CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

QUISERA EU SER VENTO

No muro
da saudade
sobrevoam borboletas.

Quiçá
embaladas nas trevas
duma nostalgia faminta.

De companhia.

Quisera
eu ser vento,
livre de amarras.

Ser sol,
acariciando
quem tem frio.

Água cristalina.

Bebida em concha
com as mãos
no perfume da vida.

Afortunados olhos meus,
amantes dos teus.

Suavizam dores
que o tempo levou
na raiz de um pensamento.
 

Submited by

segunda-feira, abril 4, 2011 - 00:22

Poesia :

Your rating: None (2 votes)

mariamateus

imagem de mariamateus
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 28 semanas 3 dias
Membro desde: 02/24/2009
Conteúdos:
Pontos: 2987

Comentários

imagem de marialds

Comentário

"Afortunados olhos meus,
amantes dos teus.

Suavizam dores
que o tempo levou
na raiz de um pensamento."

Simples e meramente um a linda passagem do poema .

Que bom te ler de novo.

imagem de Eu_e_os_Meus

;D

Afortunados olhos meus,
amantes dos teus.

Suavizam dores
que o tempo levou
na raiz de um pensamento.

Este seu poema é lindo.... parabens!

Destingo  esta ultima parte porque a adorei.... saudações ;D

imagem de Bernardina Pinto

Lindo poema!

Gostei muito do seu poema, transmite paz e liberdade e bons sentimentos. Ao lê-lo senti-me bem e com vontade de ir com o vento por aí...

Parabéns e felicidades.

Beijinhos

imagem de MariaButterfly

teu poema transmite paz,

teu poema transmite paz, apesar

de não ser disso que falas.

adorei, tua poesia....

 

quem não queria, ser o Espelho dos olhos de alguem?

 

Beijos

imagem de Nanda

Maria

A tua boa poesia tem para mim sempre muito significado.

Creio que a entendo.

Beijinhos

Nanda

imagem de Bernardina Pinto

Adorei este seu poema!

Parabéns Maria Mateus, achei o seu poema lindo e transmite uma força enorme de viver e de amar! Força e continue sempre assim a escrever o que sente ...a poesia liberta o que está dentro de nós e quando conseguimos transmitir o que sentimos através da poesia é um acto de magia e libertação. Sucessos e muitas felicidades. Ainda tenho poucos amigos e gostaria que aceitasse o meu pedido de amizade e me comentasse tb o que acha dos meus poemas. Obrigado e beijinhos.

imagem de antonioduarte

"Quisera eu ser vento"

Embora o desejo seja vento,

O amor é um assunto que jamais estará esgotado.

Podemos falar dele eternamente sem ficar saciados.

Amar é como comer, beber, respirar; não podemos viver sem amar e sem ouvir falar de amor.

Para mim, o seu maravilhoso texto canta o amor, pinta o amor, escreve o amor; um romance, uma peça de teatro; que, algo que não fale do amor parece enfadonho.

Eis aqui, a prova: Porque nos basta amar.

Muito bom; parabéns.

Abraço.

imagem de SuzeteBrainer

Maria, Com um poema tão

Maria,

Com um poema tão grandioso desse, vc é a pura poesia que sopra palavras mágicas...

Adorei!!

Beijosmiley

imagem de Susan

Que poema encantador na sua

Que poema encantador na sua concepção ...

Muito bo m te ler !!!!

Beijos

Susan

imagem de MarneDulinski

QUISERA EU SER VENTO

Maravilhso poema, gostei muito!

MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of mariamateus

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor MORRO ENTRE PALAVRAS QUE NADA TE DIZEM 1 1.159 02/26/2018 - 13:29 Português
Poesia/Dedicado RECORDAR-TE É UMA CONSTANTE 2 1.582 07/01/2013 - 21:10 Português
Poesia/Tristeza OLHO-ME 1 1.455 04/01/2013 - 09:37 Português
Poesia/Desilusão RODOPIAM COMO PEÕES 0 1.653 03/30/2013 - 20:55 Português
Poesia/Tristeza LÁGRIMAS 1 1.086 03/25/2013 - 18:15 Português
Poesia/Tristeza EM SAUDADE ME DERRAMO PELO TEMPO 1 1.209 03/16/2013 - 22:59 Português
Poesia/Desilusão QUEBRADA 1 1.457 03/08/2013 - 21:35 Português
Poesia/Tristeza PERDIDA 0 897 03/08/2013 - 02:12 Português
Poesia/Tristeza NOITE ADENTRO 4 1.707 03/05/2013 - 22:05 Português
Poesia/Tristeza NADA ME CONFORTA 1 1.337 03/05/2013 - 22:02 Português
Poesia/Tristeza LUAR QUE ABRAÇA MEUS OMBROS 0 1.127 03/02/2013 - 01:09 Português
Poesia/Tristeza CONTADAS DORES … 0 895 02/11/2013 - 13:26 Português
Poesia/Amor TEU BEIJO EM MIM 0 1.337 02/07/2013 - 15:34 Português
Poesia/Tristeza SAUDADES QUE ME CERRAM OS OLHOS 2 1.665 01/14/2013 - 22:11 Português
Poesia/Amor OLHOS PARADOS 0 1.763 12/09/2012 - 18:03 Português
Poesia/Paixão LUA MINHA 1 1.512 12/09/2012 - 00:35 Português
Poesia/Amor OLHA-ME NOS OLHOS 0 1.194 12/07/2012 - 16:59 Português
Poesia/Amor MAIS DO QUE O SOL ESCONDE A NOITE 0 1.809 12/06/2012 - 20:35 Português
Poesia/Meditação SILENCIOSA NOITE 2 1.459 12/06/2012 - 19:30 Português
Poesia/Tristeza ENTRE AS PAREDES DO MEU QUARTO 0 1.475 12/04/2012 - 19:11 Português
Poesia/Meditação AO SABOR DO TEMPO 0 1.893 11/29/2012 - 20:41 Português
Poesia/Amor BEIJO RECHEADO DE DESEJO 1 1.287 11/26/2012 - 19:50 Português
Poesia/Tristeza DESSE MAR DE SAUDADE 1 1.985 09/30/2012 - 22:33 Português
Poesia/Meditação ESSA QUE DORME AO COLO DA NOITE 1 1.918 09/25/2012 - 02:47 Português
Poesia/Meditação FRÁGEIS DEDOS 1 1.594 09/18/2012 - 22:32 Português