CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

ENTRE LENÇÓIS DE MEL

Saber que existes
faz-me perder conclusivamente apaixonado
por milhões de anos-luz frontais com a vida.

Executas em mim
um ritual eufórico de desejos
que nadam como peixes no lago da tua beleza.

És bênção de ternura
que me atrai e seduz expansivamente
ao palácio do teu cosmos entre lençóis de mel,
que embalsamas sobredotados de prazeres divinais.

A tua imagem
é uma intensidade cósmica,
quente alma de carne e osso que me tira o fôlego.

Faço no teu ser belo
o melhor lugar para eu viver,
deixo em ti cair demoradamente com precisão
a sabedoria dos meus olhares de homem rendido
aos teus olhos que convidam os meus sentimentos.

Atiro-te o meu olhar
num gesto de aproximação,
como um rebelde inspirado de luz intensa
no serpentear das minhas mãos que escrevem
o erotismo com ousadia pelas curvas do teu corpo.

Flui uma sensação
de calor da tua pele macia,
fazendo as delícias extravagantes que me excitam
o deslize nocturno sobre as fantasias que acrescentas.

Provocante
com sorrisos eróticos e sensuais,
explode em mim uma loucura de poeta
em ti musa de todos os meus orgasmos da existência.

Generosamente
és perfeita num uniforme de princesa,
flutuas flor delicada no teu andar de dançarina
declarando sexo sem tréguas na volúpia que confessas.

Atrevo-me hipnotizar
os teus contornos lotados de sensualidade,
no teu tónico de mulher que refresca os quatro cantos do universo.

Submited by

domingo, abril 19, 2009 - 01:32

Poesia :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 6 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Comentários

imagem de KeilaPatricia

Bela... muito bela... bjs

Bela... muito bela...

bjs

imagem de mariamateus

Re: ENTRE LENÇÓIS DE MEL

Atrevo-me hipnotizar
os teus contornos lotados de sensualidade,
no teu tónico de mulher que refresca os quatro cantos do universo.

Admito que sim, que sou benção de ternura.
Tu és para mim benção de... AMOR!!

beijinho 8-)

imagem de Anonymous

Re: ENTRE LENÇÓIS DE MEL

Olá Henrique.

'Faço no teu ser belo
o melhor lugar para eu viver,'

Uma declaração de amor com um toque de erotismo.

ohhh l'amour :-)

Gostei particularmente do titulo :-D

beijo

imagem de poisonrouge

Re: ENTRE LENÇÓIS DE MEL

Linda poesia! Amor explícito... Parabéns pela sua sensibilidade e bom domingo!

imagem de Anonymous

Re: ENTRE LENÇÓIS DE MEL

"A vida é um estado de consciência táctil no mundo dos sentidos; dá-se em um pequeno momento cósmico."

( Victor de Oliveira Antunes Neto )

Uma escrita excelente...Romantismo puro. Abraços

imagem de jopeman

Re: ENTRE LENÇÓIS DE MEL

A tua poesia é sempre um orgasmo da existência.
Abraço

imagem de Zezinho

Re: ENTRE LENÇÓIS DE MEL

Mas que bela sequencia de poesias.
impressionante sua qualidade,sempre impar.
Abraços querido!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 37.010 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.620 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.228 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.147 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 1.992 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.011 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.692 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.689 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 5.428 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.834 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.268 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.367 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.636 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 2.841 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.181 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.874 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 1.756 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 1.762 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 2.925 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.561 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.467 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.391 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.430 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.758 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.664 01/16/2015 - 20:47 Português