CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

só hoje é que nos abrimos
a concretas soluções
para as estrelas,
fizémos portas,
traçados enviezados para
que ficasse mais
fácil respirar sem dores
multiraciais,....

sugiro pena,
com comiseração é mais fácil
apercebermo-nos das simples
formas que existem
de matar um ser humano,
tira-se-lhe o perto
sentido de ser
irreflectido,
e com isso o mundo
acaba,
restamo-nos a nós
próprios na poeira de
ser inconsequente
e sem destino,
com emulsões próprias
das almas que passaram em
desfalecimento pelo universo,...

com isto quis,
dizer nada serei,
e com nada me
banharei todos os dias,
mas impedir-me de
ser contabilista dos
restos da decadência
dos 'eus' de sucesso,
é crime?....

Submited by

terça-feira, setembro 8, 2009 - 15:18

Poesia :

No votes yet

psicolito

imagem de psicolito
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 12 semanas 4 dias
Membro desde: 06/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 415

Comentários

imagem de KeilaPatricia

Re: Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

DESTACO ESSA PARTE;
"só hoje é que nos abrimos
a concretas soluções
para as estrelas,
fizémos portas,
traçados enviezados para
que ficasse mais
fácil respirar sem dores
multiraciais,..."

:-)

imagem de psicolito

Re: Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

Se te disser que escrevi este poema em escrita automática, todo de uma só vez, acreditas?
:-)
Lembrei-me de uma figura da minha infância, o bruxo em causa, que existiu mesmo, e morreu sozinho. Numa banheira cheia de água.

Ocorreram-me estas linhas.
Obrigado pelo comentário.

imagem de analyra

Re: Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

"sugiro pena,
com comiseração é mais fácil
apercebermo-nos das simples
formas que existem
de matar um ser humano,"

Gostei imenso desta estrofe, grande poeta das coisas loucas.
Grande abraço desta que muito aprecia seus escritos.

imagem de psicolito

Re: Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

Tenho a agradecer a tão ilustre poeta, a sapiência e atenciosidade de seu comentário.
Fico deveras emocionado.
Muitíssimo obrigado, e um grande abraço também para si, deste lado do oceano...

imagem de MarneDulinski

Re: Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

psicolito!

Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

com isto quis,
dizer nada serei,
e com nada me
banharei todos os dias,
mas impedir-me de
ser contabilista dos
restos da decadência
dos 'eus' de sucesso,
é crime?....

Achei interessante!
MarneDulinski

imagem de psicolito

Re: Homenagem a Lesagi Zandinga, o bruxo das coisas poucas

Psicolito,
O quase poeta das coisas 'interessantes'...

:-)
Melhor que nada.
Obrigado pelo comentário...

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of psicolito

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Fantasia Noite recortada em ti 0 373 05/13/2018 - 14:55 Português
Poesia/Intervenção Que se passa..... 2 368 12/30/2011 - 11:05 Português
Poesia/Meditação Costureirinha 0 730 10/08/2011 - 18:53 Português
Poesia/Meditação Duas cabeças 1 626 07/02/2011 - 15:38 Português
Poesia/Meditação Não 0 512 06/14/2011 - 18:34 Português
Poesia/Intervenção Democracia Verdadeira Já.... 0 535 06/04/2011 - 20:21 Português
Poesia/Dedicado A dormir se é feliz.... 0 1.048 05/22/2011 - 10:30 Português
Poesia/Geral ...sobre coisas 0 426 05/13/2011 - 19:22 Português
Poesia/Meditação Estaminé 1 889 04/19/2011 - 23:37 Português
Poesia/Meditação Indecisa a força maior de todos nós 5 840 02/16/2011 - 11:09 Português
Poesia/Dedicado Mais ou menos assim.... 0 1.011 02/11/2011 - 14:20 Português
Poesia/Meditação Povo somos ninguém 0 465 01/30/2011 - 16:39 Português
Prosas/Fábula Como morri... 8 1.032 01/21/2011 - 11:33 Português
Poesia/Meditação O amor é confuso.... 0 670 01/20/2011 - 11:14 Português
Prosas/Mistério Retalhar 0 1.057 12/18/2010 - 13:39 Português
Fotos/ - 1591 0 835 11/24/2010 - 00:39 Português
Fotos/ - 1590 0 834 11/24/2010 - 00:38 Português
Prosas/Romance Sentia-se Maria 0 904 11/19/2010 - 00:08 Português
Prosas/Pensamentos Oferece-me assim ao dia que raia... 0 747 11/19/2010 - 00:02 Português
Prosas/Pensamentos Lamaçal de ideias 0 648 11/18/2010 - 23:48 Português
Prosas/Pensamentos Estou chateado, e provo-o... 0 805 11/18/2010 - 23:48 Português
Prosas/Outros Formato das coisas podres 0 700 11/18/2010 - 23:47 Português
Prosas/Pensamentos Morte enpacotada 0 912 11/18/2010 - 23:47 Português
Prosas/Ficção Cientifica Assexuado 0 728 11/18/2010 - 23:47 Português
Poesia/Desilusão Inspirado em quem se inspirou na morte para homenagear 0 833 11/18/2010 - 16:32 Português