CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Fumamos para esquecer, Morremos por fumar, O que se esquece???

No mundo dos grandes

Há imensos fumadores

Uns só pra pertencer a novos gangues

Outros para aliviares as fortes dores

 

Há quem fume pra esquecer problemas

O vicio (in)consciente leva á morte

Pergunto, se no meio de tantos dilemas

O esquecimento da vida é boa sorte

 

Fumar danifica o vosso ser

Dá, entre tosses arrepiantes

Problemas sofridantes

Que vos irão continuamente abater

 

A vida custa, pesa, demora

O bom de estar vivo é não estar só

O monóxido arrasta em boa hora

Um corpo vivo para inesgostável pó

 

Pó este feito de almas carinhosas

De corações feitos na descrensa

Que novo ser se coloque na dispensa

Dos mortos por vícios impiedosos

 

A nicotina bloqueia o pensamento

Os neurónios que em tom harmonioso nos ajudavam

Desesperam, em tom desagradável

Pois já não se sentem os mesmos

 

Assim se perdem almas no engano

Familias que não tendo a quem recorrer

Enterram mais um ser humano

Que pela ganância, popularidade se foi vencer

 

Não fumar dá cura aos problemas

Só precisamos de relaxar, pensar

Em maneiras, estratagemas

Da vida nos compensar

Isto sem o uso parvo de se drogar

Submited by

segunda-feira, dezembro 12, 2011 - 17:29

Poesia :

No votes yet

flavinhop

imagem de flavinhop
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 34 semanas
Membro desde: 01/24/2010
Conteúdos:
Pontos: 331

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of flavinhop

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Poesia Somos o que somos, e se pudessemos não ser?? 0 1.864 07/17/2012 - 14:29 Português
Videos/Poesia Em Portugal Guardou-se o Hino, video 0 1.718 06/25/2012 - 16:16 Português
Poesia/Intervenção Em Portugal Guardou-se o Hino 0 1.133 06/25/2012 - 16:13 Português
Poesia/Intervenção A economia sente-se má 0 942 06/24/2012 - 16:21 Português
Poesia/Geral Aluno: Nutricionista de si mesmo 0 1.379 06/24/2012 - 16:17 Português
Poesia/Geral Porque hoje é mais um sábado 1 1.045 06/23/2012 - 19:32 Português
Poesia/Geral Mal De Alzheimer, Poema sintomatológico 0 1.978 06/23/2012 - 09:03 Português
Videos/Poesia Portugal e Os BÉBÉS SOCIAIS 0 1.852 06/23/2012 - 09:00 Português
Poesia/Dedicado Portugal perde por não saber 0 902 01/18/2012 - 10:35 Português
Poesia/Geral Deixemos o novo ano entrar 0 1.067 01/12/2012 - 11:16 Português
Poesia/Intervenção Quem somos nós, Portugueses 0 904 01/12/2012 - 11:12 Português
Poesia/Intervenção Fomos Conquistados pelos chineses 1 1.246 12/31/2011 - 17:19 Português
Poesia/Geral Bons Velhos Tempos 3 2.436 12/21/2011 - 15:04 Português
Poesia/Intervenção A sociedade por dentro e por fora 0 1.131 12/20/2011 - 21:04 Português
Poesia/Intervenção Fumamos para esquecer, Morremos por fumar, O que se esquece??? 0 1.171 12/12/2011 - 17:29 Português
Poesia/Geral Doença de Parkinson 0 1.291 12/09/2011 - 20:19 Português
Poesia/Geral Sida: Retrato da Doença 0 1.436 12/09/2011 - 20:16 Português
Poesia/Soneto How to know your heart is bleeding 0 2.393 07/26/2011 - 19:21 inglês
Poesia/Geral Cancro Pulmonar 0 1.243 07/24/2011 - 10:16 Português
Poesia/Meditação Penso eu cá para os meus botões: Valerá tudo a pena? 3 1.337 07/24/2011 - 07:46 Português
Videos/Poesia Poema Leucemia 0 3.317 07/21/2011 - 13:20 Português
Poesia/Geral A ciência poética do entendimento 0 1.411 07/20/2011 - 13:53 Português
Poesia/Geral Hepatite auto-imune 0 1.338 07/20/2011 - 13:28 Português
Poesia/Geral Do nada muita coisa se escreve 0 1.451 07/20/2011 - 13:21 Português
Poesia/Geral Leucemia 3 1.460 07/07/2011 - 14:15 Português