CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

UMA NOITE SÓ

Uma noite só

 

Nesta noite quente de Verão,

Estou na minha solidão,

Ouço apenas o silêncio cair,

Não o sinto mas o tenho,

Transparece no meu cenho,

Não me vejo nem sei sorrir.

 

A brisa que me bate no rosto,

Deixa – me bem disposto,

Abraçado à minha solidão,

Não ouço chamar por mim,

Nunca senti nada assim,

Nesta noite quente de Verão.

 

Era bom que uma voz amada,

Me fizesse uma chamada,

Para este silêncio quebrar,

Nesta noite quente de Verão,

Apenas ouço o bater do meu coração,

É ele que me está a chamar.

 

A noite vai envelhecendo,

Eu parado vou correndo,

No meu pensamento surdo,

Não sinto mais nada agora,

Não me apetece ir embora,

Para não parecer absurdo.

 

Já não sei que horas são,

Nesta grande solidão,

O sono não me quer levar,

Para a cama do meu quarto,

De estar aqui não estou farto,

Não sei se me vou deitar.

 

Ó cansaço chega agora,

A minha mente por ti não chora,

Quer pensar para estar aqui,

Neste lugar que é todo seu,

Mas ainda não se convenceu,

Que eu ainda não dormi.

 

 

Tavira, 21 de Agosto de 2010 - Estêvão

Submited by

segunda-feira, abril 1, 2013 - 08:37

Poesia :

No votes yet

José Custódio Estêvão

imagem de José Custódio Estêvão
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 semana 6 dias
Membro desde: 03/14/2012
Conteúdos:
Pontos: 7710

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of José Custódio Estêvão

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor VERMELHO 0 200 09/04/2017 - 09:13 Português
Poesia/Amor UMA ORQUÍDEA PARA TI 0 286 07/17/2017 - 09:50 Português
Poesia/Meditação AS PEDRAS DOS RIOS 0 304 06/07/2017 - 08:54 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 34 0 418 05/24/2017 - 10:09 Português
Poesia/Amor AMO-TE COMO ÉS 0 375 05/24/2017 - 09:59 Português
Poesia/Meditação SABER SER FRELIZ 0 123 05/09/2017 - 15:51 Português
Poesia/Amizade TU 0 155 04/21/2017 - 10:52 Português
Poesia/Meditação PARA DE TE QUEIXAR 2 284 03/26/2017 - 19:34 Português
Poesia/Meditação PARA QUÊ MATAR? 5 381 03/24/2017 - 11:31 Português
Poesia/Meditação CHEGAR, VER E VENCER 0 109 03/13/2017 - 14:57 Português
Poesia/Amor BEIJOS TEUS 0 292 02/22/2017 - 10:12 Português
Poesia/Amor OLHANDO O MAR 0 230 02/08/2017 - 10:26 Português
Poesia/Amor SAUDADE 0 222 02/01/2017 - 10:29 Português
Poesia/Geral FRIO 0 187 01/26/2017 - 10:27 Português
Poesia/Geral FRIO 0 132 01/26/2017 - 10:23 Português
Poesia/Fantasia AS ONDAS DO MAR 0 207 01/11/2017 - 09:49 Português
Poesia/Meditação AMANHECEU OUTRA VEZ 0 239 01/04/2017 - 11:22 Português
Poesia/Alegria RIR 0 493 12/21/2016 - 09:58 Português
Poesia/Amor O BARCO DOS NOSSOS SONHOS 1 557 12/15/2016 - 13:05 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 0 399 12/07/2016 - 11:16 Português
Poesia/Amor RECORDANDO 0 186 12/07/2016 - 11:01 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 0 191 11/30/2016 - 11:39 Português
Poesia/Fantasia TEMPO DE SOL 0 195 11/30/2016 - 11:26 Português
Prosas/Pensamentos PENSAMENTOS 0 451 11/23/2016 - 11:23 Português
Poesia/Amor AMOR 0 938 11/23/2016 - 11:15 Português