CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Na Face do Menino

Na face do menino
Pálida há a fome
Em suas narinas o sangue
Nas mãos a tremura...
Nas pernas o passo de fuga
Na mão estendida
A procura
                       Do dinheiro para saciar o vicio...
                       O pedido de socorro para não morrer
Na face do menino o ódio
Dor vestida de olhar parado
Sorriso mumificado
Não há sonho
Tempo de parda memória
Logro da vida que se faz
Uma dor sentida
Desiste
                      Não tem esperança
                      Pensamento perdido...
O choro corta a face do menino.
Ser errante de rua
Perambula
De alma em chagas
Vazia existência na tenra idade
Lábio cerrado desconhece o sorriso
Berra o grito de dor...
                     Na face do menino
.

Submited by

sábado, janeiro 21, 2012 - 02:22

Poesia :

No votes yet

marialds

imagem de marialds
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 20 semanas
Membro desde: 03/31/2009
Conteúdos:
Pontos: 2887

Comentários

imagem de marialds

Resposta.

È um prazer reve-lo Sr. Marne, grata pelo comentário.

Este menino do poema, agrediu outro menino, pois ele comia um sorvete.

Oos pais do agressor respondem  por ele.

E estão respondendo e sendo ajudados por psicólogos e assistentes sociais.

As autoridades brasileiras estão preocupada no momento em super faturar obras a fim de obterem dinheiro para campanha eleitoral.

imagem de MarneDulinski

Na Face do Menino!

Triste e lindo poema, que deveria ser lido também pelas nossas autoridades,

a fim de fazerem algo por nossas crianças desamparadas!

Meus parabéns,

Um abraço,

Marne

 

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of marialds

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Separação 0 1.087 07/22/2015 - 19:11 Português
Poesia/Geral Veja 0 1.478 07/19/2014 - 02:55 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 1.059 03/02/2014 - 01:55 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 1.362 03/02/2014 - 01:47 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 1.068 03/02/2014 - 01:41 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 1 1.710 12/20/2013 - 20:17 Português
Prosas/Outros Frase 0 1.220 11/27/2013 - 23:50 Português
Fotos/Natureza Flores popularmente chamadas de "Damas da Noite" 0 2.077 11/27/2013 - 23:44 Português
Poesia/Geral Noite de Solidão 0 1.531 11/27/2013 - 22:23 Português
Poesia/Geral Fria Madrugada 2 1.840 11/27/2013 - 21:34 Português
Poesia/Geral Cotidiano 2 1.452 11/17/2013 - 23:57 Português
Poesia/Fantasia Ser em Sombras 0 1.096 05/11/2013 - 23:30 Português
Poesia/Geral A Flor da Pele 2 1.478 06/24/2012 - 20:48 Português
Poesia/Geral Solidão de nos Dois. 2 1.287 06/17/2012 - 19:39 Português
Poesia/Geral Passagem 0 1.086 06/17/2012 - 01:57 Português
Poesia/Geral Momentos 1 1.695 03/30/2012 - 09:04 Português
Poesia/Geral Teu Perfume 0 1.632 03/30/2012 - 04:04 Português
Poesia/Geral Espectro 0 1.347 03/30/2012 - 03:56 Português
Poesia/Geral Na Face do Menino 2 1.517 01/22/2012 - 02:59 Português
Poesia/Geral Tombados 0 1.126 01/21/2012 - 02:32 Português
Fotos/Paisagens Estrada de nuvens. 0 3.166 01/15/2012 - 21:38 Português
Poesia/Haikai Sem Titulo 0 1.498 01/15/2012 - 21:00 Português
Poesia/Haikai Sem Título 0 1.179 01/15/2012 - 20:59 Português
Poesia/Tristeza Apenas Lembranças 0 1.270 01/15/2012 - 20:56 Português
Poesia/Soneto Livro de bolso 0 2.536 09/17/2011 - 04:15 Português