CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Dá-me a tua mão (Clarice Lispector)

Dá-me a tua mão:
Vou agora te contar
como entrei no inexpressivo
que sempre foi a minha busca cega e secreta.

De como entrei
naquilo que existe entre o número um e o número dois,
de como vi a linha de mistério e fogo,
e que é linha sub-reptícia.

Entre duas notas de música existe uma nota,
entre dois fatos existe um fato,
entre dois grãos de areia por mais juntos que estejam
existe um intervalo de espaço,
existe um sentir que é entre o sentir
- nos interstícios da matéria primordial
está a linha de mistério e fogo
que é a respiração do mundo,
e a respiração contínua do mundo
é aquilo que ouvimos
e chamamos de silêncio.

Clarice Lispector (1920-1977),  escritora e jornalista brasileira. De origem judia, nascida na Ucrânia.

Submited by

quinta-feira, junho 19, 2014 - 21:44

Poesia :

No votes yet

AjAraujo

imagem de AjAraujo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 semanas 3 dias
Membro desde: 10/29/2009
Conteúdos:
Pontos: 15570

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AjAraujo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado Ano Novo (Ferreira Gullar) 0 146 12/31/2017 - 18:13 Português
Prosas/Drama Os ninguéns (Eduardo Galeano) 0 82 12/31/2017 - 18:09 Português
Poesia/Dedicado Passagem de ano (Carlos Drummond de Andrade) 0 108 12/31/2017 - 17:59 Português
Prosas/Contos Um conto de dor e neve (AjAraujo) 0 938 12/20/2016 - 10:42 Português
Prosas/Contos Conto de Natal (Rubem Braga) 0 438 12/20/2016 - 10:28 Português
Prosas/Contos A mensagem na garrafa - conto de Natal (AjAraujo) 0 1.273 12/04/2016 - 12:46 Português
Poesia/Intervenção Educar não é... castigar (AjAraujo) 0 365 07/07/2016 - 23:54 Português
Poesia/Intervenção Dois Anjos (Gabriela Mistral) 0 1.260 08/04/2015 - 22:50 Português
Poesia/Dedicado Fonte (Gabriela Mistral) 0 712 08/04/2015 - 21:58 Português
Poesia/Meditação O Hino Cotidiano (Gabriela Mistral) 0 690 08/04/2015 - 21:52 Português
Poesia/Pensamentos As portas não são obstáculos, mas diferentes passagens (Içami Tiba) 0 864 08/02/2015 - 22:48 Português
Poesia/Dedicado Pétalas sobre o ataúde - a história de Pâmela (microconto) 0 1.432 03/30/2015 - 10:56 Português
Poesia/Dedicado Ode para a rendição de uma infância perdida 0 900 03/30/2015 - 10:45 Português
Poesia/Tristeza Entre luzes e penumbras 0 1.060 03/30/2015 - 10:39 Português
Poesia/Tristeza No desfiladeiro 1 1.450 07/25/2014 - 23:09 Português
Poesia/Intervenção Sinais da história 0 955 07/16/2014 - 23:54 Português
Poesia/Fantasia E você ainda acha pouco? 0 1.720 07/16/2014 - 23:51 Português
Poesia/Aforismo Descanso eterno 2 2.207 07/03/2014 - 21:28 Português
Poesia/Intervenção Paisagem (Charles Baudelaire) 0 1.381 07/03/2014 - 02:16 Português
Poesia/Meditação Elevação (Charles Baudelaire) 0 1.365 07/03/2014 - 02:05 Português
Poesia/Intervenção A uma mendiga ruiva (Charles Baudelaire) 0 2.566 07/03/2014 - 01:55 Português
Poesia/Intervenção Coração avariado 1 1.108 06/25/2014 - 02:09 Português
Poesia/Fantasia Flores bonecas 2 1.232 06/24/2014 - 19:14 Português
Poesia/Intervenção Caminho de San Tiago 0 1.736 06/23/2014 - 23:31 Português
Poesia/Soneto Há em toda a beleza uma amargura (Walter Benjamin) 1 1.584 06/20/2014 - 20:04 Português