CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

É na saudade de mim que me procuro,
nas colinas do tempo no silencio
agora companheiro da minha imagem

Entre prados verdes,de mil cheiros
no canto dos pássaros no som da
água que desliza da cascata.

Na melodia da cigarra.

Do ver-dor os dias alimenta, de melancolia
como se nada mais a vida fosse!
É na flor aberta,no pólen do pensamento que
renasce uma lágrima de mim ausente!

Um passado ainda recente no fervilhar,
da ilusão procuro curar as chagas da mente
juntar estilhaços duma vida crucificada
pelo tempo.

Mais forte que eu, aflui ao coração o fel
do esquecimento, entre a vontade distante
duma felicidade ausente em me reencontrar!!

mariamateus :roll:

Submited by

quinta-feira, outubro 1, 2009 - 14:45

Poesia :

No votes yet

mariamateus

imagem de mariamateus
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 28 semanas 10 horas
Membro desde: 02/24/2009
Conteúdos:
Pontos: 2987

Comentários

imagem de Henrique

Re: COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

como se nada mais a vida fosse!
É na flor aberta,no pólen do pensamento que
renasce uma lágrima de mim ausente!

Belo!!!

imagem de jopeman

Re: COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

Dos teus que eu mais gostei
Maravilhoso
Adorei, bjos

imagem de Ruteluz

Re: COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

Gostei, puro sentimento.
Um abraço poetico

imagem de MarneDulinski

Re: COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

mariamateus!

COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..
Mais forte que eu, aflui ao coração o fel
do esquecimento, entre a vontade distante
duma felicidade ausente em me reencontrar!!
Lindo, gostei,
MarneDulinski

imagem de Versosmeus

Re: COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

Belo poema, contundente por demais!
Mas, a vida continua!

:-(

imagem de FlaviaAssaife

Re: COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

mariamateus,

E como se nada demais a vida fosse...surge você com belos textos e poesias que nos fazem lembrar que a vida contagia!

Bj

imagem de Mefistus

Re: COMO SE NADA DEMAIS A VIDA FOSSE..

A encantadora meldia da cigarra, que nos transporta por entre cheiros e sensações...

poema forte e com sol!!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of mariamateus

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor MORRO ENTRE PALAVRAS QUE NADA TE DIZEM 1 1.157 02/26/2018 - 13:29 Português
Poesia/Dedicado RECORDAR-TE É UMA CONSTANTE 2 1.575 07/01/2013 - 21:10 Português
Poesia/Tristeza OLHO-ME 1 1.446 04/01/2013 - 09:37 Português
Poesia/Desilusão RODOPIAM COMO PEÕES 0 1.646 03/30/2013 - 20:55 Português
Poesia/Tristeza LÁGRIMAS 1 1.085 03/25/2013 - 18:15 Português
Poesia/Tristeza EM SAUDADE ME DERRAMO PELO TEMPO 1 1.206 03/16/2013 - 22:59 Português
Poesia/Desilusão QUEBRADA 1 1.449 03/08/2013 - 21:35 Português
Poesia/Tristeza PERDIDA 0 895 03/08/2013 - 02:12 Português
Poesia/Tristeza NOITE ADENTRO 4 1.694 03/05/2013 - 22:05 Português
Poesia/Tristeza NADA ME CONFORTA 1 1.331 03/05/2013 - 22:02 Português
Poesia/Tristeza LUAR QUE ABRAÇA MEUS OMBROS 0 1.122 03/02/2013 - 01:09 Português
Poesia/Tristeza CONTADAS DORES … 0 888 02/11/2013 - 13:26 Português
Poesia/Amor TEU BEIJO EM MIM 0 1.323 02/07/2013 - 15:34 Português
Poesia/Tristeza SAUDADES QUE ME CERRAM OS OLHOS 2 1.657 01/14/2013 - 22:11 Português
Poesia/Amor OLHOS PARADOS 0 1.759 12/09/2012 - 18:03 Português
Poesia/Paixão LUA MINHA 1 1.506 12/09/2012 - 00:35 Português
Poesia/Amor OLHA-ME NOS OLHOS 0 1.190 12/07/2012 - 16:59 Português
Poesia/Amor MAIS DO QUE O SOL ESCONDE A NOITE 0 1.798 12/06/2012 - 20:35 Português
Poesia/Meditação SILENCIOSA NOITE 2 1.454 12/06/2012 - 19:30 Português
Poesia/Tristeza ENTRE AS PAREDES DO MEU QUARTO 0 1.469 12/04/2012 - 19:11 Português
Poesia/Meditação AO SABOR DO TEMPO 0 1.886 11/29/2012 - 20:41 Português
Poesia/Amor BEIJO RECHEADO DE DESEJO 1 1.287 11/26/2012 - 19:50 Português
Poesia/Tristeza DESSE MAR DE SAUDADE 1 1.981 09/30/2012 - 22:33 Português
Poesia/Meditação ESSA QUE DORME AO COLO DA NOITE 1 1.909 09/25/2012 - 02:47 Português
Poesia/Meditação FRÁGEIS DEDOS 1 1.584 09/18/2012 - 22:32 Português