CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O poder sagrado da jornada

Por que caminhar em linha reta
Se você pode explorar diferentes trajetórias
Outros caminhos até então desconhecido?
Adolescentes do simbolismo traçam seu imaginário
Percorrendo as campinas ressequidas
Na esperança perdida de encontrar algo diferente.

A criatura que deita do outro lado da porta
Reside com uma horda de deuses
Que desejam arrancar a sua pele.
E no alto de uma plataforma um pseudo líder
Proclama inverdades de forma aleatória
Para milhares de seguidores desatentos.

Somente há esperança para aqueles
Que ousarem brindar com suas taças cristalinas
E sorverem o néctar venenoso de um só gole.
Por que idolatrar um ídolo qualquer
Se você mesmo é capaz de ter a sua própria ilusão
No caminho que percorre sem razão?

Nos quartos secretos dos palácios
Existem muitos olhos eternamente fechados
Para tudo e todos que existem no mundo.
Nas casas mais humildes das cidades
Alguns sonhadores se escondem na penumbra
Tendo os olhos fechados para a realidade.

Na caminhada sem direção de muitos
Alguns poucos descobrem que para viver no deserto
Precisam tornar-se seus senhores absolutos.
Por que procurar um sentido para a vida
Se você pode viver em um mundo sem razão
Um lugar totalmente abandonado a própria sorte?

Quando se descobre o poder sagrado da jornada
Descobre-se que os amaldiçoados
Irão brilhar como estrelas da manhã.
Descobre-se, também, que os poucos sábios escondidos
Mantém longas conversas com suas almas
Escrevendo histórias que serão alentos um dia.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quarta-feira, fevereiro 14, 2024 - 13:34

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 12 horas 53 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 15551

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos A voz que ninguém quer ouvir 6 106 05/18/2024 - 23:41 Português
Poesia/Desilusão Tão triste e vazio 6 206 05/14/2024 - 12:16 Português
Poesia/Amor Sob o luar 6 163 05/12/2024 - 14:19 Português
Poesia/Pensamentos Um abismo chama outro 6 603 05/11/2024 - 13:22 Português
Poesia/Tristeza A dor de quem perde o que mais ama 6 565 05/09/2024 - 20:39 Português
Poesia/Meditação Almas quietas 6 426 05/08/2024 - 11:42 Português
Poesia/Desilusão No silêncio da noite 6 311 05/07/2024 - 20:36 Português
Poesia/Dedicado No coração do Pantanal 6 277 05/06/2024 - 23:01 Português
Poesia/Desilusão O horizonte faz lembrar 6 673 05/04/2024 - 14:29 Português
Poesia/Meditação Medeia 6 492 05/03/2024 - 20:12 Português
Poesia/Amor Quem dera eu tivesse o poder 6 450 05/02/2024 - 12:06 Português
Poesia/Pensamentos O último suspiro 6 675 05/01/2024 - 14:29 Português
Poesia/Amor A inquietude do amor 6 485 04/30/2024 - 11:54 Português
Poesia/Meditação Meu lado sombrio 6 470 04/29/2024 - 20:30 Português
Poesia/Alegria A vida que se abre 6 500 04/28/2024 - 14:11 Português
Poesia/Pensamentos Condicionacérebros 6 514 04/27/2024 - 14:06 Português
Poesia/Paixão Tudo mudou outra vez 6 286 04/26/2024 - 20:54 Português
Poesia/Paixão Loucura que me faz sonhar 6 1.072 04/25/2024 - 21:40 Português
Poesia/Paixão Apenas um olhar e um sorriso 6 486 04/24/2024 - 20:13 Português
Poesia/Desilusão Essa saudade que me invade 6 211 04/22/2024 - 20:29 Português
Poesia/Dedicado Tiradentes 6 553 04/21/2024 - 13:48 Português
Poesia/Pensamentos Armadilhas ou ratoeiras 6 1.223 04/20/2024 - 20:08 Português
Poesia/Meditação Onde vão os velhos quando ficam velhos? 6 216 04/20/2024 - 13:53 Português
Poesia/Pensamentos Incoerência fantasiosa absurda 6 1.077 04/19/2024 - 20:29 Português
Poesia/Meditação A trágica paixão de Sansão 6 258 04/18/2024 - 20:34 Português