CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

ALQUIMIA DA ESCRITA

(Comentário ao Cozinhando Palavras, de Meyre)

http://www.worldartfriends.com/pt/club/poesia/cozinhando-palavras

 

Um cozinhado apaladado
é o fado de todo o poeta
fazendo entender o recado
escaldando letra por letra.

Falhas de folhas escritas,
pontas de lápis de carvão,
pétalas de palavras ditas,
lágrimas caídas em ebulição.

Uma pitada de doçura,
sal e pimenta q.b.,
deixar levantar fervura,
gosto agridoce que se lê.

Vagens de frases
e pingos de licor
serão bem capazes
de apurar o amor.

Sem faltar alguma dor
para lhe dar sentimento
e proporcionar ao leitor
o alcance do pensamento.

A palavra cozinhada
pelo crivo do artista
faz a sua escrita amada
ter retoques de alquimista.

Palavras são seu ópio,
seu narcótico natural,
tratando seu amor-próprio
com antibiótico para o mal.
 

Submited by

quarta-feira, fevereiro 16, 2011 - 14:04

Poesia :

Your rating: None (3 votes)

Patrícia Taz

imagem de Patrícia Taz
Offline
Título: Moderador Consagrados
Última vez online: há 5 anos 39 semanas
Membro desde: 04/04/2009
Conteúdos:
Pontos: 651

Comentários

imagem de Teresa Almeida

Poesia bem temperada, com

Poesia bem temperada, com retoques de alquimia, mas, sobretudo, com beleza e ritmo.

Parabéns Patrícia.

Beijinhos.

imagem de deborabenvenuti

Alquimia

A alquimia das letras é um preparo poético servido aos leitores ávidos da boa leitura. 

imagem de Patrícia Taz

Doce Débora,

 

Um poeta dedicado

faz florir na aridez

dá a ler o seu recado

e saceia essa avidez

 

Humildemente me vergo

às palavras em português

conjugo nomes com verbos

formando aquilo que lês

 

Obrigada por este bocadinho, yes

Bji

 

PaTaz

imagem de unapoetisa

Narcótico...antibiótico

Amiga PaTaz,

Adoro sua descritiva...

Quanto ao poder da escrita...

Quanta sabedoria...

Quanta euforia...

Exalam de suas palavras...

Adorei a definição...

De narcótico natural

De antibiotico da cura do mal.

 

Beijos e parabéns pela entrevista do mês!!

Adorei conhecê-la mais um pouquinho!!

imagem de Patrícia Taz

Querida amiga,

 

O meu amor pelas palavras faz com que as escolha a dedo para que, misturadas, se tornem numa alquimia de tons,

em fonética partilhada. Sou mera aprendiz neste ofício de trabalhá-las.

Que bom que leu a entrevista do mês e que gostou do que leu. Pois é, levantei um pouco o véu, wink

Agradeço tuas palavras de apreço.

Beijos

 

PaTaz

imagem de Niafna

O seu poema é bastante bonito

O seu poema é bastante bonito e interessante, com um tema diferente. :)

imagem de Patrícia Taz

Cara Niafna,

 

O próprio poema é o tema

e a rima o seu esquema

 

Gostei qu tivesses gostado, smiley

Bjos

 

PaTaz

imagem de MariaButterfly

demais! eu acho que as

demais!

eu acho que as palavras. são

o teu Opio, porque não me pareçes que vivas sem elas...

jogo de palavras, em toda uma lógica

ritmada!

 

Gostei mesmo!

beijos

imagem de Patrícia Taz

Querida MariaButterfly,

 

De facto tens toda a razão

das palavras não abro mão, angel

 

Grata por teres gostado do meu poema rimado

Bjos

 

PaTaz

imagem de misteriowsr

otimo!

de fato otimo!

preparamos nossas mentes e nosso corações.

e adcionamos um tempero de alegria e tristeza!

 

 

"Palavras são seu ópio,
seu narcótico natural,
tratando seu amor-próprio
com antibiótico para o mal."

adorei esta tua ulltima frase!

a melhor forma de tratar a dor do amor

e tendo seu amor propio!

 

gratz!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Patrícia Taz

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor POEMA INACABADO 5 1.154 03/19/2013 - 02:16 Português
Poesia/Geral ALQUIMIA DA ESCRITA 25 1.873 01/22/2012 - 14:47 Português
Poesia/Dedicado SORVO POÉTICO 24 1.612 01/22/2012 - 14:41 Português
Poesia/Intervenção (A)NORMALIDADE DO CÃO QUE O DIABO AMASSOU 18 1.274 06/27/2011 - 16:32 Português
Poesia/Dedicado PERFIL DE VIAGEM 7 785 03/29/2011 - 16:18 Português
Poesia/Intervenção CONVERSA DE CAMARADAS, PÁ? 3 1.041 03/19/2011 - 22:33 Português
Poesia/Intervenção DILEMA OPRIMIDO 8 871 03/16/2011 - 15:44 Português
Poesia/Desilusão SOLTA-SE O FIO DA VIDA LÁ DENTRO 8 1.324 02/28/2011 - 15:07 Português
Fotos/Outros Facto Binário 0 1.270 02/19/2011 - 23:39 Português
Poesia/Dedicado POEJET Intercontinental 4 1.049 02/18/2011 - 12:40 Português
Poesia/Canção LEITO DA SAUDADE 10 1.047 02/18/2011 - 11:11 Português
Poesia/Amor VALSA DOS CORVOS 4 677 02/18/2011 - 01:04 Português
Fotos/Paisagens A Sun's Glance 2 1.780 02/16/2011 - 00:37 inglês
Poesia/Fantasia VOO DE SONHO 5 790 02/11/2011 - 14:58 Português
Poesia/Canção MATÉRIA IMATERIAL 4 904 02/11/2011 - 10:05 Português
Fotos/ - 1249 0 1.073 11/23/2010 - 23:38 Português
Poesia/Soneto SOBREVIVENTES 0 774 11/17/2010 - 22:42 Português
Poesia/Erótico FOTO A PRETO E BRANCO 0 726 11/17/2010 - 22:40 Português
Poesia/Poetrix MATÉRIA IMATERIAL 1 628 08/07/2010 - 13:20 Português
Poesia/Amizade O AVESSO DO INVERSO 2 740 06/08/2010 - 22:18 Português
Poesia/Geral MAÇO DE NOTAS 1 793 04/22/2010 - 23:17 Português
Poesia/Amor ARLEQUIM 8 934 04/20/2010 - 15:13 Português
Poesia/Paixão CHUVAS DE MARÇO 4 737 04/10/2010 - 03:20 Português
Poesia/Paixão COBERTA DE HISTÓRIAS 5 775 04/09/2010 - 18:14 Português
Poesia/Amor PROJECÇÕES 4 381 04/01/2010 - 01:37 Português