CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

QUERIA O NATAL ASSIM

QUERIA O NATAL ASSIM...

Gostaria que o Natal
fosse sem prendas. Que tal?
Cada um, mais verdadeiro,
desarmava o interesseiro!
Gostaria que toda a gente
fosse feliz e contente
só com Amor nas acções
e nada de confusões.
Prendas... seriam banidas!
Só seriam oferecidas
em datas especiais.
O Natal seria, então,
um período de excepção
apenas p´ra festejar
- e p´ra confraternizar -
o nascimento de Cristo.
Que pensam de tudo isto?
Quanto aos ateus...
aí... Ai valha-me Deus!
......................................
Poderiam entrar na festa
duma forma muito honesta:
Juntavam-se a quem Fé tem,
fazendo brindes também.
E assim, todos unidos,
e muito mais envolvidos
nos festejos, eu vos juro,
seria um Natal mais puro!

Maria Letr@
P_2018D12
(corrigido)

Submited by

sábado, dezembro 15, 2018 - 08:44

Poesia :

No votes yet

Maria Letra

imagem de Maria Letra
Online
Título: Membro
Última vez online: há 23 minutos 21 segundos
Membro desde: 11/20/2012
Conteúdos:
Pontos: 2548

Comentários

imagem de Maria Letra

QUERIA O NATAL ASSIM

És o meu Anjo da Guarda que vem sempre... preocupado/a, passar tudo a pente fino. Quantas fotos dimensionei hoje... Mil vezes grata, Ana Martins, porque andava há tanto tempo para fazer isto!
Mil abracinhos. Tiveste este trabalho todo e no fim ainda levas com os apertos dos meus abraços. No que te meteste!!!

imagem de Ana Martins

QUERIA O NATAL ASSIM

Desculpa Mizita, este é outro que não se lê totalmente.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Maria Letra

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado UM HINO À NOITE 0 4 04/23/2021 - 00:15 Português
Prosas/Outros A MINHA PERPECTIVA SOBRE ALGUMAS DAS DIFERENTES CLASSES SOCIAIS-COM A COLABORAÇÃO DE MIGUEL LETRA 0 21 04/13/2021 - 13:14 Português
Poesia/Meditação ESPERO_POR_TI_MADRUGADA 2 78 04/07/2021 - 21:34 Português
Poesia/Desilusão A NOVA PÁSCOA 0 32 04/04/2021 - 08:09 Português
Poesia/Geral O QUE SERIA DE MIM 0 60 03/28/2021 - 03:54 Português
Poesia/Soneto TEMPOS DE AFLIÇÃO 2 118 03/27/2021 - 00:34 Português
Poesia/Geral ESPERANDO PELA MARÉ ALTA 0 112 03/26/2021 - 00:45 Português
Poesia/Geral MULHER-ESCRITORA 0 83 03/25/2021 - 17:28 Português
Poesia/Tristeza RECOMEÇAR 0 49 03/25/2021 - 02:32 Português
Poesia/Desilusão O VAZIO DA MINHA ALMA 0 511 03/11/2021 - 13:51 inglês
Poesia/Geral O GRITO DO INDÍGENA 2 226 03/10/2021 - 22:31 Português
Poesia/Tristeza TERRAS DE DESAMOR 0 136 03/09/2021 - 22:04 Português
Poesia/Intervenção VIOLÊNCIA 0 74 03/09/2021 - 21:46 Português
Poesia/Geral A MULHER E O OBVERSO DO IRREVERSÍVEL 0 57 03/08/2021 - 22:30 Português
Poesia/Poetrix MARCAS BRANCAS 0 145 03/06/2021 - 22:38 Português
Poesia/Poetrix O REVÉS DA TUA IMAGEM 0 88 03/03/2021 - 19:48 Português
Poesia/Meditação CAMINHADA DE AMOR 0 133 03/03/2021 - 16:16 Português
Poesia/Tristeza TAMBÉM SE MORRE DE SAUDADE! 0 59 03/02/2021 - 20:58 Português
Poesia/Tristeza QUANTO DARIA_AMOR! 2 224 02/28/2021 - 21:25 Português
Poesia/Geral IN PANDEMIA MODE 0 136 02/28/2021 - 13:12 Português
Poesia/Poetrix PRESA NA MIRA 2 354 02/15/2021 - 18:45 Português
Poesia/Tristeza INCOMPETÊNCIA EM ACÇÃO 0 177 02/15/2021 - 12:37 Português
Poesia/Geral SEM RUMO CERTO 2 206 02/14/2021 - 16:12 Português
Poesia/Geral NO LIMIAR DO TEMPO 0 169 02/12/2021 - 09:29 Português
Poesia/Amor A CERTEZA 2 224 02/12/2021 - 08:31 Português