CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

ECO DA ALMA

O que escrevo é um monumento
Erguido das ruínas do eco da alma
Distinguindo uma epopeia de sentimentos
Elevados acima de uma verdade fundida
Num querer a fogo de emoções
Que se escondem numa fusão de euforia
É um miolo de letras que estruturam palavras
Sob o efeito impulsivo que narra coragem
Num fundo continuo submetido de calma
Em frases que dominam textos encrespados
Por contextos que são diques da razão
Reagindo sem bajular abundância
Na pagina de um planalto em branco
Seco e empoeirado em crusta de raiva
Erguendo um esqueleto degradado de silêncio
Irradiando ventos estivais que sopram desconfiança
Varrendo dunas de desabafo que se crispam
Em garras afiadas pelo destino sem tino

Submited by

terça-feira, abril 15, 2008 - 12:39

Prosas :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 7 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 37.069 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.638 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.261 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.156 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 2.009 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.021 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.717 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.703 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 5.473 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.852 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.306 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.381 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.653 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 2.870 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.209 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.882 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 1.777 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 1.784 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 2.948 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.568 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.481 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.403 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.440 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.775 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.688 01/16/2015 - 20:47 Português