CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

MONOLOGO

Quando não podes dialogar
Porque solidão te invade
Ou porque o amor acabou
Poeta não deves desanimar
Deves ter força de vontade.
Um poeta consigo falou:

Muito baixinho
Com os meus botões,
Falo sozinho
Minhas emoções,
Dores e penas,
As alegrias,
Vidas serenas,
Sonhos a esmo,
Sem companhias.
Falo sozinho
Comigo mesmo
Muito baixinho.

Tudo 'stá fusco
Na minha vida.
Alivio busco
Na minha lida.
Versos que faço.
Olhos chorando,
Rindo cantando,
Deixo meu traço
A minha trilha.
Em nada brusco,
E nada brilha.
Tudo 'stá fusco.

O tempo passa
Sozinho estou.
Vida devassa
Para onde vou.
Monologando
Vivo a sonhar,
E murmurando
Alma a sangrar,
Negro coração
Tristeza crassa,
Nesta solidão
O tempo passa.

Alexandre Pardal

Submited by

terça-feira, fevereiro 5, 2013 - 13:05

Poesia :

No votes yet

VICTOR ALEXANDRE

imagem de VICTOR ALEXANDRE
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 13 semanas
Membro desde: 03/13/2011
Conteúdos:
Pontos: 1162

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of VICTOR ALEXANDRE

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral O CHORO DA POETISA 1 392 02/27/2018 - 10:19 Português
Poesia/Geral AMBIÇÃO PODER E DINHEIRO 0 493 02/12/2013 - 11:12 Português
Poesia/Geral SEDE DE PODER 0 629 02/09/2013 - 18:43 Português
Poesia/Geral MONOLOGO 0 414 02/05/2013 - 13:05 Português
Poesia/Geral CARNAVAL NO RIO DE JANEIR 0 1.432 01/28/2013 - 08:54 Português
Poesia/Geral CARNAVAL NO RIO DE JANEIR 0 466 01/28/2013 - 08:54 Português
Poesia/Geral A LUTA DE UM VELHO PADRE 0 407 01/27/2013 - 09:29 Português
Poesia/Geral O RESPEITO 0 546 01/24/2013 - 09:23 Português
Prosas/Outros RAZÕES PARA DORMIR E DESPERTAR CEDO... 0 817 01/22/2013 - 09:12 Português
Poesia/Geral FAZER O BEM 0 437 01/18/2013 - 10:22 Português
Poesia/Geral VIVA A SOLIDARIEDADE! 0 357 01/16/2013 - 08:53 Português
Prosas/Outros ESTAMOS VIVENDO OS ÚLTIMOS DIAS DESTE MUNDO? 0 477 01/11/2013 - 08:36 Português
Prosas/Outros CASA DA SORTE / JOGO DA SORTE! 0 827 01/09/2013 - 22:08 Português
Prosas/Outros AULAS DE ESPANHOL OU FRANCÊS, PARTICULARES OU EM GRUPO 0 466 12/29/2012 - 07:54 Português
Poesia/Geral ARTES E CULTURA 0 362 12/21/2012 - 19:27 Português
Poesia/Geral ARTES E CULTURA 0 493 12/21/2012 - 19:27 Português
Prosas/Outros EM 2012 SERÁ FIM DO MUNDO? 0 956 12/16/2012 - 18:55 Português
Prosas/Outros EM 2012 SERÁ FIM DO MUNDO? 0 547 12/16/2012 - 18:55 Português
Prosas/Outros EM 2012 SERÁ FIM DO MUNDO? 0 539 12/16/2012 - 18:55 Português
Prosas/Outros FALE COM SEUS JOVENS SOBRE OS CUIDADOS COM O CORPO. 0 550 12/13/2012 - 19:31 Português
Poesia/Geral JOSÉ ROBERTO ARRUDA 2 556 12/03/2012 - 17:37 Português
Prosas/Cartas SÉRIE: CARTAS DE AMOR 0 1.126 11/24/2012 - 11:39 Português
Prosas/Outros DE DENTRO DA LAGOA, MÉRCIA NAKASHIMA GRITA: CADÊ OS MEUS DIREITOS? 0 567 11/18/2012 - 14:58 Português
Poesia/Geral CILENE A DISCRETA 0 571 11/09/2012 - 15:08 Português
Poesia/Geral FÁTIMA É NOME DE SANTA 0 559 11/09/2012 - 15:04 Português