CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Deixa lá

Sabes quem eu sou?
Eu era aquele ali…, aquele que…
Deixa lá! Não interessa, afinal eu sou só EU.
Apesar de não saberes quem sou,
Eu sinto ainda hoje a dor de querer ser…
Teu Amigo!
Falavas-me maravilhosamente bem
Eras uma serenidade,
Eras a cadeira que baloiçava,
Quando de olhos fechados
Olhava para o teu interior
E queria tanto ser o Fidalgo.
Mesmo naquela pobreza honrada,
Eu queria sempre ser…, algo.
E a Educação? Soberba…
E com o amor? Paixão,
Sempre a sofrer por amar mais um pouco.
E nos dias que partias em viagens
Eu continuava contigo,
E já noite, corria para dentro de ti.
As tertúlias? Essas eram sempre feitas comigo a Teu lado,
Caía de sono de tanto te escutar,
Sempre tão feliz…
Sei que não sabes quem eu sou,
Mas acredita, eu sou tanto de Ti…
Não acreditas se te disser que se pode ter filhos sem os fazer…
Deixa lá, tu nunca saberás que eu ainda hoje gosto de Ti,
Tanto…, mais que TUDO.
És sempre Aquele, que me lembra as doces noites
Enroladas em sonhos de pureza,
As lágrimas no final sempre sorriam
De tanto amor ver em Ti.
Meu amigo, serás para sempre o Meu Amigo…
E nos dias onde a dor é companheira
Trago-Te sempre para junto de mim.
Só Tu sabes fazer-me chorar como antigamente.
Só Tu ainda vestes a pureza do meu olhar.
Meu Amigo, Tu és…, o maior Escritor de sempre,
És…o Céu e a Terra dentro das minhas memórias,
És os meus doze anos,
És o meu maior companheiro…
E mesmo que nunca saibas quem eu sou…
Não faz mal! Eu não me importo!
És, e serás sempre,
O MEU Júlio Dinis.

Submited by

sexta-feira, agosto 7, 2009 - 21:21

Poesia :

No votes yet

JoseLuisLopes

imagem de JoseLuisLopes
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 9 anos 14 semanas
Membro desde: 06/28/2009
Conteúdos:
Pontos: 164

Comentários

imagem de KeilaPatricia

Re: Deixa lá

Gostei muito

Bjs

imagem de JoseLuisLopes

Re: Deixa lá

Olá KeilaPatrícia!

Obrigado pela sua leitura.

Fico sempre feliz quando encontro colegas da escrita que gostam do que vou escrevendo.

Peço desculpa pelo atraso deste comentário

Um beijo
JLL

imagem de Obscuramente

Re: Deixa lá

As visitas a Agramonte podem trazer esses sentimentos.

A memória nem sempre é respeitada como aqui o fizeste, entre ruas e cinemas.

Boa composição.

Abraço.

imagem de JoseLuisLopes

Re: Deixa lá

Saiba o meu Amigo que este poema ou texto poético é um daqueles que nunca me canso de ler. Existe neste escrito uma viagem á pureza da escrita deste maravilhoso escritor mas também à pureza do leitor. Eu, nesta época ainda era uma criança e acreditei durante muito tempo que o mundo poderia ser assim como o meu querido Júlio escrevia.
Perdi muita fé, mas ainda tenho esperança que um dia haverá algo parecido.
Desculpas sinceras pela demora deste meu comentário.
Um abraço
JLL

imagem de MarneDulinski

Re: Deixa lá

JoséLuisLopes!

Dispenso-me de maiores comentários, mas gostei do te poema!

Meus parabéns,
MarneDulinski

imagem de JoseLuisLopes

Re: Deixa lá

Caro Amigo mesmo com este atraso no agradecimento ao seu simpático comentário não quero deixar de lhe dizer que este é um dos poemas que mais me emociona ler, tudo ainda é tão real.

Um abraço MarneDulinski
JLL

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of JoseLuisLopes

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Fotos/ - Solidão 0 405 11/24/2010 - 00:39 Português
Poesia/Aforismo VERGONHA 3 224 03/14/2010 - 16:10 Português
Poesia/Aforismo VIOLINO 6 187 03/12/2010 - 19:33 Português
Poesia/Geral Semente sou, semente serei 6 152 03/03/2010 - 22:00 Português
Poesia/Aforismo O Grito 9 296 02/02/2010 - 16:11 Português
Poesia/Geral O Outro 18 259 01/23/2010 - 20:46 Português
Poesia/Aforismo Eu quero que seja Natal 5 178 12/14/2009 - 01:47 Português
Poesia/Geral Putrefacção 14 254 12/05/2009 - 23:13 Português
Prosas/Pensamentos Luxúria das palavras 4 153 12/01/2009 - 00:48 Português
Prosas/Pensamentos Ciúme – Dança do Cortejo 4 208 11/13/2009 - 15:36 Português
Poesia/Dedicado Poema infantil - I 10 248 11/12/2009 - 22:40 Português
Poesia/Amor 25 10 305 11/05/2009 - 19:59 Português
Poesia/Dedicado Deixa lá 6 203 11/05/2009 - 19:56 Português
Poesia/Meditação Celebração da vida 12 267 11/05/2009 - 19:37 Português
Poesia/Amizade Notas soltas 8 271 11/05/2009 - 18:40 Português
Poesia/Aforismo Teatro 10 224 10/25/2009 - 18:17 Português
Poesia/Desilusão A Espiga 6 263 08/08/2009 - 17:49 Português
Poesia/Tristeza PAI - Uma Forma de Perdão 8 187 08/03/2009 - 00:14 Português
Poesia/Meditação PALAVRAS DO POETA 19 264 08/02/2009 - 19:10 Português