CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Relato de um Suicídio

E que ao mundo dê adeus, depois aborte
Os sonhos que ficaram no passado
Perdeu até a cabeça! Ué,foi degolado?
Não! Está a fronte em um lugar que a conforte

Deitou sobre o esquife; alguém transporte
Mas no inferno quando for sepultado
Compreeda que no amor não há pecado
E ofereça uma rosa para a morte.

Susto! Cena fatal de derrotista
Daria um belo quadro impressionista;
Suspenso com a corda pescoço.

As lágrimas caem de modo avulso
Paira seu corpo nu; cortes no pulso
É triste chagar ao fundo do poço!
 

Submited by

sexta-feira, julho 22, 2011 - 19:50

Poesia :

Your rating: None (2 votes)

Charles Antônio Marques Pereira

imagem de Charles Antônio Marques Pereira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 14 semanas
Membro desde: 04/14/2011
Conteúdos:
Pontos: 373

Comentários

imagem de Jorge Humberto

Meu querido amigo, Charles,

Meu querido amigo, Charles,
 

Aprecio imenso quem tem o condão de criar sonetos.

Este fala de uma dura e terrível realidade, que cada vez mais, neste mundo inumano, leva ao desespero final, de escolher, como a única saida visivel, muitos de nossos jovens. Poeta também é para isto, alertar quem se encontra perdido na vida,
sem uma luz ao fundo do túnel.
 

Abraços meus.
Jorge Humberto.

imagem de Charles Antônio Marques Pereira

Obrigado amigo Jorge

Obrigado amigo Jorge Humberto, fico feljz de saber que há pessoas que pensam como voce.

Mais uma vez obrigado pelo seu comentário

 E fique com Deus meu amigo

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Charles Antônio Marques Pereira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto Sagrada Escritura 2 836 05/20/2013 - 22:17 Português
Poesia/Soneto Meu Deus! 2 451 05/20/2013 - 21:56 Português
Poesia/Soneto Emoções 4 759 04/16/2012 - 18:58 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (III) 2 885 04/07/2012 - 18:26 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (IV) 1 765 04/01/2012 - 15:58 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (II) 2 861 03/28/2012 - 22:52 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (I) 4 1.050 03/24/2012 - 18:22 Português
Poesia/Soneto Relato de um Suicídio 2 710 03/21/2012 - 00:15 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (V) 0 834 08/25/2011 - 19:45 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (VII) 0 1.004 08/17/2011 - 22:47 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (IX) 0 685 08/12/2011 - 01:22 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (VIII) 0 840 08/12/2011 - 01:17 Português
Poesia/Soneto Ouvir Estrelas 2 1.028 07/24/2011 - 22:13 Português
Poesia/Soneto Tudo é Inútil! 0 992 07/23/2011 - 18:49 Português
Poesia/Soneto Com a Útima Mulher da Nossa Vida 0 684 07/22/2011 - 20:18 Português
Poesia/Soneto "Amantes, Amentes" 0 841 06/21/2011 - 19:21 Português
Poesia/Soneto Leito de Morte 0 706 06/21/2011 - 19:12 Português
Poesia/Soneto Filosofia de Morte 3 1.053 06/09/2011 - 19:03 Português
Poesia/Soneto Depressão 0 655 06/06/2011 - 01:12 Português
Poesia/Soneto Nordeste 0 680 06/06/2011 - 01:05 Português
Poesia/Soneto A Beatinha do Meu Bairro 0 638 06/06/2011 - 00:59 Português
Poesia/Soneto Miragem 0 656 06/06/2011 - 00:53 Português
Poesia/Soneto Epopéia 0 651 06/06/2011 - 00:48 Português
Poesia/Geral Nação Madrasta 2 675 05/02/2011 - 21:04 Português
Poesia/Haikai Lágrimas 0 674 04/24/2011 - 18:55 Português