49 Português
Poesia/Geral A Ave de Arribação 0 2.384 06/20/2016 - 17:10 Português
Poesia/Amor BETH e a REVOLUÇÃO DE VERDADE 0 2.613 06/06/2016 - 18:30 Português
Prosas/Outros A Dialética 0 3.407 04/19/2016 - 20:44 Português
Poesia/Desilusão OS FINS 0 2.824 04/17/2016 - 11:28 Português
Poesia/Dedicado O Camareiro 0 3.759 03/16/2016 - 21:28 Português
Poesia/Amor O Fim 1 2.532 03/04/2016 - 21:54 Português
Poesia/Amor Rio, de 451 Janeiros 1 2.376 03/04/2016 - 21:19 Português
Prosas/Outros Rostos e Livros 0 2.605 02/18/2016 - 19:14 Português
Poesia/Amor A Nova Enseada 0 2.834 02/17/2016 - 14:52 Português
Poesia/Amor O Voo de Papillon 0 1.967 02/02/2016 - 17:43 Português
Poesia/Meditação O Avião 0 2.074 01/24/2016 - 15:25 Português
Poesia/Amor Amores e Realejos 0 3.239 01/23/2016 - 15:38 Português
Poesia/Dedicado Os Lusos Poetas 0 2.427 01/17/2016 - 20:16 Português
Poesia/Amor O Voo 0 2.308 01/08/2016 - 17:53 Português
Prosas/Outros Schopenhauer e o Pessimismo Filosófico 0 3.653 01/07/2016 - 19:31 Português
Poesia/Amor Revellion em Copacabana 0 2.572 12/31/2015 - 14:19 Português
Poesia/Geral Porque é Natal, sejamos Quixotes 0 2.334 12/23/2015 - 17:07 Português
Poesia/Geral A Cena 0 2.623 12/21/2015 - 12:55 Português
Prosas/Outros Jihadismo: contra os Muçulmanos e contra o Ocidente. 0 2.488 12/20/2015 - 18:17 Português
Poesia/Amor Os Vazios 0 3.659 12/18/2015 - 19:59 Português
Prosas/Outros O impeachment e a Impopularidade Carta aberta ao Senhor Deputado Ivan Valente – Psol. 0 1.863 12/15/2015 - 13:59 Português
Poesia/Amor A Hora 0 3.543 12/12/2015 - 15:54 Português