CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Sombra simplesmente Sombra

Sombra que me precede
Anuncias e me delata
Mostra-me escura à frente
Que me predizes a chegar
Sinuosa e doce, suave a deslizar
Por paredes, chão e bancos
Esquinas dobras adiante vais
Sombra
Que comigo comunga num só ser
Penetra-me e desaparece em mim
Hora morta é anunciada sol brilha
Soam doze badaladas
Uma só somos eu e tu sombra minha
Luz invade meu ser, quando juntas estamos
Tranquila e serena em mim estas
Sombra
Que lado a lado comigo caminha
Amiga calada comigo falas
Conta-me se apressada estou
Ou lenta vou
Ao me ouvido me dizes se cansada estou
E em silêncio juntas caminhamos
Sem murmúrios ou sussurros
Sombra
Que nas minhas costas andas
Escura e tortuosa deslocada
Ao embalar do meu caminhar
As costas traição a esperar
Persegue-me preto breu silencioso
Mas proteção me das guarda costas é
Pois a todos enganarás com meu andar
Sombra
Sombra que se junta a mim
Avassala minhas entranhas
Hora morta surge
Doze badaladas se ouvem
Luz de prata me cobre e cintilo
Na noite do frio abrigas-te
Em meu ser com calor de vida
Sombra
Doce companheira somos
Já não estou só me antecedes
Comungas em meu ser
Persegue-me juntas estamos
Vida, morte e prazer somos
Amigas, inimigas e juntas
Perdidas e em encontros
Ungida por desencontros
Eu e minha sombra.

Submited by

segunda-feira, julho 20, 2009 - 03:20

Poesia :

No votes yet

marialds

imagem de marialds
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 19 semanas
Membro desde: 03/31/2009
Conteúdos:
Pontos: 2887

Comentários

imagem de FlaviaAssaife

Re: Sombra simplesmente Sombra

Nossa que belo poema!
"Luz invade meu ser, quando juntas estamos
Tranquila e serena em mim estas
Sombra
Que lado a lado comigo caminha
Amiga calada comigo falas
Conta-me se apressada estou
Ou lenta vou"

A vida é exatamente assim!

imagem de lucio

Re: Sombra simplesmente Sombra

Marialds.
Todas as tuas obras são belas.Esta,em particular é
belíssima, devido ter deixado de lado a tentativa da rima,deixando teu eu-lírico falar mais alto.Isso evidenciou as imagens poéticas que crias com
maestria.Um lirismo profundo.Parabéns.Abraços.Lúcio.

imagem de KeilaPatricia

Re: Sombra simplesmente Sombra

Profundo...

:-)

imagem de Henrique

Re: Sombra simplesmente Sombra

Mostra-me escura à frente
Que me predizes a chegar
Sinuosa e doce, suave a deslizar
Por paredes, chão e bancos
Esquinas dobras adiante vais
Sombra...

Espectacular!!!

:-)

imagem de analyra

Re: Sombra simplesmente Sombra

"Perdidas e em encontros
Ungida por desencontros
Eu e minha sombra."
Muito legal...
Gostei imenso.
Beijos

imagem de Zezinho

Re: Sombra simplesmente Sombra

"Sombra
Que comigo comunga num só ser
Penetra-me e desaparece em mim
Hora morta é anunciada sol brilha
Soam doze badaladas
Uma só somos eu e tu sombra minha
Luz invade meu ser, quando juntas estamos
Tranquila e serena em mim estas..."
Parabens agonia,terror uma bela poesia 8-)

imagem de MarneDulinski

Re: Sombra simplesmente Sombra

MARIALDS!

meus parabéns, é um belo poema, mas parece-me que já o comentei em outra ocasião.
Muito Obrigado,
MarneDulinski

imagem de marialds

Re: Sombra simplesmente Sombra

Caro Sr. Marne, esta poesia foi feita agora, tenho outra com título Luz e trevas.
Porém nesta tento falar da magia que nossa sombra projeta durante ao dia e durante a noite.
Quando nos movimentamos.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of marialds

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Separação 0 1.082 07/22/2015 - 19:11 Português
Poesia/Geral Veja 0 1.468 07/19/2014 - 02:55 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 1.055 03/02/2014 - 01:55 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 1.358 03/02/2014 - 01:47 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 0 1.062 03/02/2014 - 01:41 Português
Prosas/Pensamentos Pensamentos 1 1.706 12/20/2013 - 20:17 Português
Prosas/Outros Frase 0 1.218 11/27/2013 - 23:50 Português
Fotos/Natureza Flores popularmente chamadas de "Damas da Noite" 0 2.069 11/27/2013 - 23:44 Português
Poesia/Geral Noite de Solidão 0 1.527 11/27/2013 - 22:23 Português
Poesia/Geral Fria Madrugada 2 1.831 11/27/2013 - 21:34 Português
Poesia/Geral Cotidiano 2 1.444 11/17/2013 - 23:57 Português
Poesia/Fantasia Ser em Sombras 0 1.089 05/11/2013 - 23:30 Português
Poesia/Geral A Flor da Pele 2 1.474 06/24/2012 - 20:48 Português
Poesia/Geral Solidão de nos Dois. 2 1.277 06/17/2012 - 19:39 Português
Poesia/Geral Passagem 0 1.071 06/17/2012 - 01:57 Português
Poesia/Geral Momentos 1 1.690 03/30/2012 - 09:04 Português
Poesia/Geral Teu Perfume 0 1.628 03/30/2012 - 04:04 Português
Poesia/Geral Espectro 0 1.340 03/30/2012 - 03:56 Português
Poesia/Geral Na Face do Menino 2 1.515 01/22/2012 - 02:59 Português
Poesia/Geral Tombados 0 1.118 01/21/2012 - 02:32 Português
Fotos/Paisagens Estrada de nuvens. 0 3.160 01/15/2012 - 21:38 Português
Poesia/Haikai Sem Titulo 0 1.488 01/15/2012 - 21:00 Português
Poesia/Haikai Sem Título 0 1.178 01/15/2012 - 20:59 Português
Poesia/Tristeza Apenas Lembranças 0 1.263 01/15/2012 - 20:56 Português
Poesia/Soneto Livro de bolso 0 2.532 09/17/2011 - 04:15 Português