CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

OS PASSOS QUE EU DOU

Os passos que eu dou

 

 

 

Ao andar ponho um pé no futuro e outro no passado,

Mas não consigo contar os passos que tenho dado,

Ando sempre para trás andando para a frente,

O tempo vai andando e os seus sinais o meu corpo sente,

E assim, o tempo me vai iludindo deixando-me viver,

Não pensando nele e quando acordo a vida vai acontecer.

 

 

Na minha ilusão não penso que a vida envelhece,

E por isso sigo sempre em frente e a esperança enaltece,

A vida que vou levando se for feita com dignidade,

Fazendo sempre falta um pouco de vaidade,

Mas não muita para saber sempre quem eu sou,

Porque a vida no meu pensamento ainda agora começou.

 

 

Ai o tempo com o me vai enganando com o meu consentimento,

Deixo-me iludir por ele para ir trabalhando e vivendo,

Para alcançar aquilo que eu desejo muito para mim,

A que eu chamo um sonho enquanto ele me deixar estar aqui,

Cantando vitória quando o consigo realizar,

E ficando triste ou a chorar quando não o consigo encontrar.

 

 

Depois tudo passa e eu volto a sorrir novamente,

Porque a ilusão de ir vivendo me deixa contente,

Com a minha esperança sempre a querer vencer,

Para ir tendo a minha alegria de a vida me acontecer,

Não interessa ter grandes riquezas mas sim a saúde,

Para ir vivendo com alegria neste tempo que me ilude.

 

 

 

Tavira, 7 de Agosto de 2012-Estêvão

Submited by

quarta-feira, dezembro 9, 2015 - 10:59

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 semanas 6 dias
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 153 12/20/2019 - 16:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 109 12/20/2019 - 16:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 161 12/12/2019 - 17:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.085 12/09/2019 - 12:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 758 12/14/2018 - 10:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 976 09/28/2018 - 14:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.408 03/21/2018 - 15:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.265 09/04/2017 - 09:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 1.561 07/17/2017 - 09:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 1.902 06/07/2017 - 08:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.386 05/24/2017 - 10:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.406 05/24/2017 - 09:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 838 05/09/2017 - 15:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 950 04/21/2017 - 10:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.016 03/26/2017 - 19:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.230 03/24/2017 - 11:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.476 03/13/2017 - 14:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.188 02/22/2017 - 10:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 850 02/08/2017 - 10:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.089 02/01/2017 - 10:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 898 01/26/2017 - 10:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 937 01/26/2017 - 10:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 930 01/11/2017 - 09:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.038 01/04/2017 - 11:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 1.964 12/21/2016 - 09:58 Português