CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Penso eu cá para os meus botões: Valerá tudo a pena?

Todos temos dias em que não vale a pena protestar

A nossa vida é um caos que depois passa

Não vale a pena tentar dizer não a certas coisas

Se a necessidade delas nos ultrapassa

 

Não vale a pena…

Não sei se valerá a pena

Queria que por uma vez a pena me dissesse que vale hoje

Mas como dizem os antigos: Nada vale a pena se a alma não é pequena

 

Mas á uns dias atrás

Gostava que valesse a pena gritar

Rosnar, talvez até nos sufocarmos a nós próprios

Para nos ouvirem falar e as verdades tentar comunicar

 

Mas desde que nasci

Tentando evitar coisas que me fariam mais vómito por dentro que por fora

Tentei dizer: Não quero hoje isso, a sério que não me dá jeito hoje

Mas não valia a pena! , nunca valeu a pena!

 

Por mais que tentasse eram-me rasgadas as vontades

Por mais que chorasse eram-me retiradas liberdades

A realidade era em mim imposta porque se achava que me fazia bem

Tenho portanto agora ideias destruidoras da vontade que aos outros convêm

 

Também penso que na maior parte das situações sociais

Não vale a pena falar contra elas

Podemos até nos suicidar contra elas

Que a vontade de quem as fez pouco mudará

 

Sendo assim, pergunto: O que vale a pena então?

Viver, vale imenso

Mas como a vida é sinónimo de sofrimento

Deixa de valer a pena uma vez que sofrer é viver

 

A morte?? Valerá essa malvada a pena?

Pensar que a nossa vida acabou e que não temos mais nada que proteger

Pensar que o sossego da cama agora é continuo

E que não há relógios nem vida para nos ocupar

Mas se olharmos na vida a morte certamente não vale nada a pena

 

Vale a pena sofrer se sabemos que estamos a um dia de morte?

Vale a pena viver se sabemos do fim da vida?

Á quem diga que só o facto de estarmos vivos é boa sorte

Mas não será a vida o prolongamento de uma despedida?

 

Sendo assim tudo vale a pena no homem

Estar doente vale a pena

Ter amigos, vale a pena

Estar em coma talvez valha a pena

Isto porque a alma se diz que é pequena

 

Flávio Pereira

Submited by

sábado, julho 23, 2011 - 21:03

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

flavinhop

imagem de flavinhop
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 34 semanas
Membro desde: 01/24/2010
Conteúdos:
Pontos: 331

Comentários

imagem de deborabenvenuti

Valerá tudo a Pena?

Tudo vale a pena se a alma não é pequena...

Beijo

imagem de Henrique

Tudo

Tudo, nem tudo o valerá, mas também nada é por acaso.

Bom o seu pensamento, mas a resposta,

só depois de partirmos e se tivermos oportunidade para tal, é que o saberemos!!!

 

Abraço

 

imagem de flavinhop

Impressionante

Dos 3 comentários só um chegou onde eu queria chegar com o poema.

 

É certo que FPessoa disse que tudo valia a pena mas a minha intenção neste poema era mostrar precisamente que pode valer e pode não valer sendo que grande parte das vezes quase que nem vale. É bem henrique.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of flavinhop

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Poesia Somos o que somos, e se pudessemos não ser?? 0 1.864 07/17/2012 - 14:29 Português
Videos/Poesia Em Portugal Guardou-se o Hino, video 0 1.718 06/25/2012 - 16:16 Português
Poesia/Intervenção Em Portugal Guardou-se o Hino 0 1.131 06/25/2012 - 16:13 Português
Poesia/Intervenção A economia sente-se má 0 941 06/24/2012 - 16:21 Português
Poesia/Geral Aluno: Nutricionista de si mesmo 0 1.379 06/24/2012 - 16:17 Português
Poesia/Geral Porque hoje é mais um sábado 1 1.045 06/23/2012 - 19:32 Português
Poesia/Geral Mal De Alzheimer, Poema sintomatológico 0 1.978 06/23/2012 - 09:03 Português
Videos/Poesia Portugal e Os BÉBÉS SOCIAIS 0 1.852 06/23/2012 - 09:00 Português
Poesia/Dedicado Portugal perde por não saber 0 901 01/18/2012 - 10:35 Português
Poesia/Geral Deixemos o novo ano entrar 0 1.067 01/12/2012 - 11:16 Português
Poesia/Intervenção Quem somos nós, Portugueses 0 904 01/12/2012 - 11:12 Português
Poesia/Intervenção Fomos Conquistados pelos chineses 1 1.246 12/31/2011 - 17:19 Português
Poesia/Geral Bons Velhos Tempos 3 2.436 12/21/2011 - 15:04 Português
Poesia/Intervenção A sociedade por dentro e por fora 0 1.131 12/20/2011 - 21:04 Português
Poesia/Intervenção Fumamos para esquecer, Morremos por fumar, O que se esquece??? 0 1.171 12/12/2011 - 17:29 Português
Poesia/Geral Doença de Parkinson 0 1.290 12/09/2011 - 20:19 Português
Poesia/Geral Sida: Retrato da Doença 0 1.436 12/09/2011 - 20:16 Português
Poesia/Soneto How to know your heart is bleeding 0 2.393 07/26/2011 - 19:21 inglês
Poesia/Geral Cancro Pulmonar 0 1.243 07/24/2011 - 10:16 Português
Poesia/Meditação Penso eu cá para os meus botões: Valerá tudo a pena? 3 1.336 07/24/2011 - 07:46 Português
Videos/Poesia Poema Leucemia 0 3.316 07/21/2011 - 13:20 Português
Poesia/Geral A ciência poética do entendimento 0 1.411 07/20/2011 - 13:53 Português
Poesia/Geral Hepatite auto-imune 0 1.337 07/20/2011 - 13:28 Português
Poesia/Geral Do nada muita coisa se escreve 0 1.451 07/20/2011 - 13:21 Português
Poesia/Geral Leucemia 3 1.460 07/07/2011 - 14:15 Português