CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

PEQUENAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A POESIA

"Poesia é doença que só encontra remédio na morte". Esta frase escrita em um dos prefácios (aquele que está em Lira dos vinte anos) de Atílio Milano e Edgar Cavalheiro para as Poesias completas de Álvares de Azevedo (1831 - 1852) (Rio de Janeiro: Ediouro, 1995) sem nenhuma dúvida, põe fim às indagações mais profundas daqueles que escrevem e lêem poesias, ou seja, atinge diretamente ao produtor (autor/poeta) e ao consumidor (leitor), resumindo tudo isto, poeta é aquele indivíduo que sofre de um mal que não tem cura.
Definir o que é Poesia não é tarefa das mais simples, nos vários manuais que estudam o tema, encontramos uma definição básica: "arte de escrita em versos", declaração esta insatisfatória, pois, esquece-se de muitos valores incutidos na temática (sensibilidade, formação cultural, condição intelectual, etc.). Ainda com base na resposta (acima) percebemos que fica fora desta análise a insistência do poeta para encontrar a sonoridade (pura) do verso, a beleza (escondida) que toda palavra encerra, aquela "desconfiança" de que o vocábulo está fora de sua função real(poética) e muitos outros nuances não englobados por esta definição.
Podemos considerar como Poesia uma mistura de todos estes pensamentos, somados com aquela capacidade de sentir emoções que emanam do interior da alma e que nos levam a perceber toda essência (infiltrada) em uma temática.
Poesia também é arte (falada, pintada, esculpida, etc.) de cultivar o belo, o sonho, o doce que a vida oferece.
Poesia é toda comunicação (em todas as suas possibilidades) que pode modificar o mais duro dos Regimes, transformar o mais insensível dos corações, renovar o Mundo e torná-lo um lugar seguro e gostoso de viver.
Finalizando, independente de manuais ou das "reflexões" apresentadas, Poesia também é (e sempre será) trabalho com a linguagem.

Submited by

terça-feira, agosto 31, 2010 - 09:26

Prosas :

No votes yet

augustodesenior

imagem de augustodesenior
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 19 semanas
Membro desde: 07/24/2009
Conteúdos:
Pontos: 449

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of augustodesenior

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Prosas/Outros PEQUENAS CONSIDERAÇÕES SOBRE OS PREFIXOS GREGOS A-, AN- (NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO - 1990) 0 1.510 12/30/2010 - 13:44 Português
Poesia/Desilusão A PEQUENA HISTÓRIA DO HOMEM TOLO, O PEDREIRO CHINÊS E A FLOR 0 908 12/24/2010 - 11:11 Português
Fotos/ - Professor, poeta, contista, cronista e romancista. 0 850 11/23/2010 - 23:39 Português
Prosas/Outros ROMANCES DA LITERATURA BRASILEIRA - COMENTÁRIOS - A VIUVINHA (José Martiniano de Alencar) 0 746 11/18/2010 - 23:08 Português
Prosas/Outros PEQUENAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A POESIA 0 493 11/18/2010 - 23:08 Português
Prosas/Contos CONTO DE FELICIDADE 0 623 11/18/2010 - 23:08 Português
Prosas/Outros PEQUENAS CONSIDERAÇÕES SOBRE O PREFIXO LATINO "SEMI-" "NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO 1990" 0 687 11/18/2010 - 23:08 Português
Prosas/Pensamentos PEQUENAS CITAÇÕES COMENTADAS - POESIAS - PERCY BYSSHE SHELLEY 0 863 11/18/2010 - 23:08 Português
Prosas/Pensamentos PEQUENAS CITAÇÕES COMENTADAS - POESIAS - WILLIAM BUTLER YEATS 0 1.849 11/18/2010 - 23:08 Português
Prosas/Romance ROMANCES DA LITERATURA BRASILEIRA - COMENTÁRIOS - A MORENINHA (JOAQUIM MANUEL DE MACEDO) 0 530 11/18/2010 - 23:05 Português
Prosas/Outros O QUE É PRODUÇÃO TEXTUAL? 0 396 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros O QUE É INTERPRETAÇÃO TEXTUAL? 0 570 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros PEQUENAS CONSIDERAÇÕES SOBRE O SONETO 0 647 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros LUÍS DE CAMÕES (1524/1580) RENASCIMENTO OU CLASSICISMO PORTUGUÊS (1527/1580) - CINCO SONETOS: COMENTÁRIOS 0 1.089 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros TEXTOS COMENTADOS DA LITERATURA BRASILEIRA - POESIAS - POÉTICA (Cassiano Ricardo) 0 658 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros TEXTOS COMENTADOS DA LITERATURA BRASILEIRA - POESIAS - INFÂNCIA (Carlos Drummond de Andrade) 0 617 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros TEXTOS COMENTADOS DA LITERATURA BRASILEIRA - POESIAS - NÃO HÁ VAGAS (Ferreira Gullar) 0 1.728 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros TEXTOS COMENTADOS DA LITERATURA BRASILEIRA - POESIAS - BALADA DO AMOR ATRAVÉS DAS IDADES (Carlos Drummond de Andrade) 0 752 11/18/2010 - 22:48 Português
Prosas/Outros TEXTOS COMENTADOS DA LITERATURA BRASILEIRA - POESIAS- SONETO DE FIDELIDADE (Vinicius de Moraes) 0 1.056 11/18/2010 - 22:48 Português
Poesia/Geral Anjo meu 0 551 11/18/2010 - 15:38 Português
Poesia/Amor O que é o amor? 0 444 11/18/2010 - 15:38 Português
Poesia/Amor VOCÊ 0 443 11/18/2010 - 15:38 Português
Poesia/Amor Procuro-te 0 438 11/18/2010 - 15:38 Português
Poesia/Amor És tu! 0 511 11/18/2010 - 15:38 Português
Poesia/Geral PEQUENAS CITAÇÕES COMENTADAS - PALAVRAS 0 539 11/18/2010 - 15:38 Português