CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A Chama do Mundo

Afundo-me nos rios da saudade
Descubro o centro onde tudo é!
E eu um ocaso morto...
À saída lembro rostos sem corpo
Olhares incapacitados
Afeições silenciosas
Abraços sem braços embalam a multidão

Pensares entorpecidos
Sustentam o sono dos justos
Desnorteados os sentidos
Camufladas as vozes
Actos inconsequentes
São como linces perdidos
Mutilam as forças deste mundo errante

Não há meias verdades no mundo das ideias
Creio na força do pensamento
Que me traz algum sentimento
Ó voz traída
Ó chama sagrada
Ó alma esquecida

E a barca que se perdeu no nevoeiro da madrugada

Dolores Marques

http://novoolharomeu.blogspot.com/

Submited by

sexta-feira, janeiro 9, 2009 - 15:40

Poesia :

No votes yet

ÔNIX

imagem de ÔNIX
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 11 semanas
Membro desde: 03/26/2008
Conteúdos:
Pontos: 4027

Comentários

imagem de Henrique

Re: A Chama do Mundo

Uma chama intensa!!!

:-)

imagem de angelofdeath

Re: A Chama do Mundo

Que melâncolica mas bela imagem que este poema transmite.
Adorei ler!

imagem de JillyFall

Re: A Chama do Mundo

maravilhosa viagem
de uma barca perdida, nas brumas de um poema...

lindissimo!

bjs

imagem de Anonymous

Re: A Chama do Mundo

Poema que é simultaneamente um constatar de beleza escrita e uma incursão aos mecanismo do pensamento.

Beijo

imagem de Anonymous

Re: A Chama do Mundo

Olá Dolores....

A barca perde-se por momentos no nevoeiro, mas o nevoeiro levanta...e Nós levantamo-nos juntamente, para mais uma batalha.com um olhar diferente, sempre mais fortes.

Gosto de viajar em cada um dos teus poemas..

belo

beijo

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of ÔNIX

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Acordar da Manhã 2 1.477 03/22/2018 - 22:16 Português
Poesia/Amor Céu 2 1.489 03/14/2018 - 22:25 Português
Poesia/Meditação Vida lá fora 5 1.145 03/14/2018 - 22:24 Português
Poesia/Dedicado Saudações 2 1.781 03/01/2018 - 11:13 Português
Fotos/Corpos Rendas 1 2.839 03/27/2016 - 03:20 Português
Poesia/Meditação Selváticas Emoções 0 1.082 01/17/2012 - 23:36 Português
Poesia/Meditação Talvez 2 1.303 01/17/2012 - 21:35 Português
Poesia/Meditação Jardins Aquáticos 1 1.099 01/04/2012 - 23:07 Português
Poesia/Meditação Eram rosas os meus olhos 1 1.832 12/27/2011 - 23:48 Português
Poesia/Meditação Verdes lembranças 0 1.636 12/15/2011 - 15:50 Português
Poesia/Meditação Se eu fosse só eu 0 1.455 12/09/2011 - 11:19 Português
Poesia/Meditação Bruma Intemporal 1 1.508 12/07/2011 - 02:03 Português
Poesia/Meditação Eras 1 1.527 12/06/2011 - 21:49 Português
Poesia/Meditação Vão-se os Modos, Esvai-se o Tempo 0 996 12/01/2011 - 21:29 Português
Poesia/Meditação Pensamento invulgar 1 1.750 11/30/2011 - 00:21 Português
Poesia/Meditação Dor 0 3.961 11/24/2011 - 13:45 Português
Poesia/Meditação Extraviados 6 2.759 11/23/2011 - 12:12 Português
Poesia/Meditação Bom Dia 1 2.388 09/29/2011 - 22:16 Português
Poesia/Tristeza Um nada somente 1 1.494 09/14/2011 - 12:23 Português
Prosas/Outros Sol da Manhã 0 1.496 09/12/2011 - 10:24 Português
Poesia/Amor Nu 0 1.836 09/07/2011 - 11:07 Português
Poesia/Amor Tu 2 1.264 08/30/2011 - 01:57 Português
Poesia/Meditação Só Alma 1 1.249 08/26/2011 - 10:23 Português
Poesia/Meditação O Avesso de Mim 2 1.355 08/23/2011 - 22:26 Português
Poesia/Meditação Grãos D'Ouro 3 1.608 08/23/2011 - 22:22 Português