CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SEMPRE QUE TE VEJO




Sempre que te vejo

 

 

Os meus dias mudam de cor quando te vejo,

E a minha alma fica sedenta de desejo,

Para ter o teu amor que a faz encher,

De alegria para a minha vida bem viver,

E os meus dias ganham uma imensa cor,

Porque necessitam de se alimentar do teu amor.

 

Manda-me um sorriso quando o Sol nascer,

Se queres ver o meu amor por ti também crescer,

Os meus olhos também vais ver brilhar,

Como uma estrela da noite bela a cintilar,

E a Lua vai correndo inchada de luz,

Porque o teu lindo sorriso sempre me seduz.

 

Quando não olhas para mim, os dias escurecem,

E os meus olhos sem brilho se entristecem,

Não deixes de sorrir quando aparece a aurora,

Que a madrugada oferece e lentamente se vai embora,

Depois vem o Sol, o céu fica azul com o teu sorriso,

E os meus dias enchem-se da cor dum iriso.

 

No outro dia deste-me um abraço com tanto amor,

E os meus braços se fecharam cheios de fulgor,

E a sua luz entrou na minha alma reluzente,

Todo o meu corpo tremeu e fiquei tão contente,

O teu coração senti como se tive dentro do meu peito,

E fico a sonhar contigo quando me deito.

 

E assim, os meus dias tu vais sempre colorindo,

Olho para o céu e cada vez fica mais lindo,

Pelo teu amor com um sorriso do teu coração,

Que me deixa a pensar em ti em plena meditação,

Sonhando contigo e sempre te vou beijando,

E o nosso amor entre nós vai ficando.

 

De mão na mão, com o teu sorriso e o teu olhar,

Os meus dias serão diferentes no meu pensar,

Ganham a cor que o meu desejo vai pedindo,

Com o teu rosto belo, alegre sempre sorrindo,

E assim, os dias que tempo nos vai mostrando,

Serão sempre lindos e por nós vão passando.

 

 

 

Tavira, 21 de Setembro de 2011-Estêvão

 

 

 

 

Submited by

segunda-feira, agosto 26, 2013 - 16:45

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 16 semanas 2 dias
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7749

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação Pensamento 0 335 12/20/2019 - 17:18 Português
Poesia/Meditação Pensamento 0 208 12/20/2019 - 17:13 Português
Poesia/Amor Três coisas 2 255 12/12/2019 - 18:00 Português
Poesia/Geral AS ONDS DO MAR 5 2.384 12/09/2019 - 13:23 Português
Poesia/Fantasia O MEU NOME 0 884 12/14/2018 - 11:36 Português
Poesia/Meditação O TEMPO LEVA TUDO 0 1.146 09/28/2018 - 15:56 Português
Prosas/Pensamentos 34- O HOMEM 6 1.673 03/21/2018 - 16:04 Português
Poesia/Amor VERMELHO 0 1.358 09/04/2017 - 10:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 1.974 07/17/2017 - 10:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 2.305 06/07/2017 - 09:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 1.703 05/24/2017 - 11:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 1.718 05/24/2017 - 10:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 960 05/09/2017 - 16:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 1.151 04/21/2017 - 11:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 1.132 03/26/2017 - 20:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 2.356 03/24/2017 - 12:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 1.715 03/13/2017 - 15:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 1.381 02/22/2017 - 11:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 962 02/08/2017 - 11:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 1.530 02/01/2017 - 11:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.070 01/26/2017 - 11:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 1.171 01/26/2017 - 11:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 1.043 01/11/2017 - 10:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 1.237 01/04/2017 - 12:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 2.134 12/21/2016 - 10:58 Português