CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Crise

Para que vos quero, braços cansados,
Se não alcançardes os ideais que me iluminam?
Para que vos quero, pensamentos alados,
Se eu vos vejo rodeados
De olhares cerrados, que os vossos voos minam?

Para que vos quero, pernas entorpecidas,
Se tão cansadas já estais
De palmilhar descoloridos vitrais?
De prosseguir por rotas amarelecidas...?!
Raios de Sol, sem calor
Vida desprovida de pudor
O vosso torpor é dor de cores garridas

Para que vos quero, Alma violentada,
Se, de ti, já pouco resta, ou nada,
Se já te tiverem até, a Esperança, usurpado
De veres, em fim, o Sol nascer
De o veres resplandecer com a pujança
De um promissor amanhecer
Que prometa vir a ser o teu viver projetado?

apsferreira

www.albanosoaresferreira.blogspot.com

Submited by

segunda-feira, fevereiro 13, 2012 - 08:21

Poesia :

No votes yet

apsferreira

imagem de apsferreira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 6 dias
Membro desde: 09/21/2009
Conteúdos:
Pontos: 3457

Comentários

imagem de Jorge Humberto

Há que passar à acção

Há que passar à acção e a palavra, o verso, o limpar de olhos omissos é preciso.

Gostei muito meu caro apsferreira

Abraço meu
Jorge Humberto

imagem de apsferreira

Sem dúvida, Jorge

Sem dúvida, Jorge Humberto,

antes que se apropriem definitivamente,

das nossas vontades...

:-)

 

 

imagem de MarneDulinski

Crise!

Linda poesia, gostei muito!

Um abração meu amigo,
marne

imagem de apsferreira

Boa-tarde, Marne. Já tinha

Boa-tarde, Marne.

Já tinha saudades de merecer

uma nota sua, pelo que esta teve

um sabor especial.

Obrigado,

:-)

imagem de MarneDulinski

Crise!

Linda poesia, gostei muito!

Um abração meu amigo,
marne

imagem de GIL60

Crise

Tema muito atual, onde temos que agir mais e falar menos.

Parabéns!

Abraço.

imagem de apsferreira

Tem toda a razão,

Tem toda a razão, Gil60.

Fico-lhe grato, por ter comentado,

:-)

 

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of apsferreira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral E eu escrevo... 6 2.385 02/25/2018 - 21:03 Português
Poesia/Amor Incúria 8 1.464 11/20/2013 - 17:49 Português
Poesia/Dedicado Saudade 2 1.442 01/30/2013 - 23:43 Português
Poesia/Aforismo As Pessoas, Que São Boas 0 1.165 01/28/2013 - 03:20 Português
Poesia/Aforismo Brumas, no Olhar 2 1.582 01/21/2013 - 02:54 Português
Poesia/Aforismo Ah, Catraia Tonta... 0 1.927 01/20/2013 - 20:54 Português
Poesia/Amor A Irracionalidade do Amor 2 1.402 01/20/2013 - 20:34 Português
Poesia/Amizade O Teu Sorriso 2 976 01/18/2013 - 23:29 Português
Poesia/Amor Pedido, à Minha Estrelinha 2 1.444 10/19/2012 - 13:41 Português
Poesia/Amor Será, Que Tu Já Te Apercebeste, Meu Amor? 0 1.194 10/18/2012 - 05:55 Português
Poesia/Dedicado A Cor da Vida 0 1.548 10/11/2012 - 22:19 Português
Poesia/Fantasia Eu Sonho O Teu Despertar 0 1.905 10/09/2012 - 12:14 Português
Poesia/Dedicado Quer Quer Viver Para Sempre? 0 1.192 10/05/2012 - 07:53 Português
Poesia/Amor Ouve, Meu Amor... 0 1.384 10/04/2012 - 08:01 Português
Poesia/Paixão Apenas, Imaginação... 0 1.230 09/30/2012 - 11:13 Português
Poesia/Amor Eu quero-te, porque te quero 0 1.698 09/26/2012 - 03:53 Português
Poesia/Dedicado Desejos de Amor 0 1.534 09/24/2012 - 05:38 Português
Poesia/Meditação Porquê? 0 1.021 09/22/2012 - 04:03 Português
Poesia/Meditação Senhor... 0 1.707 09/19/2012 - 04:28 Português
Poesia/Dedicado Eu Viajo com o Teu Sorriso 0 1.088 09/17/2012 - 11:49 Português
Poesia/Soneto Alma de Mulher 0 1.885 09/09/2012 - 20:48 Português
Poesia/Aforismo Quando Muda O Mês 0 1.251 09/01/2012 - 19:41 Português
Poesia/Meditação Por "Trinta Dinheiros" 2 2.121 08/28/2012 - 17:51 Português
Poesia/Amor Incursão 0 1.540 08/21/2012 - 19:55 Português
Poesia/Aforismo Este Meu Fado 1 1.885 08/08/2012 - 02:48 Português