CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

A dúvida
do que não chegou a ser
é um tambor de revolta que nos faz morrer.

Rufando
dias e noites a fio
num toque de aço frio no coração
e partir sabe-se lá para onde sem razão.

Um adeus sem volta
é uma injecção letal na nossa moral.

Afastamento
é veneno da alma,
paralisa os sentidos num perder de calma.

É sofrer
sem motivo de nunca chegar
e pairar num lamaçal de enganos de amar.

Saudade
é uma esperança fugidia,
um amargo dó de boca vadia
que nos mata a sede com pó da verdade.

Sentir saudade
é esperar e esperar amor
no conforto de espinhos sem luz
na escuridão oca que em nós reluz
em vão de vão em vão poesia de dor.

O sem porquê
é o porquê do nada frustrado
que ganha um corpo sem nome nem lado.

Nos ses e mas
da alcunha podia ter sido,
é abandono sem fechar a porta
é regredir no tempo e não voltar
a viver o nunca antes não vivido.

Submited by

domingo, novembro 15, 2009 - 16:50

Poesia :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 19 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Comentários

imagem de CarmenLuMiranda

Re: ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

Saudade
é uma esperança fugidia,
um amargo dó de boca vadia
que nos mata a sede com pó da verdade.

Enganos... e fazem com que percamos tempo precioso de nossas vidas.

Recuperar...o que se é perdido não se recupera, apenas muda-se de fase.

Profundo seu poema

imagem de analyra

Re: ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

O desetempero da saudade sem prazo, destino deixado ao acaso do calhar, volátil, versátil,amar...
Gostei muito deste, gosto de como tu distribui as palavras crescendo em sílabas distalmente nas estrofes.

Lindo.
Gostei imenso.

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

Parabéns pelo belo poema.

Gostei.

Um abraço,
REF

imagem de analyra

Re: ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

Realmente muito bom, vai dando voltas na cabeça, em versos livres, diversos do teu habitual, poesia que flui da boca em forma de vertente saudosa e amorosa de um ser poético.
Fascinante.
Grande abraço.

imagem de MarneDulinski

Re: ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

LINDO, GOSTEI MUITO!
MarneDulinski

imagem de cecilia

Re: ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

A pior dor, amar e ser enganado por esse sentimento, espinho na alma que toma conta do coração endurecendo-o,murcha a flor e aos poucos vai matando. Realmente frustra qualquer pessoa.

abç.

imagem de danyfilipa

Re: ENGANOS DE AMAR, ESPINHOS

"Saudade
é uma esperança fugidia,
um amargo dó de boca vadia
que nos mata a sede com pó da verdade." ah saudade! que nos conseme e destroi!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos DA POESIA 1 5.823 05/26/2020 - 23:50 Português
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 37.683 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.823 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.580 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.358 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 2.197 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.202 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.991 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.841 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 2.017 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.558 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.535 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.818 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 3.204 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.493 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 2.052 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 2.049 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 2.041 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 3.183 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.704 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.643 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.628 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.628 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.881 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.892 01/16/2015 - 20:47 Português