CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Sobre homens, camelos e desertos

O sol é escaldante, mas o camelo segue seu destino
Que fora decidido pelo homem que deve atravessar o deserto
O homem precisa do camelo
Assim como o camelo precisa de mais água.

A areia lhe violenta a pele
Mas o homem mal percebe perdido em seus devaneios de viajante
Precisa atravessar o deserto
Por isso montou aquele camelo.

O animal tem a força que lhe faltaria para tamanha mudança
Que é atravessar de um lado ao outro um imenso deserto
A viagem é longa e o objetivo se torna uma miragem
O homem se vê cansado e o camelo segue.

O homem e o animal atravessam o mesmo deserto
Mas entre eles reina o absoluto silêncio
Tudo em volta é deserto sem fim nem começo
Não resta dúvida: é preciso seguir em frente.

Montado ao lombo do camelo
O homem acredita ser capaz de cumprir a longa jornada
Por isso se beneficia da brutalidade do animal
Este, atende ao desejo do homem, domado.

O homem vai atravessando o deserto
Encima de um camelo que não questiona seus desejos
Mas o deserto atravessa o homem, invariavelmente o vence
Enquanto o camelo, esse já nasceu com deserto dentro dele.

Submited by

quinta-feira, maio 5, 2011 - 19:41

Poesia :

No votes yet

solanjedere

imagem de solanjedere
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 2 semanas
Membro desde: 03/31/2010
Conteúdos:
Pontos: 243

Comentários

imagem de MarneDulinski

Sobre homens, camelos e desertos

Lindo poema, gostei muito!

Meus parabéns,

MARNE

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of solanjedere

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Aforismo Devil in a bottle (ou uma paranóia normal) 1 598 11/16/2012 - 16:37 Português
Fotos/Outros Gent, Belgium 0 1.145 11/16/2012 - 00:18 Português
Fotos/Outros It's Turkey, bitch! 0 1.235 11/15/2012 - 23:41 Português
Poesia/Aforismo O sexo é frágil 0 1.226 09/13/2012 - 21:18 inglês
Poesia/Aforismo Hay que decir adiós 0 972 09/11/2012 - 16:21 Espanhol
Fotos/Natureza My ppl. 0 1.336 08/16/2012 - 22:02 inglês
Fotos/Artes 4 july job 0 1.421 08/16/2012 - 21:59 inglês
Fotos/Paisagens Florianópolis - SC- Brasil 0 1.375 08/16/2012 - 21:44 inglês
Poesia/Acrósticos Esa gente feliz 2 1.086 08/16/2012 - 17:20 inglês
Prosas/Contos Também sou para casar, Rodrigo! 0 815 11/15/2011 - 02:28 Português
Poesia/Meditação Sobre homens, camelos e desertos 1 1.026 05/05/2011 - 23:03 Português
Fotos/Eventos Sarau no Gorila Café, 22/03/2011 0 4.178 03/26/2011 - 14:43 Português
Poesia/Geral Sangue 2 906 02/23/2011 - 21:38 Português
Poesia/Pensamentos Madrugada adentro... 0 989 02/06/2011 - 15:43 Português
Poesia/Meditação Anestesia 0 1.007 02/05/2011 - 08:43 Português
Poesia/Soneto Ontem 0 1.005 02/05/2011 - 08:39 Português
Poesia/Dedicado Crenças 0 852 02/05/2011 - 08:37 Português
Poesia/Soneto Carta aos meus inquisidores sociais 0 1.111 02/05/2011 - 08:34 Português
Poesia/Soneto Manipulações 2 825 02/05/2011 - 08:32 Português
Poesia/Aforismo Quando Tudo Está Perdido 2 950 02/05/2011 - 08:31 Português
Poesia/Dedicado Mr. Ego 4 1.323 02/05/2011 - 08:26 Português
Poesia/Soneto Profugos 2 1.239 02/05/2011 - 08:20 Espanhol
Poesia/Amizade Every little piece of pain... 0 938 01/11/2011 - 17:12 Português
Poesia/Soneto Indiferença 0 718 01/11/2011 - 17:08 Português
Poesia/Aforismo De Cama 0 1.044 01/11/2011 - 17:06 Português