CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

DIÁRIO DE UMA BISSEXUAL- O INÍCIO VI

Confesso que não é muito bom para mim contar estas experiências. Faço-o para dar ânimo a outros, coragem a quem não a tem. Contar isto com determinados pormenores e demasiados nomes, dá-me um estatuto que pessoas como eu temem. Mas como já aqui foi afirmado, ao fugir disto damos mais prazer e confiança a quem nos persegue. E isso nunca! O mês de Janeiro começou em grande, mas não tinha acabado por aquelas duas experiências. Isso pensava eu. Ainda bem que tenho muito o hábito de me enganar. Tiago conheci num jantar de amigos. Já o tinha visto por várias vezes a rondar o meu grupo. Pouco ou nada sabia dele, a não ser que estava noivo. Por mim tudo bem! Não lhe ia faltar nenhum pedaço no dia de casamento. A primeira vez que me tocou senti-o gemer. Tinha roçado, sem intenção, o seu cotovelo nos meus seios. Seios esses que eu sabia que ele adorava. Digamos que ouvi comentários da parte dele! Mas claro que ele era noivo, não cego! Lembro-me de a princípio ter pensado que, por muito que lhe agradassem os meus seios, eu não fazia a seu género de mulher, fosse ele qual fosse. Ou talvez por ele estar prestes a casar, eu o sentia tão difícil. Podia perfeitamente admirar-me com o olhar sem nunca me ter. Pensava eu. Até descobrir que isso estava muito longe da verdade. Apercebi-me que o excitava muito mais do que imaginava e, numa conversa de grupo, ele acabou por dizer que a minha sensualidade o deixava sem palavras. Embaraçado. Bem, os calados são os piores. Irrita-me não saber o que pensam de mim. Bem ou mal. E então apercebi-me do porquê dos seus olhares discretos mas maldosos. Não era nada de mau. Nem ódio, nem indiferença. Era puro desejo carnal. E de certeza que ele não estava preparado para lidar com isso. Não o queria sentir. Não por mim. Talvez porque já ouvira falar de mim. Da minha sexualidade. Da minha forma de ser tão…decidida a ter o que queria. Quem queria. Da minha variedade… Admito que foi talvez, a primeira vez que não me insinuei completamente a alguém. Pensei mesmo em esquecer aquele e desistir. Procurar carne nova. E ainda hoje agradeço, em pensamento, á pessoa que teve a magnífica ideia de um passeio nocturno pelo parque da cidade. Antes de nos despedirmos. E agradeço ainda mais o facto de não nos terem procurado quando ambos nos perdemos na escuridão. Talvez o tivessem feito de propósito. Talvez achassem que ele estava a precisar de uma despedida de solteiro diferente. by Google E nunca o sexo contra uma árvore foi tão excitante! Ali, no meio de tudo, sabendo que podíamos estar a ser observados. E sei que foi graças a isso que foi tão bom! As suas investidas contra mim, dignas de um filme porno. As suas mãos suadas, a agarrarem as minhas nádegas com força. A sua voz no meu ouvido «És tão boa!». Já disse que adoro homens ordinários? E nem acredito que tudo começou inocentemente. Sem intenção…. Como deve começar tudo...

Submited by

quarta-feira, abril 3, 2013 - 13:12

Prosas :

No votes yet

MissB

imagem de MissB
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 semana 17 horas
Membro desde: 03/18/2011
Conteúdos:
Pontos: 129

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of MissB

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Prosas/Contos Ela queria apaixonar-se... 0 13 05/22/2020 - 11:43 Português
Prosas/Tristeza Manuel 0 52 04/28/2020 - 17:10 Português
Prosas/Saudade Saudade 0 32 04/28/2020 - 17:06 Português
Fotos/Corpos A boudoir story 0 38 04/28/2020 - 16:45 Português
Fotos/Pessoais Lips 0 33 04/28/2020 - 16:43 Português
Fotos/Moda (Des)Maquilhando 0 36 04/28/2020 - 16:40 Português
Fotos/Cidades Porto 0 627 06/04/2018 - 22:57 Português
Fotos/Cidades Aveiro 0 633 06/04/2018 - 22:55 Português
Prosas/Pensamentos Um dia quem sabe 0 526 06/04/2018 - 22:52 Português
Prosas/Pensamentos Se amanhã morrer 0 401 06/04/2018 - 22:51 Português
Prosas/Pensamentos Um dia 0 460 06/04/2018 - 22:48 Português
Prosas/Erótico Conhecendo a Miss B 0 541 11/12/2017 - 00:27 Português
Prosas/Lembranças Momento 0 393 11/11/2017 - 23:58 Português
Prosas/Erótico Gostas do sexo que fazemos? 0 465 05/10/2016 - 20:48 Português
Prosas/Pensamentos O dia em que me disse que não me queria ver mais 0 331 05/05/2016 - 21:50 Português
Prosas/Pensamentos Cada vez que alguém se apaixona 0 333 05/05/2016 - 21:41 Português
Prosas/Pensamentos Liberdade Sexual 0 303 05/05/2016 - 14:03 Português
Prosas/Pensamentos AMIZADE COLORIDA 0 406 05/05/2016 - 12:54 Português
Prosas/Erótico DIÁRIO DE UMA BISSEXUAL - E VENHA O PRÓXIMO 0 733 05/02/2014 - 10:49 Português
Prosas/Erótico CRÓNICAS DE UMA LIBERTINA XIII 0 501 05/02/2014 - 10:37 Português
Prosas/Lembranças DIÁRIO DE UMA BISSEXUAL- O INÍCIO X 2 543 04/14/2013 - 14:21 Português
Prosas/Erótico DIÁRIO DE UMA BISSEXUAL- O INÍCIO IX 0 574 04/11/2013 - 22:06 Português
Prosas/Erótico DIÁRIO DE UMA BISSEXUAL- O INÍCIO VIII 0 532 04/11/2013 - 22:03 Português
Prosas/Erótico CRÓNICAS DE UMA LIBERTINA XII 0 487 04/11/2013 - 21:57 Português
Prosas/Erótico DIÁRIO DE UMA BISSEXUAL- O INÍCIO VII 0 597 04/04/2013 - 13:04 Português