CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Os velhos na casa da indiferença

Os velhos na casa da indiferença, nos lábios os cigarros, nos olhos o jornal e aquela caixa que não é magica e que faz dormir. Para onde vão os velhos, onde ficam estas criaturas sem " préstimo"
Os velhos ficam esquecidos nas camas dos hospitais como os caçadores que abandonam os seus
cães . Os filhos dos velhos, a família dos velhos são como caçadores, gatos na toca para por as garras no queijo quando o rato morre, depois é irrelevante se a toca foi confortável, se o duche era quente, se o pão estava bem torrado. Os velhos despejados nessas casas são visitados pelos filhos , ás vezes visitas curtas a maior parte carregadas de impaciência e quase sempre o dinheiro a flutuar naquelas mentes gananciosas e ávidas de lucro. Há velhos que escolhem, que vão por sua vontade, que organizam suas vidas, que são ligados aos filhos e os filhos na mesma direcção. Há lugares limpos e há pessoas também limpas que fazem e amam, que são disponíveis outros não suportam os seus porque tem medo de envelhecer ou se julgam eternamente livres da justiça, porque julgam que o dinheiro cicatriza as feridas do carácter. Os velhos queixosos conformados por um destino antecipadamente construído, todos naquela sala, os olhos vazios, as mãos tremulas , alguma medicação para as dores, as madrugadas parecem o inferno e eles não conseguem compreender que bastava a água do amor para apagar o fogo ateado pelas próprias mãos e elaborado pelos nossos pensamentos, um dia vamos perceber que o ódio não compensa, que a inveja não faz circular melhor o sangue, que não oferece melhor ar e melhor oxigénio.
Os velhos felizes a imagem de filhos felizes aqueles que fizeram o melhor trabalho e praticaram o melhor exemplo, os velhos que educaram e os filhos nas suas escolhas e nas suas decisões uns e outros são árvores que não devem abandonar a boa raiz que dela virão os frutos que o sol não terá medo de penetrar e de ampliar de vida. .

Submited by

domingo, dezembro 4, 2016 - 19:38

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

lobo

imagem de lobo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 17 semanas
Membro desde: 04/26/2009
Conteúdos:
Pontos: 2592

Comentários

imagem de Joel

muito boa a sua poesia

muito boa a sua poesia

imagem de Joel

muito boa a sua poesia

muito boa a sua poesia

imagem de Joel

muito bom

. Há velhos que escolhem, que vão por sua vontade, que organizam suas vidas, que são ligados aos filhos

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of lobo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Intervenção Fico dentro dos livros 3 1.456 03/22/2018 - 18:42 Português
Poesia/Geral Os velhos na casa da indiferença 3 422 03/13/2018 - 19:41 Português
Poesia/Dedicado Nunca te disse 0 562 12/04/2016 - 19:32 Português
Poesia/Geral Está na rua a vender peixe 0 583 12/04/2016 - 19:28 Português
Poesia/Intervenção criação 0 825 06/28/2015 - 16:08 Português
Poesia/Intervenção preciso de um novo caminho 0 1.682 11/18/2014 - 12:57 Português
Poesia/Erótico A luz na água 0 1.089 09/30/2014 - 10:00 Português
Poesia/Canção Quem roubou o beijo forte 0 1.270 09/24/2014 - 09:53 Português
Poesia/Canção Laço no cabelo 0 1.045 09/24/2014 - 09:51 Português
Poesia/Amor No meu bairro 0 891 09/18/2014 - 17:24 Português
Poesia/Canção compromissos 0 1.204 09/16/2014 - 13:23 Português
Poesia/Desilusão Inventamos as flores 0 848 08/05/2014 - 01:59 Português
Poesia/Amor Jogo fataaal 0 1.632 09/11/2013 - 12:04 Português
Poesia/Geral Dorme o verbo 6 2.697 09/05/2013 - 16:03 Português
Poesia/Intervenção Maria 0 1.329 09/03/2013 - 19:32 Português
Poesia/Arquivo de textos Imagino o gato 0 1.169 08/27/2013 - 17:01 Português
Poesia/Fantasia Levas o vento para o quarto 0 4.035 08/06/2013 - 17:11 inglês
Poesia/Intervenção Está escuro no teatro 0 1.906 07/19/2013 - 17:50 Português
Pintura/Figurativo Alce 0 3.221 07/10/2013 - 12:37 Português
Pintura/Figurativo pessoas 0 1.817 07/10/2013 - 12:34 Português
Pintura/Figurativo neptuno 0 2.318 07/10/2013 - 12:32 Português
Pintura/Figurativo Anjos 0 2.323 07/10/2013 - 12:31 Português
Poesia/Intervenção A mediocridade tambem pode hipnotizar 0 890 07/10/2013 - 12:28 Português
Poesia/Amor Não te quero perder 0 830 07/08/2013 - 17:33 Português
Poesia/Amizade Vém aqui 1 1.036 06/17/2013 - 22:01 Português