CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

É TÃO LINDO MORRER

É tão lindo morrer.

Choram
por nós numa saudade
nunca antes sentida com inteireza.

Não é só tristeza.

Sorriam-nos
ao íntimo com recordações
de momentos passados alegremente.

Oferecem-nos flores.

Apaziguam-nos as dores da morte.

Ou então, não é sempre bom receber flores!

Pelo sim e pelo não, é melhor não morrer.

Mas não deixa de ser lindo.

Submited by

domingo, fevereiro 21, 2010 - 01:05

Poesia :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 5 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Comentários

imagem de brunoteenager

RE: É TÃO LINDO MORRER

A morte exige um exercício hermenêutico para a sua compreensão e eu acho mesmo, muitas vezes, bem melhor não pensar nela, porém, em sua poética, a morte ganha significado eufêmico e por isso vai suave aos acordes da alma.
Quisera eu entendê-la assim.

Congratulações, Henrique

imagem de Anonymous

Re: É TÃO LINDO MORRER

Lindo!!! Gostei muito. Mas como o Outro escreveu: " A morte é a curva na estrada. Morrer é só não ser visto."

imagem de RosaDSaron

Re: É TÃO LINDO MORRER

Henrique,

É por isso que sempre digo aos meus e aos amigos...
Se querem demonstrarem gostarem de mim,que sejam em vida pois depois de morta não vou saber e nem tão pouco ver...rsrsrs

Mas ficou muito bonito a forma que expressaste a "morte"!

Parabéns!
Beijinhos...
Rosa

imagem de jopeman

Re: É TÃO LINDO MORRER

boa abordagem, qdo a morte desvenda, por fim, os vivos

mto bom

abraço

imagem de Obscuramente

Re: É TÃO LINDO MORRER

Epah... que pode um homem dizer depois de ler isto...

Se morrer é assim tão lindo... então morre...

Opinião honesta: Nunca te vi pior.

Abraço.

PS: Há temas que exigem algum respeito, outros alguma delicadeza, outros ainda bom-senso e por vezes bom-gosto. Quando escrevemos sem reparar em nada disso, não podemos pedir comentários que não lhe sejam correspondentes.

imagem de Henrique

Re: É TÃO LINDO MORRER p/Obscuramente

Obrigado pela tua sinceridade.

Nem tudo o que escrevemos é bom, este um tema já por si triste, por isso lhe aproveito o lado alegre, se leres o comentário da Gisa, entenderás...

"PS: Há temas que exigem algum respeito, outros alguma delicadeza, outros ainda bom-senso e por vezes bom-gosto. Quando escrevemos sem reparar em nada disso, não podemos pedir comentários que não lhe sejam correspondentes."

Isto que acabas de escrever, são leis que assassinam a escrita e o poder de opinião, é estrangular a democracia, todos os temas devem ser abordados de mil e uma formas. Quer dizer, no teu ponto de vista é proibido, dizer mal de Deus, falar bem do Diabo e etc...

Surpreendeste-me pela negativa.

"Epah... que pode um homem dizer depois de ler isto..."

Epah... nada, não percebeste o poema... volta a lê-lo e lê o comentário da Gisa!

Abraço

Gosto de ti por seres assim...

:-)

imagem de Obscuramente

Re: É TÃO LINDO MORRER p/Obscuramente

A unica limitação à escrita está na própria limitação do autor em não conseguir ultrapassar os limites vigentes e inerentes à liberdade de outros de terem objectos de culto, pensamentos, valores e sentimentos próprios. Fazendo-o de forma elegante e que diferencie o artista de um artesão que apenas repete mecanismos criados préviamente, será sempre uma boa maneira de começar a saltar essas barreiras. Desde que não salte em cima de ninguém.

Estrangular a democracia é ter um governo legitimamente eleito que por pouco não fica refem de meios de comunicação social e onde as leis do estado de direito não são cumpridas interferindo nas liberdades pessoais de privacidade no dialogo e actividades de vida diarias.

Estrangular a democracia seria proibir-te de falar.

Opinar contrariamente, é certamente um meio de atingir conhecimento. Toda a Tese deve ter Antitese para se chegar a uma Sintese. Neste caso, nem sequer se tratou disso, apenas considerei que já vi coisas escritas por ti, bem melhores, tanto ao nivel de figuras de estilo como de conteúdo. Gozar com o modo como as pessoas fazem os funerais, ou não, o seu luto ou falta deste, será como fazer troça dos poemas de amor, dos poemas de amizade e de todas as coisinhas fofinhas ou enjoativas que por aqui passam.

O facto de eu afirmar publicamente que existem valores que considero de certa forma delicados e alguns até intransponiveis, indica apenas que tento evitar um confronto maior. Podia dizer logo que de minha opinião, foi foleiro da tua parte.

Quanto à intensão do poema que dizes que eu perdi, tenho apenas a referir que não está classificado nem como Sátira nem como Comédia, mas sim como Alegria.

Se não vi a "piada" não quer dizer que seja cego, apenas que não a vejo mesmo em lado nenhum... lol

Não sei se queres responder mais, mas por mim fica tudo exclarecido.

Abraço.

imagem de NunoCarvalho

Re: É TÃO LINDO MORRER

Henrique,

Será melhor não morrer, embora às vezes seja difícil viver.

Bom poema, apesar do tema.

Abraço
:-)

imagem de Gisa

Re: É TÃO LINDO MORRER

Realmente é quando se mostram as verdeiras faces, os mais sinceros, pena que é quando não podemos mais ver...Sendo assim, melhor viver, mas não deixa de ser lindo. Abraços

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: É TÃO LINDO MORRER

Parabéns pelo belo poema.

Um abraço,
Roberto

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 36.985 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.606 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.215 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.136 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 1.984 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.007 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.683 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.681 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 5.420 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.826 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.246 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.362 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.626 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 2.816 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.158 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.870 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 1.738 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 1.746 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 2.917 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.558 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.463 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.386 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.425 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.751 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.656 01/16/2015 - 20:47 Português